11/06/19 - 14:00:18

ADVOGADO DIZ QUE PRISÃO DE EX-PREFEITO DE CARIRA SÃO DESNECESSÁRIAS

Na madrugada desta terça-feira (11), o Departamento de Crimes contra a Ordem Tributária e Administração Pública (Deotap), da Polícia Civil, deflagrou a ‘Operação Xeque-mate do Sertão’ e prendeu seis pessoas, entre, elas dois ex-prefeitos.

O inquérito policial aponta  a existência de uma organização criminosa contra a administração pública do município de Carira, “notadamente peculato e fraude à licitação, confirmada a obtenção de lucro indevido em prejuízo dos cofres públicos”.

Para o advogado de defesa dos ex-prefeitos de Carira, João Bosco Machado e Diogo Machado, Evânio Moura, a prisão é desnecessária e o que pode ter ocorrido é um “eventual equívoco administrativo”,  e que segundo ele, não se configura como crime. Durante a entrevista que concedeu logo após a prisão, Evânio que responde pela defesa dos ex-prefeitos explicou que “não há fraude à licitação, pois para isso é preciso haver dolo ou desvio de dinheiro e não há prova disso. Há prova somente de movimentação e não é crime movimentar dinheiro”, explicou Evânio.

Além desses pontos, o advogado explica ainda que a prisão é questionável do ponto de vista da contemporaneidade, já que a última gestão dos acusados encerrou 2016, quando Diogo Machado, filho de João Bosco, concluiu seu mandato como prefeito.  “Por que prendê-los em junho de 2019, dois anos e meio depois de Diogo deixar a prefeitura? Não há contemporaneidade”, questionou o advogado.

Evânio Moura disse que entrará com pedido de hábeas corpus e enquanto não for julgado, eles ficarão detidos na Cadeia Pública Tabelião Filadelfo Luiz da Costa, localizada em Estância.