03/09/18 - 09:14:38

Capacitação voltada à profissão de frentista oportuniza inserção ao mercado de trabalho

Uma das metas do planejamento estratégico da atual gestão da Prefeitura de Aracaju, traçada por meio da Fundação Municipal de Formação para o Trabalho (Fundat), é o alinhamento dos cursos de qualificação profissional oferecidos pelo órgão às demandas oriundas do mercado de trabalho. Por conta disso, a Fundação proporcionou aos aracajuanos mais uma turma do curso de Frentista (160h), realizado graças à parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e o Centro de Integração da Família (Ceinfa).

Durante a capacitação, finalizada nesta sexta-feira, 31, as aulas teóricas ocorreram no Ceinfa, e as práticas aconteceram em dois dos postos da rede Presidente. E, para o último dia de aula, os alunos apresentaram um projeto de conclusão, a fim de demonstrar o aprendizado adquirido. O encerramento contou com a presença do presidente interino da Fundat, Jorge Araujo Filho, a diretora de Formação Profissional, Selma França, a representante do Senac, Renata Ferreira, e o presidente do Ceinfa e proprietário da Rede Presidente, Sandro de Miro.

Jorge Araujo Filho parabenizou os participantes por concluírem o curso e destacou a qualidade do ensino transmitido. “Quero agradecer ao presidente Sandro e as equipes do Ceinfa e da Fundat, representada por Selma que não mediu esforços para realizar o acompanhamento pedagógico. Além disso, agradeço novamente ao Senac pelo fortalecimento da parceria”, expressa.

Na ocasião, o presidente interino também explicou sobre as vertentes de atuação da Fundat que são a qualificação profissional, o encaminhamento de mão de obra e o empreendedorismo, além de elogiar a motivação da turma, estimulando-a a persistir e perseverar nos desafios da vida. “Não podemos nos contentar e nos acomodar, temos que seguir em frente. Tenho certeza que daqui sairão futuros contratados da Rede Presidente, pois o curso preparou muito bem cada um para atuar no mercado. Enquanto eu estiver na Fundat, quero fortalecer ainda mais a parceria com o Ceinfa e o Senac. Estamos abertos à sugestões e possíveis demandas que surgirem e analisaremos a possibilidade de serem concretizadas. Desejo sucesso e espero retornar para prestigiar mais encerramentos e inícios de cursos”, conclui Jorge.

Sandro de Miro acentuou a força existente na parceria com os órgãos. “Colocamos a rede de postos à disposição para a execução do projeto prático e, agora, também priorizaremos em nossos processos seletivos os alunos que se capacitaram neste curso”, acrescenta Sandro, ressaltando o valor da profissão de frentista. Ele também agradeceu a parceria, colocando o Ceinfa à disposição para receber a oferta de novas capacitações, com o intuito de que novas pessoas tenham a oportunidade de aprender uma profissão. “Já ouvi relatos de vários cidadãos que hoje trabalham no mercado como cabeleireiros, manicure e pedicure, por causa dos cursos promovidos no Ceinfa, e isso me deixa muito satisfeito e feliz”, comenta.

A diretora Selma pontuou o excelente trabalho desempenhado pela instrutora Eldelfrancla Reis. “Vocês foram em busca de motivação porque tiveram uma instrutora de qualidade para motivá-los. Quero também dizer que em breve, o curso de NR20 estará disponível para ser realizado”, afirma, salientando o empenho e desempenho dos alunos durante a prática. “Eles não ficaram parados e demonstraram capacidade, parabéns mais uma vez, fico muito feliz por cada uma”, revela.

A representante do Senac, Renata Ferreira, deseja que os alunos alcancem os propósitos almejados. “Enquanto instituição, não temos apenas a responsabilidade de educá-los tecnicamente, mas também educar com as competências ligadas ao relacionamento interpessoal e à autonomia. Com certeza, aqui, temos profissionais qualificados para o mercado de trabalho”, acredita.

Desenvolvimento profissional

A instrutora do curso, Edelfrancla Reis, reforçou a força de vontade que os alunos tiveram em aprender. “Cada um tem a sua história, particularidades e jeito de ser, mas todos estavam sabendo o que queriam, para mim foi muito bom porque pudemos construir o conhecimento juntos. São alunos que podem ir para o mercado e que conseguem lidar com o público. Eu sempre disse que para ser frentista, ser vendedor de serviço, é preciso gostar de gente, e isso eu puder ver neles. Por vezes, eu só ficava observando eles executarem a função e faziam com muito zelo e apreço”, relata a instrutora, agradecendo a receptividade da Fundat e do Ceinfa. “As equipes foram maravilhosas, fui muito bem recepcionada e o ambiente foi muito familiar”, diz.

Devido ao desemprego, e à vontade de se recolocar no mercado de trabalho, a aluna Nadya Xavier, 34, decidiu participar do curso. “Decidi buscar meios que me dessem a chance de voltar a trabalhar, foi aí que encontrei na Fundat a capacitação em frentista”, conta Nadya, relatando como foi adaptar-se ao curso. “Para mim foi uma virada do que eu estava acostumada, mas por outro lado envolve atendimento ao público que é uma área que já tenho experiência. Acredito que este é um mercado com muita abertura por conta da existência de muitos postos de combustíveis em Aracaju”, diz.

Ela finaliza falando sobre a importância de oportunidades como essa que permitem ao cidadão voltar a atuar no campo profissional. “É um incentivo muito grande, pois mostra a pessoas como eu que ainda estão fora do mercado de trabalho, os diferenciais e as necessidades desse novo mundo de trabalho. O curso, além de qualificar, nos dá uma importância muito maior”, afirma Nadya, citando alguns dos novos aprendizados adquiridos com a capacitação.

“Aprendi sobre a mecânica de trabalho do frentista que está ligado ao abastecimento e a venda específica, pois é um serviço voltado ao bem material, além de ter aprendido a desenvolver um atendimento mais personalizado, através do que foi passado na teoria e na prática, no posto Presidente”, conta.

Fonte e foto assessoria