24/10/18 - 14:36:02

LAÉRCIO PARTICIPA DE REUNIÃO COM O GRUPO EXXON MOBIL

Laércio participa de reunião com Grupo Exxon Mobil e fica feliz com o desenvolvimento que terá em Sergipe

O deputado federal Laércio Oliveira participou nessa quarta-feira, dia 24, de reunião na Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec), com o secretário José Augusto Carvalho, Executivos do grupo americano Exxon Mobil, técnicos da Sedetec, pelo presidente da Codise, José Matos Filho, além de assessores do Governo do Estado e representantes da Secretaria da Segurança Pública.

A Exxon Mobil ganhou a concessão para fazer a exploração de petróleo em águas profundas na bacia Sergipe/Alagoas. Durante a visita eles puderam conhecer um pouco mais sobre o Estado, suas oportunidades de investimento, potencialidades e índices econômicos, além de tomar conhecimento sobre as ações realizadas em prol da segurança pública local.

Para o deputado Laércio Oliveira, Sergipe é um estado com capacidade de atratividade muito grande e seguro para se viver. “Foi isso que ficou demonstrado durante essa visita, quando foi aberto um horizonte extraordinário para Sergipe, de uma grandeza estúpida e hoje saio daqui muito feliz, na certeza de que as coisas acontecerão, dentro desse planejamento que vem sendo feito para os próximos 12 a 18 meses. Esses são os passos que a gente precisa dar para concretizar lá na frente a chegada em nosso Estado dessa companhia extraordinária”, disse ao destacar que esses projetos são frutos do trabalho que vem sendo desenvolvido com muita seriedade pela Sedetec, Codise e pelas empresas que formam o desenvolvimento econômico do Estado.

O parlamentar enfatizou que a chegada Exxon Mobil trará não somente desenvolvimento econômico, mas também geração de emprego e renda para Sergipe.

O secretário José Augusto Pereira afirmou que a chegada da Exxon Mobil em Sergipe está sendo aguardada com grande expectativa. “Isso vai representar um grande marco econômico na história do Estado, tal qual foi visto no passado quando da chegada da Petrobras por aqui, e  agora com um volume muito maior em exploração de petróleo, por se tratar de águas profundas”, enfatizou.

Foto assessoria

Por Elenildes Mesquita