28/11/18 - 14:50:50

Motoristas de Moita Bonita paralisam sexta e segunda por reajuste salarial

Segundo Genalva de Jesus, presidente do SINDIMOITA, em 2017 e 2018 o prefeito Marcos Antônio Costa regularizou o salário dos demais servidores públicos e apenas os motoristas foram excluídos do reajuste

por: Iracema Corso

Os motoristas categoria D de Moita Bonita recebem hoje o mesmo salário publicado no edital do concurso de 2015. Diariamente esses trabalhadores transportam crianças e adolescentes para suas escolas e também levam pacientes e enfermos aos hospitais públicos localizados em outros municípios. Para pressionar a Prefeitura a dialogar sobre o reajuste, os motoristas farão dois dias de protesto e paralisação na próxima sexta (30/11) e a segunda-feira (3/12).

A decisão de cobrar respeito e valorização da categoria dos motoristas de Moita Bonita foi tomada na última segunda-feira (26/11), em assembleia geral que aconteceu na sede do sindicato.

Segundo a presidente do SINDIMOITA, Genalva de Jesus Santana dos Santos, o secretário da Educação de Moita Bonita Juraci conversou na manhã de hoje (quarta-feira, 28/11) só com os motoristas, sem a presença de representantes do sindicato, e pressionou os trabalhadores para que eles não façam protesto e paralisação.

“Isso não nos intimida. Vamos manter a paralisação para cobrar a abertura do diálogo com a Prefeitura pela valorização destes profissionais que recebem o mesmo salário desde 2015. Os motoristas são uma categoria que atende a população, trabalham com transporte de crianças, é um trabalho importante que exige muita responsabilidade. Precisam receber um salário digno como os demais servidores”, registrou.

A presidenta do SINDIMOITA, Sindicato dos Servidores de Moita Bonita, filiado à Central Única dos Trabalhadores (CUT/SE), explicou que antes dos motoristas decidirem paralisar, ela tentou conversar com o prefeito Marcos Antônio Costa para tratar do reajuste dos motoristas, mas só conseguiu conversar com a procuradora do município e a negociação do reajuste não avançou em nada. Segundo Genalva de Jesus, em 2017 e 2018, o prefeito Marcos Antônio Costa regularizou o salário dos demais servidores públicos e apenas os motoristas foram excluídos do reajuste.

Foto assessoria