30/10/18 - 16:45:14

Parte do prédio onde está instalado o Batalhão de Polícia Rodoviária é interditado

No dia 30 de agosto do corrente ano, o advogado militante na área militar Márlio Damasceno, protocolou petição junto ao Ministério Público Estadual (MPE), mais precisamente ao Procurador-Geral de Justiça, Dr. José Rony Silva Almeida, informando que foi procurado por policiais militares lotados no BPRV (Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual), situado na Rua Deputado Reinaldo Moura, s/n, Bairro Capucho, nesta Capital, CEP: 49085-000, pessoalmente e através de mensagens, dando conta da preocupação do estado físico da unidade, que além de ser um prédio antigo, tem problemas como cupins, madeiras dos telhados velhas e danificadas, instalações elétricas e hidráulicas precárias, e, principalmente, diversas rachaduras em paredes, causando temor de um possível desabamento, aos PMs da citada unidade.
Após tal provocação, o Procurador-Geral do MP, designou para acompanhar a denúncia a Promotora de Justiça Dra. Adriana Ribeiro Oliveira, que solicitou ao Coordenador Geral da Defesa Civil do município de Aracaju, que fosse realizada perícia no prédio sede do BPRV, para verificar as condições físicas do prédio.
No dia 10 do corrente mês e ano foi feita a perícia no local, que identificou diversos problemas na sede do BPRV, concluindo ao final que os setores 1, 2, 3 e 4, apresentam diversas patologias e necessitam, URGENTEMENTE, de serviços de correção e recuperação; os setores 5 e 6 não se constata patologias graves; já o setor 7, APRESENTA RISCO IMINENTE DE DESABAMENTO, motivo pelo qual o mesmo, a contar do recebimento deste relatório, está INTERDITADO.
Já na manhã desta segunda, dia 30, o advogado Márlio Damasceno, foi oficiado pelo MPE, dando ciência da perícia realizada, com a interdição de um setor do prédio sede do BPRV e a necessidade de serviços de correção e recuperação urgentes em mais quatro outros setores, comprovando a veracidade da denúncia encaminhada pelo citado advogado.
Segundo o Dr. Márlio, “existem outras unidades militares com o prédio deteriorado, não dando condições dignas para policiais e bombeiros militares, que são expostos a prédios insalubres e no caso do BPRV, até a risco de desabamento. Esperamos que o Governo do Estado possa adotar providências urgentes para sanar este e outros problemas que já denunciamos, dando condições dignas aos militares e zelando pela segurança dos mesmos. Gostaríamos de agradecer ao Dr. Rony Almeida e a Dra. Adriana Ribeiro, pela atenção dispensada em apurar a denúncia apresentada e adotar providências evitando-se um mal maior. Continuaremos na luta por condições dignas para a classe militar sergipana”.
Confiram abaixo o ofício encaminhado em agosto pelo Dr. Márlio Damasceno e o ofício resposta do MPE, com a perícia realizada na sede do BPRV:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Matéria e imagens do blog Espaço Militar