27/08/18 - 08:59:28

Belivaldo: “é irresponsabilidade dizer que vai entrar e pagar salários em dia”

O governador e candidato à reeleição Belivaldo Chagas (PSD) disse em entrevista na manhã desta segunda-feira (27), que está trabalhando para vencer no primeiro turno e que “não estou brincando de governar. Comigo é sim, sim; não, não”, avisou.

Durante e entrevista que concedeu ao jornal da Fan, Belivaldo fez um balanço de sua administração e falou de sua campanha, informando que “coragem não nos falta. Não basta estar de rádio em rádio. Não basta discurso bonito e ficar dizendo que vai entrar e pagar salários em dia. Pagar em dia é obrigação e estamos trabalhando para isso. Portanto não se pode fazer compromisso e não cumprir”, disse o governador.

Ao comentar sobre segurança pública, o governador disse que “os números mostram que já estamos avançando na Segurança Pública, e os nosso investimentos em inteligência, pessoal e material estão dando resultados. As câmaras de segurança que estão sendo instaladas e um melhor controle das divisas vão nos ajudar ainda mais”, explicou.

Ao falar sobre o número de secretarias no governo, Belivaldo disse que é preciso reduzir e para isso seria necessário a fusão de algumas que isso só poderá ocorrer a partir da próxima gestão e segundo Belivaldo, Sergipe deverá ter apenas 15 e não 24 secretarias. “Não vou trocar o pneu com o carro andando. Já estamos modernizando a máquina pública e vamos enxugar ainda, mais assim que pudermos. Como eu assumi o Governo há pouco mais de 4 meses, algumas mudanças só serão possíveis a partir de janeiro de 2019”, afirmou Belivaldo.

Sobre a disputa eleitoral, o governador afirmou que há candidato que apoiou “o golpe para tirar Dilma”. “Alguns candidatos a governo apoiaram o golpe de Temer e agora querem se descolar do presidente, que colocaram na força, para disputar o Governo. Quero que o povo fique de olho e vote em quem vai governar de fato”, disse Belivaldo comentando que “não sou teleguiado. Quem não se lembra daqueles que estiveram com Temer, depois Aécio, enfim, isso não ocorre comigo”.

Belivaldo afirmou também que “estou preparado e tenho a experiência que Sergipe precisa de um gestor para os próximos anos. Não dá para brincar de administrar o Estado, de deixá-lo nas mãos de gente que não tem capacidade”.

O governador falou ainda sobre a divulgação de obras realizadas pelo governo, incluindo o governo de Jackson Barreto e disse que “estamos num projeto que está dando certo, fruto de estratégia, trabalho e planejamento. Veja a mudança na Segurança Pública. Nós temos o que mostrar de obras e ações”, disse Belivaldo informando que não há problemas em citar obras, caso seja necessário. Não existe obra de A ou B”.

Ainda sobre obras, Belivaldo Chagas voltou a afirmar que “colocaram o dedo” para impedir a liberação do Finisa que seria usado para recuperar as rodovias estaduais. “O pedido do empréstimo foi aprovado na Alese e todos os documentos foram providenciados, portanto, não saiu porque o presidente não deixou”, contou o governador.

Ao final, Belivaldo Chagas afirmou que “estou preparado e tenho a experiência que Sergipe precisa de um gestor para os próximos anos. Não dá para brincar de administrar o Estado, de deixá-lo nas mãos de gente que não tem capacidade”, concluiu.

Munir Darrage