10/09/18 - 14:38:09

Reformas Tributária e Política serão alvos do Senador Antonio Carlos Valadares

Candidato enumerou projetos importantes a apresentar no caso de reeleição, em entrevista à Jovem Pan

“É notório o sentimento de mudança que se vê no eleitorado, tanto da capital como do interior do estado. O desejo de votar consciente, conhecendo as propostas de seu candidato e de saber o que foi feito durante o mandato é mais forte do que a sedução da venda de votos. As tentativas de compra, por parte de lideranças que estão com dinheiro vivo em mão, até existem, mas não são importantes no momento. O povo quer mudança”.

Foi assim que o senador Antonio Carlos Valadares, candidato a reeleição pela coligação “Um Novo Governo para Nossa Gente”, deu início à sua entrevista ao jornalista Paulo Souza, no Jornal da Manhã da Rádio Jovem Pan, nesta segunda-feira (10).

Bem informado, disposto e muito entusiasmado, o candidato falou a cerca de seus trabalhos nos mais recentes oito anos à frente do Senado Federal, principalmente sobre as mais de mil proposições apresentadas por ele, enumerando sobretudo os benefícios conseguidos pelas  PECs de sua autoria, como a da  revitalização do São Francisco, da Barragem do Xingó, da alimentação para os brasileiros carentes e a que garante retorno aos cofres públicos do dinheiro desviado pelos golpes descobertos pela Operação Lava Jato.

Mas é a continuidade de sua luta no Senado Federal, para conseguir a efetivação de propostas no Congresso e a apresentação de novas idéias, que fazem o senador retornar àquela Casa. As reformas Política e Tributária, por exemplo, estão entre as que mais mobilizam o candidato. Conhecedor da injustiça tributária vigente no país, onde os impostos sobrecarregam tanto empresas como cidadãos, Antonio Carlos Valadares acredita que as duas reformas podem andar em paralelo e vão resolver questões significativas.

“É muito importante diminuir o número de impostos no Brasil, bem como a carga tributária vigente. Para tanto o Governo Federal terá que abrir mão de algumas de suas receitas, além de fazer uma distribuição mais equitativa do bolo tributário com os estados e municípios, que estão sofrendo muito com a disparidade entre o que arrecada a União e o que eles obtêm de benefícios” disse o candidato que pretende ainda injetar novidades como a taxação das grandes fortunas. “Já apresentei esse projeto baseado na sua obrigatoriedade constitucional, mas até hoje, infelizmente, ele não saiu do Senado Federal”, salientou o candidato.

Figura ainda nos planos de Antonio Carlos Valadares, valorizar a cultura e a educação em Sergipe, mesmo sabedor das dificuldades que enfrentará para isso. “A partir do Governo Federal é muito dificil colocar dotações orçamentárias para fortalecer a cultura. Um exemplo pontual está em Tobias Barreto. Colocamos, por dois anos seguidos, um projeto de mais de um milhão e meio de reais para a construção de centro cultural na cidade, envolvendo bibliotecas, teatro e escolas, e há uma grande dificuldade para liberar estes recursos, contingenciados pelo governo”, explicou o senador.

Para ele, pra funcionar o projeto teria que derivar de uma emenda impositiva. “Naquele tempo a emenda individual não era obrigatória. Agora é, e de agora em diante, os senadores da República e os deputados federais poderão colocar no Ministério da Cultura dotações para fortalecer o sistema educacional e cultural do país. Poderão, através de emendas impositivas, conseguir recursos para a implantação de atividades ligadas a Cultura, e não somente para a realização de festas e shows de artistas consagrados”, finalizou o senador.

Matéria produzida pela Coligação

Foto: Diego