02/01/19 - 09:43:22

Governo investe em quadras esportivas e participação de alunos atletas em competições

Foram mais de R$ 3.300.000,00 em investimentos na construção de quadras esportivas e participação de alunos em competições nacionais

Por Silvio Oliveira

Os Jogos da Primavera são a principal competição esportiva escolar de Sergipe e palco para que muitos alunos das redes estadual, municipais, federal e privada objetivem o esporte como profissão. Em 2018, o tradicional evento entrou na sua 35ª edição e reuniu mais de 8 mil alunos inscritos em competições das 18 modalidades olímpicas e paralímpicas realizadas no período de 24 de julho a 20 de outubro.

Além da realização dos XXXV Jogos da Primavera, o Governo de Sergipe investiu em 2018 mais R$ 1.231.000,00 em alimentação, arbitragem, transporte estadual e interestadual, passagens aéreas e serviços gerais, com o objetivo de que os alunos atletas de Sergipe não ficassem de fora das principais competições do esporte escolar nacional, a exemplo dos Jogos Escolares da Juventude 2018 e das Paralimpíadas Escolares realizadas, respetivamente realizados em Natal (RN) e em São Paulo (SP).

Paralelo aos investimentos na realização dos Jogos e na participação dos alunos atletas em competições nacionais, o Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Educação/Departamento de Educação Física, intensificou em 2018 a descentralização dos Centros de Esportes através de quatro polos e 12 espaços esportivos, englobando as modalidades: judô, atletismo, para-atletismo, natação, paranatação, tênis de mesa, vôlei de praia, ginástica artística e ginástica ritma, luta olímpica na disponibilidade de modalidades de base da rede estadual de ensino.

“Investir no esporte escolar é uma estratégia para alcançamos também bons índices sociais.  Além de incentivar o rendimento escolar, realçam o fator de comprometimento com a boa saúde, além de agregar o lazer, a integração, a competição e o sentimento de equipe”, afirma o secretário da Educação, Josué Modesto dos Passos.

Praças de esporte escolar

Para fortalecer também a prática esportiva nas escolas da Rede Estadual, a Seed fomentou projetos de base, investindo na aquisição de equipamentos de competição e na construção e reformas de quadras poliesportivas.

Apenas no quesito reforma de quadras esportivas, em 2018 foram concluídas quatro obras de construção, reforma e ampliação desses espaços, ao custo de R$ 2.028.241,94. “Outras quatro obras estão em andamento e devem ser concluídas no primeiro semestre de 2019”, disse Valdir Pinto, diretor do Serviço de Edificações Escolares da Seed, ao citar, como exemplo, a construção da cobertura e reforma da quadra poliesportiva do Colégio Estadual Dr. Jugurta Barreto de Lima, onde a Seed está investindo R$ 651.838,00.

No último quadriênio, para reestruturar as unidades escolares da Rede Estadual, o Governo de Sergipe já investiu mais de R$ 132 milhões. “Em sua próxima gestão, que inicia no dia 1º de janeiro, além dos recursos do Orçamento Geral da União, via emenda impositiva de bancada, os quais totalizam R$ 69 milhões, o governador Belivaldo Chagas projeta investir cerca de R$ 95 milhões na execução de projetos de reforma e ampliação de 22 escolas, construção de 30 novas quadras e serviços de manutenção corretiva e preventiva”, estima o secretário de Estado da Educação, Josué Modesto.

Resultados expressivos

Graças aos investimentos do Governo, ao apoio incondicional de técnicos e professores, além do foco dos alunos atletas da Rede Estadual de Ensino, 2018 teve pódio da rede estadual. No que se refere ao quadro de medalhas dos Jogos da Primavera, as unidades escolares da rede estadual que mais se destacaram foram: Colégio Estadual Leandro Maciel, de Rosário do Catete; Colégio Estadual Joaquim Vieira Sobral, de Aracaju; Colégio Estadual José Amaral Lemos, de Pirambu; Colégio Estadual Nelson Mandela, também da capital sergipana, e Colégio Estadual José Sampaio, de Carmópolis.

A diretora do Departamento de Educação Física (DEF), Maria Auxiliadora Pires, explica que a participação efetiva das escolas e os resultados, além da evolução dos alunos da rede estadual de ensino, foram determinantes para o sucesso dessa edição dos Jogos da Primavera.

“Este ano tivemos um calendário apertado por conta da copa e do período eleitoral, mas, apesar disso, conseguimos com muito esforço cumprir todas as competições, superando as expectativas”, comemora a professora.

Auxiliadora Pires destacou ainda que os Jogos da Primavera são uma seletiva para a etapa nacional dos Jogos Escolares da Juventude, que aconteceram em Natal (RN), nos meses de setembro e novembro, e as Paralimpíadas Escolares, em São Paulo. A gestora reconheceu a importância dos trabalhos realizados nos quatro polos do Centro de Esportes Escolares na preparação destes atletas para encarar as competições.

Na paranatação, o destaque foi a Escola Estadual Senador Leite Neto (Aracaju), que ficou em 1º lugar, com cinco medalhas de ouro. Em 3º lugar ficou o Colégio Estadual Professor Joaquim Vieira Sobral (Aracaju). Já nas provas de ciclismo, as unidades de ensino estaduais também ganharam visibilidade com as três primeiras colocações do pódio. Em primeiro lugar ficou o Colégio Estadual Leandro Maciel, de Rosário do Catete, com seis medalhas de ouro, 12 de prata e oito de bronze. A segunda colocação foi do Colégio Estadual Professor Joaquim Vieira Sobral, em Aracaju, com seis medalhas de ouro; e o terceiro lugar, Colégio Estadual Raimundo Araújo, em Salgado, com uma medalha de bronze.

Por mais um ano, o para-atletismo foi uma das modalidades que se destacou. A Escola Estadual Senador Leite Neto foi a primeira colocada, com 12 medalhas de ouro e duas medalhas de prata.

No Badminton, o primeiro lugar ficou com o Colégio Estadual Ivo do Prado, em Aracaju, quatro de prata e seis de bronze. No atletismo, o Colégio Estadual José Amaral Lemos, em Pirambu, foi o terceiro colocado, com quatro medalhas de ouro, seis de prata e cinco de bronze. Nas disputas de xadrez, o Centro de Excelência Professora Maria Ivanda de Carvalho Nascimento, em Aracaju, conquistou o 2º lugar no quadro de medalhas, com duas de ouro, e em 4º lugar no quadro geral de pontuação.

Competições nacionais

A Delegação Paralímpica de Sergipe, em sua 12ª participação nas Paralimpíadas Escolares, conquistou 60 medalhas na edição de 2018, e com o resultado, os alunos paratletas sergipanos alcançaram o 7º lugar no quadro geral de medalhas da competição, que envolveu 989 atletas de 23 Estados e do Distrito Federal.

Maior evento escolar paralímpico do mundo, as Paralimpíadas aconteceram em São Paulo (SP), no período de 20 a 23 de novembro de 2018. Para participar dos jogos, a delegação sergipana contou com apoio técnico e financeiro do Governo de Sergipe que, por intermédio da Secretaria de Estado da Educação (Seed), custeou o deslocamento de todo o grupo por via área.

Nos Jogos Escolares da Juventude 2018, maior competição do esporte escolar do país, a Delegação de Sergipe retornou com 14 medalhas conquistadas: quatro de ouro, duas de prata e oito de bronze.

A chefe da delegação e diretora do Departamento de Educação Física, Auxiliadora Pires, avaliou a participação de Sergipe como relevante, já que o trabalho de base está sendo feito pelo Governo de Sergipe através do incentivo ao esporte escolar nos Centros de Esportes e nos treinos realizados por professores de educação física nas escolas da rede estadual, culminando as atividades desenvolvidas nos projetos esportivos, no maior evento do estado de Sergipe: os Jogos da Primavera.

“A vivência enquanto dirigente da delegação nos Jogos Escolares da Juventude proporciona a constatação da evolução dos nossos alunos atletas, no tocante aos aspectos técnico, tático e emocional, sem deixar de comtemplar a inclusão e socialização desses jovens, com os demais de todo o Brasil. Quanto aos nossos resultados, revela-se por si só a efetiva participação dos nossos alunos atletas, favorecida por uma política pública voltada para o fomento e desenvolvimento do desporto escolar, graças à compreensão do governador Belivaldo Chagas em apoiar essas iniciativas de participação em eventos organizados pela Secretaria de Estado da Educação”, avalia.

Os Jogos Escolares da Juventude são uma iniciativa do Comitê Olímpico do Brasil e iniciaram no dia 12 de novembro, prosseguindo até dia 25 do mesmo mês de 2018.

Foto Maria Odilia