08/08/18 - 06:04:21

MILTON APONTA CINCO MEDIDAS PARA REDUZIR ÍNDICES INSEGURANÇA

O empresário e advogado Milton Andrade listou as cinco medidas que pretende implementar em sua gestão, visando melhorar substancialmente os índices de violência e insegurança que assolam o Estado. “Sergipe tem a pior segurança do Brasil e isso não pode continuar acontecendo”, disse ele, que teve o nome homologado pelo PMN, durante a convenção partidária no último domingo,para participar do pleito como candidato a governador.

A primeira iniciativa, apontou, é aumentar o efetivo policial. “Temos o mesmo efetivo que tínhamos em 1996. Não dá para aceitar que 22 anos depois, tenhamos a mesma quantidade de policiais servindo à população que cresceu consideravelmente nesse período”, disse.

A segunda medida, destacou Milton Andrade, é fazer uso da tecnologia. Ele citou como exemplos o sistema Detectaque identifica rostos e carros que estão sendo procurados, assim como o Sisfron, que é um sistema de divisas e fronteiras cujo objetivo é monitorar veículos e aeronaves por todas as vias, observando o que entra em Sergipe. “Infelizmente as nossas fronteiras estão abertas e o Governo piorou, ainda mais, a situação ao desativar quase 90% dos postos fiscais”, disse o candidato, ao defender que essas estruturas sejam reabertas e usadas como postos fiscais e policiais para que se possa fiscalizar as divisas e fronteiras, coibindo a entrada de drogas e armas.

Ele observou que Sergipe não tem fábricas de drogas e nem de armas, no entanto, a maioria dos crimes com violência têm esses dois elementos envolvidos. “O problema é que estamos no século XXI, mas para o serviço público sergipano parece que estamos na idade da pedra. Ou se faz uso da tecnologia ou teremos dificuldade de fazer o devido controle das nossas fronteiras”, afirmou.

Sem ingerência política – Outra saída para melhorar a segurança, destacou Milton, é a instituição da meritocracia dentro da Polícia para estimular os que prestam bons serviços à população. “Hoje, a promoção de soldados a cabos chega a levar 12, 14 anos e depende da interferência política. Temos que afastar completamente essa ingerência e criarmos, inclusive,critérios objetivos para cursos de aperfeiçoamento e capacitação. Tudo será feito levando em conta a meritocracia plena que é o que motiva a tropa”, disse.

A quinta sugestão de Milton é a criação de um sistema integrado de segurança pública nas três áreas mais violentas: Complexo Santa Maria, São Cristóvão e Nossa Senhora do Socorro. “Nesse sistema integrado de segurança pública teremos centrais de comando e controle, em que de forma integrada as Polícias Federal, Civil e Militar estarão, de forma permanente, investigando os crimes nessa região”, explicou, acrescentando que essa será a atribuição da Delegacia de Homicídio dessas três regiões para que juntas, as Policias possam coibir a violência.

De acordo com Milton, estudos técnicos mostram que a maior parte dos assassinatos em Sergipe está nesses três complexos e sinalizam que, depois de implementada essa força tarefa, com policiamento ostensivo e monitoramento, a população ficará mais tranquila e o índice de homicídio em Sergipe cairácerca de 30% nos primeiros 100 dias.

Milton defendeu ainda a integração dos municípios no sistema de segurança púbica. “Temos que integrar as Guardas Municipais que já existem e estimular a criação onde ainda não está estruturada”, disse o candidato, que disputa pela primeira vez uma função pública, adiantando que “o município é um grande ator da segurança pública, no mundo. Só no Brasil não o é”.

Foto assessoria

Por Kátia Santana