18/11/18 - 17:22:50

Inácio Krauss interpela Dataform para esclarecer autoria de pesquisa

Em caráter de “urgência”, posto que a eleição para a escolha da diretoria da Ordem dos Advogados de Brasil de Sergipe (OAB/SE) ocorrerá nesta segunda-feira (19), o candidato da Chapa 3, Inácio Krauss (foto acima), entrou com interpelação no Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ/SE) contra o jornal Cinform e o instituto de pesquisas a ele associado, o Dataform, para esclarecerem “definitivamente, quem foi o contratante da pesquisa [eleitoral] indevidamente” divulgada na sexta-feira (16).

Num pleito acirrado, no qual concorrem três chapas, as ações de campanha se intensificaram neste final de semana prolongado. Mais cedo neste domingo (18), a fim de criar um fato político e chamar a atenção do eleitor para si, o candidato da Chapa 1, Carlos Augusto Monteiro, também interpelou judicialmente o Dataform e nas alegações insinuou que a Chapa 3 teria patrocinado a aferição eleitoral, por haver na mesma edição do jornal uma entrevista com o candidato da Chapa 3.

Nas suas alegações, Inácio Krauss diz que, “após tomar conhecimento da divulgação indevida [da pesquisa], a Chapa 3, protestou veementemente contra a indevida divulgação, por meio de nota lançada nas redes sociais”. Esta contudo, diz o candidato, não teria sido a única ação. “[A Chapa 3 também] protocolou junto à Comissão Eleitoral da OAB/SE pedido de providências para abertura de procedimento investigatório, com a finalidade de apurar junto ao Dataform quem foi o [verdadeiro] contratante da pesquisa”.

A motivação do candidato para interpelar o Cinform/Dataform seriam as “insinuações divulgadas por integrantes da Chapa 1” acerca de quem teria contratado a pesquisa e autorizado a divulgação. Inácio Krauss diz ser necessário “esclarecer, definitivamente, [quem a pagou], pondo pá de cal às especulações eleitoreiras, notícias falsas, insinuações temerárias e prejuízo ao equilíbrio eleitoral”, pois, para ele, é a “única maneira de prevenir responsabilidades e alcançar a verdade real dos fatos”.

Quanto a haver na mesma edição entrevista com ele, por telefone, Inácio Krauss se disse surpreso com “insinuação tão rasteira e desprovida de inteligência”. Na opinião dele, a pesquisa favorece apenas ao candidato da Chapa 2, Arnaldo Machado. “Os números foram propositalmente manipulados para dar a impressão de vantagem a um candidato, e este candidato não sou eu! Os colegas da Chapa 1 sabem muito bem disso, mas buscam apenas tumultuar o processo. Coisa de gente que já sente a derrota se aproximando”, fustigou Inácio Krauss.