19/11/18 - 13:34:13

Fim de semana é marcado por grande movimento nos Hospitais Regionais

Mais um final de semana com grande fluxo para os Hospitais Regionais geridos pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), mais o Hospital Universitário Monsenhor João Batista de Carvalho Daltro, em Lagarto, que em contrapartida mostraram a eficiência das equipes das unidades que deram encaminhamento com resolutividade às demandas

Em Nossa Senhora da Glória, foram 471 atendimentos, 118 a mais que no último fim de semana, que registrou 353. Foram 361 na  clínica médica, 76  atendimentos na pediatra, três na sala de sutura, 30 avaliações da Obstetrícia, sete partos e uma curetagem.

No Hospital Regional de Propriá  ocorreram 726 atendimentos e 686 altas, assim distribuídos: 398 clínica médica, 199 clínica pediátrica, 38 clínica cirúrgica e 52 clínica ortopédica. Na maternidade ocorreram, ainda, 39 partos e nove acidentes de motos. O Hospital Regional de Estância contabilizou 209 atendimentos clínicos, realizou 113 cirurgias e 122 crianças deram entrada no atendimento pediátrico, totalizando 444 atendimentos.

O Hospital Regional de Itabaiana teve um grande fluxo de pacientes e realizou 716 atendimentos com 434 acolhimentos, 113 na ortopedia, 131 na sutura, 36 na observação pediátrica e duas consultas ambulatoriais. Foram contabilizados, ainda, 40 acidentes motociclísticos e dois automobillístico.

Os atendimentos assistenciais realizados no Hospital Universitário de Lagarto (HUL-UFS) Monsenhor João Batista de Carvalho Daltro, foi registrado um fluxo de 291 pacientes, contabilizando a classificação de risco da seguinte forma:  08 Branco, 08 Azul,  178 Verde, 72 Amarelo, 16 Laranja, 09 Vermelho.

O hospital Regional de Socorro atendeu 743 pacientes distribuídos nas seguintes  especialidades médicas:  580 na clínica médica, 107 na pediatria. 56 na obstetrícia. Dos pacientes atendidos no Pronto Socorro, quatro  ficaram internados e os demais foram liberados para casa, após receber atendimento médico adequado. Os demais pacientes  permaneceram no Hospital Regional de Socorro, mesmo os casos graves, comprovando a qualidade dos serviços prestados à população. Todas as gestantes que procuraram a Maternidade de Nossa Senhora do Socorro, foram devidamente atendidas pela equipe de obstetrícia.

Fonte e foto SES