10/06/19 - 08:13:22

Tudo como antes

Não será surpresa se o Congresso aprovar o retorno da coligação proporcional entre partidos para cargos legislativos. Pelo que está na lei, os chamados puxadores de votos perderam a serventia, pois a partir de 2020 só serão eleitos para o parlamento os candidatos mais votados. Acontece que os parlamentares federais estão sendo pressionados por prefeitos e vereadores a aprovarem o retorno da coligação proporcional. Aliás, tramita no Senado uma Proposta de Emenda Constitucional propondo a mudança, que se aprovada até outubro já valerá para as eleições do ano que vem. Em isso acontecendo, o fim da coligação proporcional ficará apenas no papel, pois não será colocado em prática no pleito de 2020. Coisas deste Brasilzão de meu Deus.

Chuva de pedras

A oposição exagerou na dose ao usar as fortes chuvas caídas em Aracaju na tentativa de desgastar o prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB). Teve quem relacionasse as férias do comunista – encerradas há oito dias – aos estragos causados pelo temporal da última sexta. Ao contrário do que disseram os alarmistas de plantão, é impossível evitar transtornos à população quando em apenas um dia chove 150 milímetros, equivalentes a mais da metade do volume de água previsto para todo o mês. Menos, galera, menos!

Risco de calote

Veja o que publicou a colega Thais Bezerra no Jornal da Cidade: “Você sabia que a Prefeitura ainda deve parte dos cachês das bandas e artistas que animaram o Forró Caju do ano passado? Mesmo devendo a terceira e última parcela dos contratos de 2018, o prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) só fala na próxima festança. Ninguém sabe quando a Prefeitura vai quitar o débito, porém Nogueira, todo prosa, indaga: “Tá ansioso pra saber a programação do Forró Caju desse ano? Calma que nos próximos dias anunciarei”. Tomara que ele não deixe para pagar os shows desde ano em junho de 2020”. Misericórdia!

Filho de Pinhão

E o governador Belivaldo Chagas (PSD) é o mais novo filho de Pinhão. O título de cidadania foi entregue ao pessedista pelo presidente da Câmara, Klebson dos Santos, o Toquinha (MDB). Ao agradecer a homenagem, Chagas disse que fará o que for possível para recuperar as vias de acesso ao município. Ele acredita que ainda este ano o estado iniciará a recuperação das rodovias que ligam Pinhão a Simão Dias e a BR 235. Aguardemos, portanto!

Sem novidades

Hoje é dia de convenção no Partido Social Democrático (PSD), mas não haverá mudanças na executiva. O deputado estadual Jeferson Andrade permanece presidindo a legenda em Sergipe, tendo como vice o deputado federal Fábio Mitidieri. Um dos fundadores do PSD no estado, o governador Belivaldo Chagas será mantido como presidente de honra do partido. A convenção acontece na sede do PSD, localizada no bairro Jardins, em Aracaju. Então, tá!

Defesa dos CC’s

E o secretário-chefe da Casa Civil de Sergipe, Carlos Felizola, saiu em defesa dos 2,1 mil cargos comissionados contratados pelo estado. Entrevistado pelo Jornal da Cidade, o moço lembrou que até dezembro do ano passado os CC’s eram cerca de 3 mil. Segundo Felizola, os 2,1 mil comissionados representam pouco mais de 1% da folha de pessoal “e são pessoas que trabalham muito”. Ah, bom!

Entre os 100

O senador Rogério Carvalho (PT) e o deputado federal Laércio Oliveira (PP) estão entre os 100 parlamentares mais influentes do Congresso. É o que revela o estudo elaborado pelo Diap. A classificação usou como base aspectos institucionais, de reputação e de decisão, capacidade de negociação e liderança. Também foram considerados resultados de votações, relatorias, intervenções nos debates, entre outros.

Fujão festejado

Os católicos itabaianenses participaram, ontem, de missa e procissão em louvor a Santo Antônio Fujão. Inicialmente, o padre Edivaldo Santana celebrou a missa na Igreja Velha. Depois, todos percorreram cerca de 10 quilômetros em procissão até a Igreja de Santo Antônio, quando ocorreu a bênção aos peregrinos. Reza a lenda que Santo Antônio não queria ficar na Igreja Velha e fugia para uma quixabeira localizada onde hoje está a Matriz da cidade. De tanto Santo Antônio fugir, os devotos construíram uma nova Igreja para o padroeiro de Itabaiana. É, pode ser!

Gás provoca briga

Uma briga judicial entre a Sergás e a Centrais Elétricas de Sergipe (Celse) tem sido acompanhada de perto pelas empresas do setor porque poderá gerar precedente sobre os limites do monopólio das distribuidoras. A Sergás contesta um ato administrativo da Agência Reguladora de Sergipe autorizando a Celse a construir e operar gasodutos para abastecer a termelétrica Porto de Sergipe 1, na Barra dos Coqueiros. Para a Sergás, a Celse deveria lhe pagar uma tarifa pelo transporte do gás natural que abastecerá a unidade do terminal. Esta informação é do jornal Valor Econômico.

Carro diante dos bois

Faltando ainda mais de um ano para as eleições de 2020, o pré-candidato a prefeito de Aracaju, deputado estadual Gilmar Carvalho (PSC), já está pensando na equipe de auxiliares. “Se vencer a eleição, convidarei um técnico do Tesouro Nacional para comandar as finanças da capital”, promete. Carvalho garante que pretende compor o secretariado “com gente daqui e de fora”. Aff Maria!

Recorte de jornal

Publicado no Diário de Aracaju, em 30 de março de 1915.

Resumo dos jornais