14/02/19 - 05:14:10

Prefeitura de Aracaju apresenta Plano de Contingência para 2019

 

A Prefeitura de Aracaju realizou, na manhã desta quarta-feira, 13, o Simulado de Bancada, que apresentou as atualizações do Plano de Contingência, para enfrentamento às situações adversas, na capital. O objetivo é organizar as ações de prevenção e de enfrentamento aos danos provocados pelas chuvas previstas para o período de abril a agosto de 2019. A programação aprimorou o alinhamento entre os órgãos municipais envolvidos nas ações e reforçou o papel de cada um nesse processo.

As medidas implementadas pelo prefeito Edvaldo Nogueira, desde a formação do Comitê de Gerenciamento de Crise, em 2017, proporcionaram uma resposta positiva da cidade, com redução de alagamentos e inundações. Diante da definição do Plano, executado a partir de 2018, ficaram previstos o mapeamento e monitoramento das áreas de risco, prontidão das equipes para rápida resposta às possíveis ocorrências, além das ações preventivas para desobstrução da rede de drenagem urbana, formação dos Núcleos Comunitários Defesa Civil.

Coordenado pelo secretário da Defesa Social e da Cidadania, Luís Fernando Almeida, o Comitê de Gerenciamento de Crise demanda um trabalho integrado entre os diversos órgãos da Prefeitura, para a eficaz execução do Plano de Contingência. “É determinação do prefeito que todas as ações sejam integradas. Então, todos trabalham em cooperação, o que gera melhores resultados. Em 2018, nós já percebemos o impacto desse trabalho, quando, diante de chuvas mais intensas, foi possível perceber que a cidade respondeu melhor, com menos alagamentos e inundações”, avaliou.

O coordenador da Defesa Civil de Aracaju, major Sílvio Prado, reforça que todos os anos o Plano passa por atualizações e melhoramento. “Com base no que foi executado no ano passado, fizemos adequações e aprimoramos as estratégias. Esse Simulado denota a fase de preparação, para que todos estejam cientes do seu papel, caso haja a necessidade”, esclareceu.

Entre as implementações foram destacas a ampliação dos Núcleos de Defesa Civil da Comunidade (Nudecs), aquisição de abrigos temporários a partir de cessão do Ministério da Integração Nacional, massificação do trabalho de prevenção realizado pela Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) e Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb) nos locais com maior indicação de riscos de inundação e transbordamento de rios e canais. “Os alagamentos sempre vão ocorrer, diante das chuvas mais intensas, mas se os bueiros estiverem limpos e as redes de captação das águas pluviais estiverem desobstruídas, o escoamento e desalagamento serão mais rápidos. Por isso, não cansamos de orientar a população sobre a importância do descarte adequado do lixo”, concluiu o secretário da Defesa Social e da Cidadania, Luís Fernando Almeida.

Foto Ana Licia Menezes