14/08/18 - 07:11:19

SES disponibiliza ferramenta online para acesso aos dados da Saúde

O objetivo é acompanhar e monitorar a situação de saúde em todas as suas variantes, dando transparência às informações que são produzidas nos territórios

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que está disponível uma ferramenta de consulta online que permite o acesso  aos dados da Saúde de Sergipe. O objetivo é dar transparência às informações que são produzidas nos territórios, seja nas unidades básicas, nos hospitais ou nas Unidades do Pronto Atendimento (UPA). O monitoramento e análises são feitas pela equipe técnica da Gerência de Informações e Estatísticas da Diretoria de Planejamento, já a produção do conteúdo é realizada em articulação com as áreas técnicas da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

Para navegar, basta acessar a página da Secretaria de Estado da Saúde (www.saúde.se.gov.br) e clicar no banner: Nest/SES. A gerente de Informações e Estatísticas, Elaine, enfatiza que o acesso às informações é livre, uma vez que não é exigida senha nem existem regras para acesso ao site. “Tudo muito livre e transparente porque nosso interesse é que as informações sejam acessadas, tanto por gestores públicos, conselhos de saúde, secretarias diversas, órgãos de controle, imprensa, quanto por qualquer pessoa ou instituição que tenha interesse nas informações de saúde”, explica.

O diretor de Planejamento da SES, Davi Fraga, salienta a contribuição do trabalho da Gerência de Informações e Estatísticas para as gestões públicas de saúde. “As informações são úteis, também, para que os gestores conheçam o que está acontecendo  com a população e, a partir daí, possam definir estratégias para prevenir, reduzir, controlar e até erradicar doenças. Então, a ferramenta tem que servir para a ação. A gente produz a informação não só para as pessoas conhecerem os números, mas para subsidiar quem constrói estratégias, quem define ações, seja aqui na SES, seja nos municípios”, considerou.

Ainda de acordo com Davi, à medida que as informações são mostradas, seja semanal ou quinzenalmente, é possível intervir oportunamente na situação de saúde. “Difere de quando a história é contada um ano depois. Neste caso, embora não vá servir para a intervenção imediata, serão úteis para o planejamento e é por isso que a gente também trabalha com dados que já passaram”, informa.

Conteúdo

O site é composto de vários espaços: um banner rotativo, em que estão inseridas as principais produções, algumas atuais, outras mais antigas, mas que justificam a posição por serem informações importantes e pertinentes, segundo informou a gerente, como os informes financeiros e epidemiológicos das arboviroses. Existem os banners específicos como o da Sala de Situação, onde é encontrado todo um detalhamento do que é arbovirose, como a doença afeta a população, número de casos, dados que são atualizados quinzenalmente e mostram a situação dos 75 municípios e por Regiões de Saúde de Sergipe; e o Geoprocessamento, uma ferramenta que permite mapear onde é que está ocorrendo as situações de saúde.

“A gente também deixa disponível, com acesso mais fácil, o banner da cobertura de vacina, no caso o da gripe, mas vamos monitorar também sarampo e pólio porque estamos com o risco de retorno dessas doenças. Vamos receber os relatórios dos Programas de Imunização e produzir painéis. Também deixamos mais visíveis os grupos de causas de mortalidade, mostrando as circunstâncias principais de mortes da população sergipana no Estado, por regiões e por municípios. Temos ainda banners com as informações sobre as equipes da Atenção Básica, Saúde Bucal, Núcleo de Atenção à Saúde da Família e também informações pontuais, quando somos solicitados”, conclui.

No Nest/SES é possível encontrar, ainda, o Sinan, que notifica as doenças, os agravos; o SIM, que informa as mortalidades; o Sinasc, responsável por notificar os nascimentos; o SIA, que é a produção ambulatorial, o SIH, que são as internações, entre tantos outros, a exemplo do Si-pni, sistema de vacinas.

Foto: Flávia Pacheco

ASCOM SES