16/02/19 - 14:06:05

Prefeitura de Santo Amaro das Brotas reordena a educação para melhorar o aprendizado

“Estamos implantando um novo reordenamento na Educação do nosso município, buscando oferecer uma melhor qualidade no ensino, redução da evasão escolar e o aumento no repasse dos recursos federais para a Educação”, foi o que disse o secretário de Educação do Município, Silvaney Silva Santos, ao discorrer sobre as mudanças que estão sendo implantadas para um melhor aprendizado.

Segundo ele, a princípio, as mudanças se concentran entre os povoados Aldeias e Sapé, onde se terá o número de alunos suficientes para cada professor e, consequentemente, acabar com o multiserialismo, que são alunos de várias series em uma mesma sala de aula, dificultando o seu aprendizado.

Ele observa também que existiam salas com quatro ou seis alunos, trazendo um grande prejuízo para o município porque essa pequena quantidade de alunos não paga um professor.

Com o novo sistema, os alunos do povoado Aldeias, serão transportados para o povoado Sepé, formando o número suficiente de aluno para cada professor. “Esse transporte será feito com acompanhamento de um cuidador”, observa o secretário.

Silvaney também destaca com as mudanças a implantação no povoado das turmas do 6° ao 9° ano, que atualmente se deslocam para estudar na cidade, e agora vão ficar próximo de casa e dos seus pais, facilitando o acompanhamento e o desenvolvimento escolar.

Essas mudanças segundo o secretário, teve o acompanhamento da Comissão do SINTESE, dos professores e da própria Secretaria, visando solucionar uma série de problemas, inclusive, de pagamento dos professores, com o aumento de matrículas, e redução de custos com funcionários.

Para o Fundeb, o aluno do povoado vale quase o dobro do aluno urbano, o que leva o município a perder recursos com esse deslocamento desnecessário, quando se tem condições de manter os alunos em seus povoados, frisou.

Hoje, os alunos vão estudar em escolas totalmente reformadas e adaptadas para receber as crianças do ensino infantil, como também os alunos do 6° ao 9° ano.

Quanto a construção de duas salas de aula próximo a uma caixa d’água, o secretário esclarece que já foi solicitado um laudo a Defesa Civil, e que, caso venha a oferecer qualquer tipo de risco a obra não será realizada.

“O reordenamento nesse primeiro momento será entre os povoados Sapé e Aldeias, onde vamos ter um aumento na matrícula e uma melhora na qualidade do ensino, acabando com o multiserialismo, diminuição de funcionários, redução no custo com o transporte e implantando num mesmo local o ensino do 6° ao 9° ano, contribuindo de forma significativa com o melhoramento no aprendizado”, destacou Silvaney.

Fonte e foto assessoria