28/08/18 - 15:48:51

SINDICATOS DA SAÚDE PROPÕEM EMENDAS SOBRE EMPREGOS FHS

Votação do PL 98/2018 foi adiada e sindicalistas vão discutir mudanças no texto do projeto com parlamentares e representantes do Governo

por: Iracema Corso

O Projeto de Lei 98/2018 para resolver a situação de instabilidade no emprego dos servidores concursados da Fundação Hospitalar de Saúde (FHS) foi novamente retirado da pauta da Assembleia Legislativa de Sergipe na seção desta terça-feira, 28 de agosto.

Sindicatos filiados à Central Única dos Trabalhadores (CUT/SE), o SINDINUTRISE (Nutricionistas e Técnicos em Nutrição), o SINPSI (Psicólogos) e o SINDASSE (Assistente Social) foram algumas das organizações dos trabalhadores da Saúde que defenderam a retirada do projeto de pauta para que haja a inserção de emendas no texto do projeto de lei conferindo real garantia do emprego dos trabalhadores da Fundação.

A matéria foi retirada do Plenário e chegou à Sala das Comissões. Lá, os parlamentares Ana Lúcia, George Passos, Chiquinho Gualberto e até o presidente da ALESE Luciano Bispo concordaram em fazer um debate aprofundado com os sindicatos sobre possíveis mudanças e para definir exatamente qual garantia de emprego o projeto de lei do Governo do Estado proporciona aos trabalhadores da FHS.

Segundo Mychelyne Guerreiro, Coordenadora Geral do SINDINUTRISE, todos os sindicatos da saúde envolvidos querem que este Projeto de Lei seja votado. “O problema é que a proposta do Governo apresentada neste PL98/2018 realmente não satisfaz os anseios dos sindicatos de trabalhadores da saúde em sua maioria. Eu acredito que a retirada deste projeto da pauta foi uma vitória porque vamos sentar com o Governo e renegociar esta proposta até que se façam emendas importantes no projeto. O que a gente quer de verdade é que fiquem resguardados os empregos dos ocupantes concursados do Quadro de Pessoal em Extinção, criado pela lei que o governo enviou para ser votada. No caso da extinção da Fundação Hospitalar de Saúde, por força de lei específica, seu patrimônio e quadro de pessoal concursado, seja incorporado ao patrimônio e quadro de pessoal da Secretaria Estadual da Saúde, respectivamente”, explicou a dirigente sindical.

Foto assessoria