29/10/18 - 10:27:45

Belivaldo é eleito com a maior votação dos últimos 30 anos em Sergipe

O atual governador, agora reeleito, teve a maioria dos votos em  74 municípios do Estado. Uma diferença que supera os 308 mil votos_

Belivaldo Chagas (PSD) foi eleito governador do Estado de Sergipe neste domingo (28) com 64,73% dos votos válidos. Atual governador, o candidato disputou a reeleição tendo como candidata a vice-governadora Eliane Aquino (PT), vice-prefeita de Aracaju.

Com 99.9%% das urnas apuradas, a diferença entre Belivaldo e o candidato adversário, Valadares Filho (PSB), que obteve apenas 35,27%% dos votos válidos, foi superior a 308 mil votos, a maior votação dos últimos 30 anos, quase 30 pontos percentuais à frente do concorrente. “A “turma do bem” se deu mal. O trabalho venceu a mentira”, declarou Belivaldo em entrevista à imprensa logo após a confirmação da vitória.

O governador reeleito acompanhou a apuração em Aracaju, na casa da filha Priscilla Felizola, ao lado da futura vice-governadora Eliane Aquino, do ex-governador Jackson Barreto, de familiares, amigos e aliados políticos.

“Obrigado, obrigado e obrigado”, disse Belivaldo, quando já confirmada sua reeleição, antes mesmo de a apuração chegar a 100% das urnas. Segundo afirmou, a prioridade de sua próxima gestão será a Educação.

“Amanhã mesmo já estarei em Brasília, reunido com a bancada federal de Sergipe, para pedir o apoio de todos dos nossos parlamentares no Congresso, no sentido de que direcionem a emenda impositiva a que têm direito para a Educação, que será prioridade em nosso governo. Resolvendo a Educação, conseguiremos melhorar todos os demais índices de nosso Estado, como os de segurança. Vou abraçar, de corpo e alma a causa da Educação, sem deixar as demais áreas sem atenção, claro”, afirmou Belivaldo.

De acordo com o governador reeleito, seu adversário se utilizou de ferramentas da tecnologia da informação “para fazer uma campanha do mal”. “Não foi proposito, mostrou que não tem experiência. Lamento que ele tenha perdido a oportunidade de mostrar a Sergipe de que teria condições, em algum momento, de representar os sergipanos, em qualquer que fosse o caso”, disse, ressentido com a campanha difamatória à sua honra tocado por Valadares Filho.

Belivaldo agredeceu a Deus e Nossa Senhora Sant’Ana pelo resultado conquistado nas urnas, “uma das maiores vitórias da história política de Sergipe”, frisou. “Agradeço a todos, de coração, a todos aqueles que levantaram a nossa bandeira, em todos os cantos do Estado, eu só tenho a agradecer. Obrigado, obrigado e obrigado!”, disse o governador Belivaldo Chagas, reeleito com a maioria dos votos em os 74 municípios sergipanos.

Biografia

Natural de Simão Dias, Belivaldo Chagas Silva, 58 anos, é defensor público aposentado, foi deputado estadual por quatro mandatos, duas vezes vice-governador, está filiado ao Partido Social Democrático e exerce, atualmente, o cargo de governador do Estado de Sergipe, para o qual acaba de ser reeleito.

Filho de um casal de comerciantes – Arivaldo Chagas Silva (falecido) e Maria Belizana da Silva – ainda jovem foi morar em Salvador (BA), onde concluiu o ensino médio. De retorno a Sergipe, ingressou no curso de Direito da Universidade Tiradentes, em Aracaju, e tornou-se bacharel. Divorciado, é pai da Priscila, do Guilherme e da Maria Clara, e avô do pequeno Miguel.

A política o acompanha desde cedo, pois, quando criança, Belivaldo adorava colecionar santinhos políticos, o que o aproximou dos diretórios dos partidos instalados em sua cidade natal, que fica no Centro-Sul do Estado, distante pouco mais de 100km de Aracaju.

Disputou sua primeira eleição na década de 1980, quando concorreu a uma cadeira na Câmara de Vereadores de Simão Dias. Mesmo não sendo eleito, Belivaldo seguiu militando na política e se elegeu deputado estadual pela primeira vez em 1990. EM sua trajetória política, ocupou diversas funções no poder público, como a presidência de autarquias e a titularidade de secretárias de Estado, como Educação e Casa Civil.

Em 2006, foi eleito pela primeira vez vice-governador do Estado, no Governo de Marcelo Déda (PT) – falecido em 2013. Em 2014, foi novamente eleito vice-governador, desta vez ao lado de Jackson Barreto que, ao renunciar para disputar uma cadeira no Senado, este ano, transmitiu-lhe o cargo que ocupa que ocupa desde o dia 07 de abril de 2018.

Fonte e foto assessoria