08/04/19 - 11:08:39

Informação de ONG sobre violência em Aracaju é equivocada, diz SSP

A Secretaria da Segurança Pública esclarece que a pesquisa divulgada anualmente pela organização de sociedade civil mexicana Segurança, Justiça e Paz é repleta de equívocos. Primeiro, a ONG conta os homicídios dolosos de Aracaju, Nossa Senhora do Socorro, São Cristóvão e Barra dos Coqueiros e atribue todas as ocorrências à capital sergipana, o que gera um impacto claro no ranking que é montado e divulgado.

A ONG nunca solicitou informações a Sergipe, seja através de e-mail ou pela Lei de Acesso a Informações. Ainda assim, com toda precariedade na metodologia adotada, mostra a gradativa redução dos homicídios dolosos na capital e região metropolitana, divulgada pela SSP e pelo Fórum Brasileiro da Segurança Pública desde 2017.

A ONG mexicana divulga as seguintes taxas de homicídios dolosos nos últimos três anos: 61,6 por 100 mil habitantes em 2016, 58,88 em 2017 e 48,9 em 2018. As taxas nos últimos três anos geram uma redução de 22,3%, embora a ONG tenha tratado a capital como Grande Aracaju.

No mais, o Governo do estado permanece à disposição para qualquer tipo de esclarecimento que possa ser prestado a organização não governamentais, Instituições e e população em geral.

Ascom SSP