17/10/18 - 00:01:16

“TERRORISMO” NOS GRUPOS

DIÓGENES BRAYNER[email protected]

O segundo turno normalmente tem uma campanha mais acirrada. Afinal é natural que todos tentem manter ou tirar a diferença posta, para uma vitória no final. Sinceramente não é fácil. Chega-se a um certo pânico quando o tempo vai passando e não se avalia uma redução nos votos do adversário, necessária para uma ultrapassagem tranquila com chance de subir ao pódio.

Para vencer na política tem quem faça até “composição com o capeta” [a frase é de um político]. Afinal, ninguém quer perder o poder e nem a chance de conquistá-lo. Nessa corrida, os atos desvairados vêm à tona, porque o objetivo final não tem preço. “Vale até pisar no pescoço da mãe”, como se diz nessas disputas para ‘ganhar ou ganhar’. O WhatsApp passou a ser um canal aberto para essas aberrações, que terminam por iludir o povo através de notícias falsas (fake news) ou ultrapassadas.

Principalmente aquelas que horrorizam a sociedade e jogam a culpa em alguém.

Para a elaboração de conteúdos precisam-se de gênios do mal. Aquele que calcula bem, e exatamente, o estrago que o fake provocará junto à sociedade e a transferência de culpa para os inimigos ou adversários. Esse tipo de terror se espalha rapidamente a cada acesso e, posteriormente, ao ser compartilhado. Alguns fatos são de tamanha violência e crueldade, que até mesmo não têm crédito, embora inunde os grupos.

Ontem foi um dia de horror em Aracaju e cidades do interior, com a postagem do fake news anunciando a ação de homens armados que sequestravam crianças para matá-las. Vozes de prováveis mães aflitas anunciavam esse crime no Mosqueiro, em Propriá e outros municípios. Além de fotos com crianças esfaceladas e levadas em um caixão. De Propriá um apresentador de programa de rádio anunciou aflito que mães estavam sem deixar crianças sair de casa com medo dos sequestradores. Um pânico geral…

Todos os fakes cobravam, até sutilmente, o policiamento no Estado e reclamavam da ação da Segurança. Foi o erro dos gênios, que deixaram pistas para a conclusão de que se tratava de uma informação que tinha objetivos político. Depois que a SSP passou a investigar o caso e pode processar até quem compartilhou, essas falsas notícias desapareceram.

É isso aí! Segundo turno que segue…

ROGÉRIO E FAKE NEWS

O senador eleito Rogério Carvalho (PT) lamenta que pessoas acreditem nos fake news e denuncia notícia falsa publicada dois dias após sua vitória em um blog de Sergipe.

Em investigação descobrimos que o vídeo foi feito em outro Estado.

PODE SER MAIS RÍGIDO

Rogério Carvalho diz que os fake news, nocivos à democracia, estão na campanha presidencial. O Tribunal tomou um posicionamento sobre a notícia falsa do kit gay.

– Mas sinto que o TSE pode ser mais rigoroso no combate.

MACHADO E BOLSONARO

José Carlos Machado diz ao Universo Político que os números das pesquisas, embora muitas apresentem resultados diferentes, mostram que Bolsonaro será sim eleito.

– Haddad precisará conquistar um milhão de votos por dia…

SOBRE FAKES NEWS

Uma chuva de fakes news inundou as redes socais ontem sobre sequestros de crianças em vários pontos do Estado, praticamente na mesma hora.

Esse sim, é realmente o chamado marketing do mal.

MUITO MAL FEITAS

O fake news publicado trazia cenas terríveis – e ao mesmo tempo cruéis – que se tornaram inacreditáveis. Foi tudo muito mal produzido.

Daí a percepção que se tratava de mentira.

BOA RECEPTIVIDADE

Heleno Silva (PRB) disse que teve “grande aceitação”, do seu eleitorado no sertão, a sua decisão de apoiar Belivaldo Chagas (PSD) à reeleição no segundo turno.

– Belivaldo também foi o mais votado pro Governo na região.

DELEGADA DANIELA

Delegada Daniela Garcia disse ontem que não declarou apoio à candidatura de nenhum dos candidatos a presidente da República: “nem Bolsonaro e nem Haddad”.

Confirmou que gravou o vídeo em favor de Valadares e poderá gravar outros.

BOSCO VAI DECIDIR

Deputado federal eleito Bosco Costa conversou com o prefeito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho, ontem e hoje vai ao irmão, prefeito de Moita Bonita, Marcos Costa.

Só depois dirá quem vai apoiar neste segundo turno.

SOBRE A ASSEMBLEIA

A deputada eleita Maísa Mitidieri (PSD) disse ontem que sobre a mesa da Alese só vai tratar depois das eleições: “o foco agora é a reeleição de Belivaldo Chagas”.

– Na conversa entre os eleitos a posição foi essa, disse.

ATAQUE NOS REDUTOS

Um deputado estadual eleito [pediu off] confidenciou que teve de lutar muito para conquistar o mandato: “tive que me virar nos trinta”, brincou.

– Sem dinheiro, os demais candidatos atacaram meus redutos, mas me salvei!

POVO MANTÉM SILÊNCIO

Apesar da proximidade do resultado final do pleito, o eleitor ainda mantém silêncio sobre em quem vai votar para governador no segundo turno.

Alguns acham que só altera o resultado com fato novo…

MARCIO VÊ DIFERENÇA

Marcio Macedo (PT), candidato derrotado a deputado federal, lamentou: “perder sem votos é normal, democrático, mas perder com votos é muito lamentável”.

– Tive mais votos que os últimos três eleitos, disse.

ESTÁ EM SÃO PAULO

Marcio Macedo é vice-presidente do PT Nacional e está em São Paulo participando da coordenação de campanha de Fernando Haddad neste segundo turno.

No final de semana Marcio virá a Sergipe para campanha de Belivaldo.

VALADARES NA TV

O candidato a governador Valadares Filho (PSB) concedeu ontem entrevista a TV-Sergipe e reafirmou que pagará a todos os servidores dentro do mês já em janeiro.

Anunciou redução de Secretarias e dos cargos em comissão.

EDUARDO TRANQUILO

O senador Eduardo Amorim (PSDB) disse ontem que está bem, tranquilo e “melhor do que quem está à porta de um hospital esperando atendimento”.

Por coerência não apoia nenhum dos dois candidatos no segundo turno.

DEVE CONTINUAR

Eduardo Amorim disse que só vai decidir o seu destino depois que entregar o mandato, mas admite que poderá continuar na política e atuando como médico.

Diz que isso é para se ver mais à frente.

SOBRE PATRIMÔNIO

Eduardo Amorim disse ainda que deixa o mandato de senador, em fevereiro, com um patrimônio material menor do que entrou e de “consciência tranquila”.

E lembrou que vem realizando um mandato produtivo.

IBOPE FAZ PESQUISA

O Ibope registrou nova pesquisa no TRE, dia 12 deste mês, para divulgação amanhã pela TV-Sergipe, que contratou a avaliação por determinação da Rede Globo.

As pesquisas caíram em descrédito depois dos resultados em primeiro turno.

Notas

Kit gay é suspenso – O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Carlos Horbach determinou a suspensão de links de sites e redes sociais com a expressão “kit gay” usados pela campanha de Jair Bolsonaro (PSL) para atacar o candidato do PT, Fernando Haddad.

0x0

Haddad quer entrevista – A Coligação O Povo Feliz de Novo (PT, PC do B e Pros) pediu ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral), ontem, para que o candidato Fernando Haddad (PT) dê entrevista ao SBT caso o seu concorrente Jair Bolsonaro (PSL) não participe do debate presidencial marcado pela emissora para amanhã.

0x0

Edvaldo sugere Haddad – O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB) sugeriu: “vamos responder todo o ódio com amor! Vamos fazer uma campanha de convencimento, de argumentos, mostrar que o projeto de Fernando Haddad é o melhor para o Brasil! Vamos pras ruas de cabeça erguida!”

0x0

De Ricardo Noblat – Quando Bolsonaro diz que não se muda nada por meio do voto, acredito que é sincero. Acredito quando lamenta que mais brasileiros não tenham sido mortos pela ditadura militar. Acredito que ele só fala a verdade. O que me espanta é que muitos não acreditem.

0x0

Horário de verão dia 4 – Após manter início do horário de verão para 4 de novembro, governo federal fará uma campanha para evitar problemas no dia da primeira prova do Enem. À meia-noite de sábado, dia 3, para domingo, 4, moradores de 10 Estados e do DF deverão adiantar o relógio em uma hora.

0x0

Apelação de Palocci – O julgamento da apelação de Antonio Palocci foi marcado para 24 de outubro. Na ocasião, a 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região vai analisar a sentença do juiz Sérgio Moro que condenou o ex-ministro a 12 anos, 2 meses e 20 dias de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro na Operação Omertà.

Conversando

Eduardo Guimarães – Se Bolsonaro se eleger, seis meses depois você não encontrará uma alma viva que admitirá ter votado nele. Igualzinho aconteceu com Collor.

PPS anuncia hoje – Segundo o presidente do PPS em Sergipe, Clóvis Silveira, o partido vai anunciar hoje a quem vai apoiar no segundo turno!

Retorna às ruas – Edvaldo Nogueira retorna às ruas para fazer campanha em favor de Belivaldo Chagas neste segundo turno.

Emitir opinião – Avaliadores de campanha eleitoral só pretendem emitir opinião sobre o resultado da eleição em segundo turno a partir de sexta-feira.

Mais rápida – A votação de domingo, dia 28, será muito rápida em razão da presença de apenas quatro nomes nas urnas.

Faz carreatas – Valadares Filho (PSB) tem feito carreatas pelos bairros e grande Aracaju, para manter e conquistar mais votos.

Para se recompor – A oposição terá dificuldade de se recompor, caso o deputado Valadares Filho não saia vencedor neste segundo turno.

Liderar grupo – Não haverá dificuldade, mas dificilmente o deputado federal André Moura (PSC) não lidere um grupo político em Sergipe.

Vieira retorna – O senador eleito Alessandro Vieira (Rede) já retornou do encontro do ReformaBR, realizado em Brasília e hoje já concede entrevista.