31/07/18 - 08:14:58

Aluga-se partidos

Por que será que existem tantos partidos políticos no Brasil, se boa parte deles poderia se fundir numa única legenda sem prejuízo ideológico para os demais? Registrados já são 35 e existem dezenas de outros em fase de coleta de assinatura para pedirem, em seguida, registro definitivo à Justiça Eleitoral. Alguém pode dizer que isso é resultado do pluripartidarismo. Não é! Na verdade, boa parte não passa de siglas de aluguel, que só aparecem nas campanhas eleitorais para negociar apoio a candidaturas e vender o tempo de propaganda no rádio e na televisão. Passado o pleito, os donos desses chamados partidos ‘nanicos’ conseguem bem remunerados cargos comissionados para eles, familiares e agregados. Como se vê, além de confundir a cabeça do eleitor, essas legendas de aluguel servem apenas para políticos espertos se locupletarem com o dinheiro público.

Promessa de pastor

O pré-candidato ao Senado, pastor Heleno Silva (PRB), alerta o eleitor para não votar “naqueles que vão apoiar a reforma da Previdência. Eles tentarão aprová-la no próximo ano e eu estarei lutando contra”. Silva jura de pés juntos que não há quem o faça votar favorável a tal reforma. Então, tá!

Apoio comunista

O prefeito de Socorro, padre Inaldo Silva (PCdoB), confirmou seu apoio político ao pré-candidato a senador André Moura (PSC). Foi ontem, durante um concorrido almoço oferecido pelo padre comunista ao parlamentar cristão. Presentes ao rega bofe, 12 vereadores socorrenses também prometam votar em André. Segundo Inaldo, é justo votar em quem mais viabilizou recursos federais para Socorro.

Vítimas da crise

Nos últimos seis meses, 1.397 empresas sergipanas fecharam as portas. A maioria delas (736) tinha sede em Aracaju. Neste mesmo período, foram abertas em Sergipe 2.086, boa parte nos setores de serviço e comércio. Muitos destes novos empreendimentos são de desempregados tentando sobreviver à crise econômica. É muito por isso que, de cada 10 novas empresas, só seis sobrevivem por mais de cinco anos. Uma lástima!

Na muda

E o empresário Ivan Leite (PRB) está a um passo de ser candidato a vice-governador na chapa encabeçada por Eduardo Amorim (PSDB). Bem adiantadas, as conversas passam pela viabilização da candidatura a deputada estadual de Adriana Leite (PRB), esposa de Ivan. Ainda no bloco da situação, o ex-prefeito de Estância já comunicou ao governador Belivaldo Chagas (PSD) a possibilidade de pular a cerca para a oposição. Crendeuspai!

Palanques opostos

A tendência Articulação de Esquerda não engoliu a bênção da cúpula do PT à indicação da petista Eliane Aquino como candidata à vice na chapa encabeçada pelo governador Belivaldo Chagas (PSD). Integrante da AE, o professor Joel Almeida disse que não seguirá a decisão do PT de apoiar os candidatos do PSD, legenda que votou pelo impeachment de Dilma Rousseff (PT), e do MDB, “partido dos maiores traidores da história”. Homem, vôte!

Beabá da eleição

A Justiça Eleitoral vai reunir jornalistas sergipanos para destrinchar as regras que nortearão as eleições deste ano. Será às 9h, da próxima sexta-feira, no auditório do TRE. Na pauta estão assuntos com propaganda paga na internet e em outros veículos de comunicação, distribuição de horário eleitoral gratuito e fake news. Participe!

Pingos nos is

Chapinha ou chapão? Este será o principal assunto da reunião que os governistas realizam hoje à noite. Com a participação do governador Belivaldo Chagas (PSD) e de Jackson Barreto (MDB), o encontro visa chegar a um entendimento sobre qual a melhor opção para os candidatos proporcionais. A maioria dos partidos que apoiam Belivaldo e JB defende o chapão, porém o PCdoB e o Podemos preferem a chapinha. Marminino!

Pé atrás

Quase metade das eleitoras sergipanas (49%) ainda não sabe em quem votar nas eleições deste ano. Segundo a vereadora aracajuana Emília Corrêa (Patriota), essa indecisão “é o resultado entre o que elas querem e o que, verdadeiramente, está sendo oferecido”. Para a parlamentar, o elevado percentual de indecisas permite supor que as eleições serão definidas pelo eleitorado feminino. É, pode ser!

Em Sampa

E quem esteve ontem em São Paulo foi o pré-candidato a governador Valadares Filho (PSB). Na agenda, uma visita ao governador Márcio França (PSB). Os dois conversam sobre a administração paulista, a conjuntura política e econômica. Vavazinho ressaltou que o aliado faz “uma gestão moderna e eficiente, uma característica do PSB”.

Recorte de jornal

Publicado no jornal O Estado de Sergipe, em 27 de dezembro de 1935.

Resumo dos Jornais