28/09/18 - 13:29:06

PROGRAMA GOVERNO: BELIVALDO DEDICA ATENÇÃO AO TURISMO

A estratégia de desenvolvimento econômico planejada pelo governador do Estado e candidato à reeleição Belivaldo Chagas para sua próxima gestão, contempla o turismo como importante setor da economia sergipana e confere à área atenção especial no Programa de Governo “Pra Sergipe Avançar”, elaborado conjuntamente com a candidata a vice-governadora Eliane Aquino.

Os candidatos vislumbram o enorme potencial de geração de emprego e renda e de inclusão social a partir do desenvolvimento da cadeia do turismo e, para isso, vão atuar na superação dos atuais desafios deste segmento econômico, tais como, elevação da competitividade e consolidação do destino turístico Sergipe.

O governo Belivaldo vai investir, ainda mais, em promoção nacional do Destino Sergipe, com recursos do Prodetur e em parcerias com o trade turístico, classe junto a qual criará o Conselho Estadual de Turismo.

Junto com Eliane, Belivaldo vai estimular a criação de novos roteiros turísticos com foco no lazer (sol e praia), ecoturismo, histórico-cultural e eventos; elaborar o diagnóstico da cadeia produtiva do turismo de modo a facilitar as relações entre os diversos demandantes de bens e serviços e o conjunto da economia sergipana; desenvolver, através do SEBRAE, SEIDH e SETUR, capacitação e estímulo ao empreendedorismo na área de turismo; e utilizar instrumentos financeiros (concessão de crédito) e de apoio técnico e logístico para o desenvolvimento de novos negócios, principalmente no interior do Estado.

Programa de Desenvolvimento

De acordo com o governador, em parceria com BID, o Governo de Sergipe já concluiu e executa, atualmente, diversas obras e ações voltadas ao desenvolvimento do setor turístico por meio do Prodetur (Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo – Sergipe), cujo objetivo é incrementar a renda e o emprego no Estado de Sergipe a partir da consolidação e diversificação da atividade turística.

Com recursos desse programa, destaca Belivaldo, seu governo construiu e entregou à sociedade novos e importantes equipamentos turísticos, “como a Orla da Prainha de Canindé, no município de Canindé de São Francisco, obra que contemplou, também, a execução de um atracadouro e implantação de sistema de esgotamento sanitário; e a reforma do Centro de Turismo em Aracaju, inaugurada em fevereiro deste ano”, exemplifica o governador.

A partir do Prodetur, o Governo de Sergipe executa, atualmente, a construção do Atracadouro Ilha Mem de Sá e Caibros, em Itaporanga D’Ajuda; a reforma da Orla Por do Sol, em Aracaju; e a elaboração de uma série de projetos ambientais, como o da política de gerenciamento costeiro o programa de comunicação e prevenção à exploração sexual de crianças e adolescentes decorrentes da atividade turística. “Com o Prodetur, entre os anos de 2014 a 2018, Sergipe gerou quase 11.500 empregos, diretos e indiretos.

Capacitação

Com recursos do Prodetur, o Governo desenvolve, ainda, uma ação planejada de educação voltada à qualificação profissional no Turismo. Assim, oferta, desde 2014, cursos de formação e de capacitação básica de profissionais ligados à cadeia do Turismo nos municípios que integram os Polos “Costa do Coqueirais” (Aracaju, Barra dos Coqueiros, Estância, Indiaroba, Itaporanga D’ Ajuda, Laranjeiras, N. Sra. do Socorro, Pacatuba e Santa Luzia do Itanhy) e “Velho Chico” (Canindé de São Francisco; Poço Redondo; Porto da Folha;  Monte Alegre de Sergipe; Nossa Senhora da Glória; Gararu; Nossa Senhora de Lourdes; Itabi; Canhoba; Amparo de São Francisco; Telha; Propriá; Cedro de São João; Japoatã;  Santana do São Francisco; Neópolis; e Ilha das Flores).

Visando construir no ambiente acadêmico eixos de atuação e formas de investir no segmento do Turismo, o Governo de Sergipe implementou, de forma inédita no país, turmas de especialização, em parceria com a Universidade Federal de Sergipe (UFS), destinadas a profissionais graduados que atuam no turismo.

Por meio de edital, foram selecionadas 105 pessoas para o curso de pós-graduação em Gestão de Empreendimentos Turísticos e em Planejamento da Atividade Turística , cujos alunos estão, agora, em fase de elaboração de seus Trabalhos de Conclusão de Curso.

Negócios

Determinado a concluir as obras de reforma e ampliação do Centro de Convenções de Sergipe para desenvolver o Turismo de Negócios, o Governo do Estado empenhou esforços e conseguiu retomar, este ano, a execução do projeto, que conta com recursos do governo federal e contrapartida financeira do Estado.

Responsável pelo gerenciamento da reforma, a Secretaria de Estado do Turismo (SETUR), por meio de uma equipe técnica, acompanha, com afinco, a execução do projeto, cujo cronograma tem sido atendido com rigor.

Belivaldo explica que com este novo Centro de Convenções Sergipe avança na consolidação do turismo de negócios e passa a fazer frente e disputar mercado com outros estados nordestinos. “Ao conseguir atrair grande eventos de negócios, trazemos mais turistas a nosso Estado, movimentamos a economia e geramos emprego e renda para nossa população”, destaca o governador.

O projeto do novo Centro de Convenções contempla a edificação de novo pavilhão, anexado a área atual, aumentando a capacidade do local. O pavilhão contará ainda com oito auditórios removíveis com capacidade para 1.400 pessoas.

Redução de aluguéis e refinanciamento de dívidas

Em atendimento a demanda apresentada pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes em Sergipe (ABRASEL/SE), entidade que compõe o trade turístico sergipano, o Governo de Sergipe aprovou no último dia 20, por meio de deliberação do Conselho da Administração da Emsetur, a correção dos valores de aluguéis dos bares e restaurantes da Orla de Atalaia e o refinanciamento de dívidas de aluguéis pendentes junto a Empresa Sergipana de Turismo (Emsetur), em até 48 parcelas.

Essa medida reforça o compromisso do Governo Belivaldo com o setor de Turismo e disposição do Estado em apoiar a classe empresarial e fomentar o desenvolvimento da cadeia do turismo.

“Assim que assumimos a pasta, os representantes da Abrasel nos procuraram para explanar a difícil situação que o empresariado enfrenta, mediante o atual quadro de crise que o país vivencia. E, obedecendo a uma orientação do governador, revisamos os valores dos aluguéis dos bares e restaurantes da Orla, reduzindo de 2,5% para 1% a alíquota aplicada a pagamentos de modo regular.

O presidente da Abrasel em Sergipe, Augusto José de Carvalho, mostra-se satisfeito com as medidas adotadas pelo Governo Belivaldo e afirma que a iniciativa pode ser interpretada como “uma vitória da classe empresarial e de todos os agentes que atuam no setor, já que a partir dessa decisão os comerciantes terão um incentivo para regularizar sua situação financeira e continuar desempenhando suas atividades de forma mais tranquila”.

Da assessoria

Foto: Marcos Rodrigues