20/10/18 - 08:00:05

Prefeitura faz visita técnica nas obras de revitalização da Orla Pôr do Sol

As obras de revitalização da Orla Pôr do Sol Cleomar Brandi, iniciadas em maio deste ano, seguem com normalidade no cumprimento do seu cronograma e segundo o engenheiro da empresa responsável pela reforma, Luís Gabriel Estevão, a previsão é que a obra seja concluída em dezembro. Para acompanhar o que já foi executado, na manhã desta sexta-feira, 19, a Prefeitura de Aracaju, através da Secretaria Municipal da Indústria, Comércio e Turismo (Semict) e da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb), acompanhada por representantes do Programa Regional de Desenvolvimento do Turismo em Sergipe (Prodetur/Se), realizou uma visita técnica no local.
A vistoria teve início com as equipes avaliando o que foi projetado para estabelecerem o roteiro da visita. O primeiro ponto de observação foi o deck do atracadouro – a ser usado por embarcações maiores (catamarãs) -, que teve todo o piso em madeira substituído. Além disso, o atracadouro teve toda estrutura de concreto restaurada, “inclusive com um tipo de concreto mais adequado para essa região”, explicou o engenheiro Luís Gabriel, apontando também a instalação de dois chuveirões para oferecer mais comodidade no desembarque de turistas após os passeios de lanchas.
Na sequência, os técnicos vistoriaram a passarela de madeira que dá acesso ao embarque e desembarque nas lanchas. “Todo o piso foi restaurado, com toda a extensão de guarda-corpo reforçada com colagem especial, raspagem e nova pintura, oferecendo não só mais segurança, como mais beleza e integração com esse cenário natural”, avaliou o secretário Ricardo Mascarello, que conversou com operários sobre aspectos técnicos dos materiais usados.
Também foram recuperados a parte externa dos módulos de comercialização de produtos, a Casa de Apoio aos Pescadores, o Centro de Atendimento aos Turistas (CAT), além da construção de dois banheiros públicos e a restauração de trechos degradados do piso de concreto no calçadão da Orla.
A arquiteta e urbanista Ana Angélica, responsável pelo projeto de urbanização da obra na Emurb, considera a Orla Pôr do Sol um dos projetos que marcaram sua trajetória profissional e enaltece a importância da reforma. “Fico muito feliz, como urbanista, ver que o resultado do projeto, aliado a uma estrutura urbana, tenha dado um novo significado naquele espaço, gerando o surgimento de várias atividades como o turismo e o esporte, e essa revitalização vem assegurar qualidade de vida para os aracajuanos e para os turistas que chegam e encontram conforto, belezas naturais e toda infraestrutura para fazer de sua passagem por Aracaju, um momento especial de vida, uma experiência que vale a pena ser repetida”, considerou.
Sinalização Turística 
O ponto final da visita foi a demarcação de pontos e tipos de placas que comporão o projeto de sinalização turística indicativa para o local. Com o projeto de reforma em mãos, Ricardo Mascarello e Ana Angélica percorreram todo o circuito da obra levantando a demanda por informações que cada setor necessita. “Essa questão foi colocada em reunião que tive com a coordenação do Prodetur e hoje, junto com a arquiteta Ana Angélica, responsável pelo projeto na Emurb, avaliamos locais e tipos de informação que queremos prestar para quem passa pelo local. São placas informativas de acesso às rampas de embarque, indicação de sanitários, chuveiros, de equipamentos como os módulos comerciais, brinquedos para crianças e Centro de Atendimento ao Turista, além, claro, de placas de educação ambiental, em toda extensão da Orla, para que cuidemos não só do que é edificado, mas também de todo entorno natural deste belo local”, concluiu.
Participaram da visita o secretário interino da Indústria, Comércio e Turismo de Aracaju (Semict), Ricardo Mascarello, acompanhado pela diretora de turismo da secretaria, Luciana Kariny; a arquiteta e urbanista Ana Angélica Silva Rocha (Emurb); os coordenadores operacional e de infraestrutura do Programa Regional de Desenvolvimento do Turismo em Sergipe (Prodetur/Se), Rafael Corona e Felipe Brito, respectivamente; além do engenheiro Luís Gabriel Estevão, da empresa Camel, responsável pela obra.
Foto: Alê alcântara