26/11/18 - 16:10:08

CONSELHEIRA ASSINA TAGs EM BUSCA DE MELHORIAS NA SAÚDE

O Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE), por meio da conselheira Angélica Guimarães, assinou na manhã desta segunda-feira, 26, termos de Ajustamento de Gestão (TAGs) com os prefeitos dos municípios de Malhada dos Bois, Riachuelo e Porto da Folha, visando corrigir inconformidades e implementar melhorias no serviço público de atenção básica.

Nos documentos assinados pelos gestores constam as ações que deverão ser adotadas em prazos que variam de 15 a 60 dias, a depender da complexidade. As necessidades foram constatadas por meio de auditorias operacionais realizadas pela Diretoria de Obras e Controle Externo (Dceos).

“Esta é uma iniciativa muito importante onde monitoramos a qualidade dos serviços de saúde dos municípios do interior do estado, e esses gestores se comprometem a realizar esses ajustes necessários, beneficiando diretamente a população”, destacou a conselheira Angélica Guimarães.

As medidas a serem colocadas em prática dizem respeito a uma série de aspectos na área da saúde, como prestação de serviços odontológicos, combate ao mosquito aedes aegypti, controle de frequência dos profissionais e gestão eficiente do transporte, além da realização de cursos de capacitação e qualificação das equipes das secretarias da saúde.

“É um belíssimo trabalho que faz o Tribunal, demonstrando preocupação com a população malhadense e do Estado; são essas ações que a população espera dos gestores e daqueles que fiscalizam os recursos públicos”, comentou o prefeito do município de Malhada dos Bois, César Aguiar.

Além deles, estiveram ainda no gabinete da conselheira Angélica Guimarães para assinar os TAGs, o prefeito de Porto da Folha, Miguel Feitosa; e a prefeita de Riachuelo, Cândida Emílio. Representando o Ministério Público de Contas, participaram da ação o procurador-geral João Augusto Bandeira de Mello, e o procurador Eduardo Côrtes.

Estiveram ainda entre os participantes do ato a diretora da Dceos, Ana Stella Barreto Rollemberg Porto; o coordenador da 6ª CCI, Eleonaldo Soares Santos; e o coordenador de auditoria operacional do TCE, Fernando Marcelino.

Fonte e foto TCE