15/10/19 - 12:34:37

Alessandro não “agrega” na oposição e segue “frio” com Belivaldo e Eliane!  

Antes que o senador da República, Alessando Vieira (Cidadania), eleito democraticamente pelo povo sergipano, em 2018, diga que este comentário é uma espécie de “missa encomendada”, como ele tem se referido a alguns setores da imprensa, este colunista já anuncia: não tem vínculos empregatícios e/ou comerciais com o Governo do Estado e nem com a Prefeitura de Aracaju. Talvez por isso, tenha certa isenção para questionar sim variadas posições políticas, inclusive a postura do líder do Cidadania em Sergipe.

No ano passado, ele “desbancou” líderes da oposição como o ex-senador Valadares (PSB) e o ex-deputado federal André Moura (PSC) e criou uma expectativa de que poderia preencher essa “lacuna” na oposição ao governo de Belivaldo Chagas (PSD) e Eliane Aquino (PT). Seria até natural porque diz não aceitar e/ou não concordar com “negociatas políticas”, sem contar que gravou uma mensagem em vídeo apoiando a então candidatura de Valadares Filho (PSB) para governador. Sem uma “referência com mandato”, Alessandro deveria ter assumido este “protagonismo”.

Parte da população esperava uma postura de Alessandro mais crítica em relação ao governo de Sergipe, mas ele só parece ter “olhos e ouvidos” para os corredores do Congresso Nacional e, principalmente, das Cortes Superiores do Poder Judiciário. Demonstra boa “disposição” para enfrentar magistrados, mas se revela “alheio” às deficiências do nosso Estado. Pelo menos é a impressão que vem passando desde fevereiro. Justiça seja feita ainda é cedo sim para “carregar de críticas” o senador, mas também já é tempo dele mostrar a que veio…

Este colunista já cobrou aqui e vai repetir: a “CPI da Lava Toga” é uma iniciativa importante, mas os sergipanos estão mais preocupados com problemas que se encaixam em suas realidades, como o desemprego e a crise financeira, por exemplo. São demandas fundamentais! Pouco se vê o senador cobrando e questionando a falta de ação do governador e de sua vice. É como se não tivesse sido eleito ou se não morasse mais em Sergipe. Limitou-se a, apenas, ficar na “sombra” do “G4” (grupo de quatro deputados estaduais que fazem oposição na Assembleia Legislativa)…

Alessandro fez “processo seletivo” para escolher seus assessores pelo País, fez o mesmo para definir quais municípios iria ajudar e parece fazer o mesmo para escolher as “pautas de seu mandato” e, até, os políticos com quem pode se aliar. Hoje a oposição em Sergipe está “desencontrada”, “desunida”, “distante” e o nome, eleito pela soberania popular (nem sempre se associa com sabedoria), não agrega dentro do seu grupo, junto aos partidos que estão contrários ao governo e o pior: tem uma postura “fria” (isso é comum em Alessandro) com o Executivo Estadual…

Este colunista não está aqui defendendo o “quanto pior, melhor”, mas sim uma postura política mais efetiva do senador! Não dá para ficar escondido sob subterfúgios, focado em investigar magistrados e bem “frio” com o governo de Sergipe! Alessandro foi eleito para “jogar” e não para ficar “sentado no banco de reservas”, apenas “dando as coordenadas”. O sergipano não lhe confiou apenas para ser “ficha limpa”, mas para trabalhar e trazer resultados para o Estado. E se não quer agregar com a oposição, que abra o caminho para outra “liderança” surgir…

Veja essa!

O Pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE/SE) vai julgar nesta terça-feira (15), à tarde, os embargos movidos pela defesa da chapa Belivaldo Chagas e Eliane Aquino, cassada pelo próprio TER/SE por 6 x1. Uma nova derrota logo mais encerra o processo aqui no Estado e, para se manter no cargo, o governador terá que recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

E essa!

Nos bastidores do mundo político o sentimento é que Belivaldo e Eliane devem ter a cassação confirmada e, a depender, a pena pode ainda ser ampliada, como no caso da vice-governadora quem segundo rumores, pode ficar inelegível. Para muitos políticos a expectativa é de que a cassação em Sergipe é algo inevitável e a luta agora será para protelar ao máximo o julgamento em Brasília.

Fogo amigo?

Este colunista recebeu uma informação, mas não quer precipitar nada, por enquanto. Fala-se nos escritórios de advocacia que pessoas próximas ao governador e à vice (aliados) estariam trabalhando para “acelerar” o trâmite da cassação. Há quem avalie que um governo cassado perde credibilidade junto ao povo e força na classe política.

Ordens de serviço

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB), estabeleceu uma “agenda” para lançar ordens de serviços de obras em vários pontos da capital. Tem obra já anunciada há algum tempo que vem se arrastando. Não custa lembrar que, por esses anúncios de ordens de serviço, que não saíram do papel, a chapa Belivaldo e Eliane foi cassada pela Justiça Eleitoral. Depois, depois…

Alô PRE!

Não custa chamar a atenção da Procuradoria Regional Eleitoral para o prazo das obras que estão sendo anunciadas pela Prefeitura. Algumas delas tendem as ser “entregues” entre os meses de agosto e setembro de 2020, ou seja, em plena campanha eleitoral. Até para evitar possíveis “abusos” de poder econômico…

Exclusiva!

O assunto ainda é mantido em sigilo, mas já existem conversas em andamento para a disputa pelo governo do Estado em 2022 (ou antes). A informação é que o senador Rogério Carvalho (PT) estaria propenso a recuar do desafio para focar no Senado e apoiaria uma pré-candidatura do deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) para comandar o Executivo. Mas, são só rumores…

Política nacional I

Muita gente faz análise do cenário político sergipano sem levar em consideração as movimentações em Brasília. Após o impasse envolvendo o presidente Bolsonaro com a cúpula do PSL, sua iminente saída da legenda pode ter reflexos diretos em Sergipe. São fortes os rumores que duas legendas podem se “fundir” para receber o chefe do Executivo Nacional…

Política nacional II

Uma das possibilidades já em andamento é que o Patriota, que em Sergipe conta com a liderança da vereadora de Aracaju, Emília Corrêa, possa se fundir a alguma legenda porque nas eleições de 2018 não atingiu a cláusula de barreira em vigor. Descartando algumas legendas com viés mais de “Esquerda”, não custa lembrar que legendas como PPL, PMN, PRP, PRTB e PTC também não atingiram a cláusula de barreira…

Política nacional III

Nessa terça-feira (15) veio a tona a informação que o destino do presidente Jair Bolsonaro pode ser o Republicanos, partido comandado em Sergipe pelo pastor Heleno Silva e pelo ex-deputado federal Jony Marcos, que “namoram” com o prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) e já se reaproximaram do governador Belivaldo Chagas…

É FANTÁSTICO!

A coluna já vem anunciando que dois municípios sergipanos devem ser “visitados”, em breve, pela reportagem do “FANTÁSTICO” da REDE GLOBO. Existem fortes rumores de problemas identificados em programas sociais pagos indevidamente. As investigações passam pela Polícia Federal e pela Controladoria-Geral da União (CGU)…

Bomba!

Nessa terça-feira (15) o “BOM DIA BRASIL” da REDE GLOBO já anunciou que mais de cinco mil beneficiários do programa Bolsa Família vão ter que devolver dinheiro. Algumas pessoas foram identificadas com carros de luxo, casas de classe média e até com empresas abertas. Como “um assunto sempre puxa outro”, a coluna antecipa: vai ter gente “premiada” em Sergipe. É bom preparar o “café” e o “pão quentinho” porque a turma da investigação vai chegar com “fome”. “Acorda Maria Bonita“…

Zezinho Sobral I

O deputado estadual Zezinho Sobral (PODE) defendeu a política de redução de impostos sobre a produção de milho em Sergipe. Ele defende que os produtores sergipanos se mantenham competitivos em relação aos concorrentes dos demais Estados nordestinos que estão com estudos em andamento neste sentido. Zezinho falou da reunião em que participou junto com o também deputado Dilson de Agripino (Cidadania) e prefeitos do Agreste e do Sertão, além de produtores da região.

Zezinho Sobral II

“Tivemos uma reunião em Frei Paulo, com o apoio do também deputado Luciano Bispo (MDB), e recebemos a incumbência de encaminhar uma demanda sobre a produção de milho que entra em entressafra nos meses de fevereiro a abril, de queda na produção, que é quando Sergipe se torna um grande produtor”.

Competitividade

O deputado pontuou ainda que Estados nordestinos como Maranhão e Piauí já perceberam essa importância, como uma oportunidade única de geração de negócio e de renda. “Há uma movimentação dos Estados vizinhos em relação a tributação do milho. Na produção é voltada para a exportação. Em Pernambuco, por exemplo, o foco deles também é a indústria de processamento do milho. Todo mundo está estudando isso e nós buscamos junto à Sefaz forma para que o nosso Sergipe não perca em competitividade”.

Assinatura do termo

Zezinho enfatizou também que na quarta-feira (16), o governador Belivaldo Chagas vai assinar junto com os produtores uma proposta de redução da alíquota apresentada pelos produtores de milho de Sergipe.  “Nossa intenção e nos manter competitivos com os demais produtores do Nordeste”, disse, acrescentando que “está de parabéns o governador que entende que aumentar o imposto não é a solução para ampliar a arrecadação. Vamos avançar com os compromissos assumidos com os produtores e 80% da nossa safra de milho já será colhida agora, em novembro e dezembro”.

Adaílton Martins

Em aparte o deputado Adailton Martins (PSD) que acrescentou reconheceu o sofrimento do produtor rural brasileiro e falou sobre a produção de Coco, em especial. “Estão praticamente falidos! A farinha de coco que vem de fora é mais barata que a produzida aqui no Brasil.  O ICMS é muito pesado e para adubar uma propriedade hoje em dia você não consegue tirar aquele investimento feito. Temos que parabenizar o governo por essa redução do ICMS do milho”.

Irmã Dulce

Zezinho Sobral destacou o processo de canonização de Irmã Dulce no Vaticano e, visivelmente emocionado, elogiou a Missa como um ato de muita relevância. “Para mim Irmã Dulce já era santa muito antes, desde que nasceu. Teve uma vida voltada para os mais humildes. Irmã Dulce é um grande exemplo de santa que atuava em defesa dos pobres. Confesso que fiquei profundamente emocionado e muito feliz pelo nosso Brasil. É sim para parabenizar e celebrar esse momento festivo para o nosso povo”.

Rodrigo Valadares I

O deputado estadual Rodrigo Valadares (PTB) protocolou no Ministério Público Estadual uma representação solicitando uma investigação do órgão sobre os radares de reprovados quanto à aferição da velocidade em vias públicas de Aracaju, segundo o ITPS.

Rodrigo Valadares II

Rodrigo Valadares explicou que, embora a SMTT de Aracaju tenha anunciado que vai anular as multas aplicadas de 27 de setembro em diante, nos trechos dos radares reprovados, é preciso que o MPE assegure à população sobre desde quando a cobrança vem sendo feito de maneira irregular.

Rodrigo Valadares III

“Nossa intenção em representar o Ministério Público nada mais é do que assegurar o interesse público, da coletividade. Que o MPE apure sobre desde quando os radares estão multando os condutores irregularmente e que o dinheiro pago de forma indevida seja devolvido ao consumidor que se sentir prejudicado”, explica Valadares.

Falando nisso

Um leitor da coluna recorda: quando a “Aracaju Inteligente” do prefeito Edvaldo Nogueira vai colocar em funcionamento os “semáforos inteligentes”? A demora é tanta que, quando a gestão resolver implantar, é provável que essa “tecnologia” já esteja “ultrapassada” ou não, Ministério Público?

Outra dúvida

Como perguntar não ofende nunca, desde a gestão do ex-prefeito João Alves Filho que alguns retornos em Aracaju foram fechados por manilhas. A medida seria de caráter temporário, mas até agora seguem interditados pela atual gestão da PMA. Será que a turma da SMTT tem alguma previsão se a via será desobstruída ou há um planejamento para o fechamento em definitivo?

Simpósio I

Durante os três dias do 2º Simpósio Constituição de Sergipe, uma iniciativa da Assembleia Legislativa de Sergipe, dentro da programação das comemorações dos 30 anos de promulgação da Constituição de Sergipe, foram realizadas palestras e debates, sobre temas variados, no auditório do Tribunal de Justiça, gentilmente cedido pelo Poder Judiciário. Entre os organizadores e o público que acompanhou as exposições, a sensação foi de completa aprovação, sobretudo pela diversidade de assuntos.

Simpósio II

Entre os temas abordados no Simpósio foram abordados “Tendências e Desafios do Constitucionalismo Estadual”; “Novas Perspectivas para o Pacto Federativo”; “Democracia Representativa na Era Digital”; “Constituição, Informação e Transparência”; “Antecedentes Histórico-Políticos da Constituinte Estadual”; “Imunidades e Garantias Parlamentares: Aspectos Políticos e Jurídicos da Constituição Estadual”; “Pela Defesa da Vida, Um Direito Fundamental”; “Controle da Constitucionalidade no Âmbito do TJ/SE”; dentre outros.

Palestras I

No primeiro dia do evento há de destacar a exposição feita pelo Procurador de Justiça, Carlos Augusto Alcântara Machado, uma referência em Direito Constitucional em Sergipe; o procurador-geral do Ministério Público Especial do Tribunal de Contas, João Augusto Bandeira de Mello; além do presidente da União Nacional do Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), deputado Kennedy Nunes; e o assessor Jurídico da entidade, André Maimone;

Palestras II

No segundo dia estavam entre os expositores o vice-Reitor da Universidade Federal de Alagoas, José Vieira da Cruz; o procurador do Estado, José Paulo Leão Veloso; o juiz de Direito Marcos Pinto; e o Procurador do Estado e advogado Evânio Moura; no terceiro e último dia do evento estavam debatendo o defensor público Sérgio Barreto; a promotora de Justiça aposentada Adélia Moreira; o promotor de Justiça, Eduardo Matos; e o conselheiro aposentado do TCE, Reinaldo Moura.

Luciano Bispo

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Luciano Bispo (MDB), entende que o 2º Simpósio 30 anos Constituição de Sergipe foi uma iniciativa da Alese para valorar os parlamentares constituintes. “Todos os debatedores que passaram por aqui destacaram a qualidade do texto da Constituição de Sergipe, o quanto ela foi progressista em 1989. 30 anos se passaram e ela não recebeu nem 50 emendas! Ganhamos todos com esse Simpósio: deputados, servidores, constituintes, estudantes e o público em geral. É uma vitória da Assembleia!”.

Reinaldo Moura

Por sua vez, o deputado constituinte Reinaldo Moura exaltou o seu orgulho em ter sido um dos membros da Constituinte de 1989. “Eu me sinto honrado em ter sido convidado para participar de um evento especial como esse que muito importante para Sergipe, para esta geração, para as gerações que passaram e para as que ainda virão. É a Constituição que rege o nosso destino! É uma oportunidade única para a gente reencontrar os amigos da época e relembrar os amigos que se foram. Todos trabalharam muito bem para que esta Constituição fosse bem elaborada e até hoje persistisse tão moderna, tão atual”.

 José Carlos Machado

Outro deputado constituinte que destacou o sucesso do 2º Simpósio foi José Carlos Machado. Para ele não há nada mais importante para o mundo político sergipano que a promulgação da nossa Constituição Estadual. “O texto elaborado se preocupou com as questões sociais e ambientais. Tratou com ousadia alguns pontos que não foram tratados por outras constituições de Estados brasileiros. A transparência no serviço público é tão importante quanto é a economicidade e a legalidade. Isso foi fruto de muito trabalho e só sabe a importância disso aqueles que mais precisam do governo, de proteção: os mais pobres. A nossa classe política pode ter divergências, mas quando se trata dos interesses de Sergipe, todos se entendem”.

Igor Albuquerque I

O Presidente da Comissão Especial que promoveu o 2º Simpósio, Igor Albuquerque, fez uma avaliação positiva do evento e registrou o envolvimento de todos os setores da Assembleia Legislativa para ele ser exitoso. “Após três dias de muito trabalho nós podemos dizer que o evento superou todas as expectativas. Este foi um espaço democrático, onde nós discutimos muitos assuntos sobre a Constituição de 1989 e sobre temas que impactam diretamente na vida do povo sergipano. Tivemos aqui juristas, políticos, cientistas, a comunidade acadêmica e a sociedade em geral”.

Igor Albuquerque II

Ainda segundo Igor, o principal objetivo do Simpósio foi atingido. “O grande mérito nós atingimos que foi colocar a nossa Constituição Estadual em evidência, muito bem produzida, rica do ponto de vista técnico e que precisa ser reconhecida pelos sergipanos. Estamos falando do documento básico que assegura cidadania e liberdade, autonomia para o nosso Estado. Quero agradecer o apoio do deputado estadual Luciano Bispo, em nome dos demais parlamentares, e de todos os setores da Alese que contribuíram para o sucesso do nosso Simpósio”.

Marcos Aurélio Costa I

O diretor de Comunicação da Alese, Marcos Aurélio Costa, entende que o 2º Simpósio organizado pela Assembleia Legislativa contemplou a sociedade como um todo. “Esse Simpósio reuniu diversos segmentos da sociedade. Ele serviu muito para que as pessoas relembrassem a importância de se ter uma Constituição Estadual. As pessoas, naturalmente, falam mais da Constituição Federal, mas Sergipe também tem sua Carta Magna que, quando elaborada lá em 1989, foi uma das mais elogiadas”.

Marcos Aurélio Costa II

Marcos Aurélio deu ênfase ao esforço concentrado pelos parlamentares constituintes. “(A Constituição) É enxuta, mas moderna e abrangente. Fico muito feliz e gratificado em ver tantos jovens acompanhando e aprendendo sobre a nossa história. Só nos resta parabenizar o setor Legislativo da Casa e todos os demais que se somaram ao longo desses três dias de evento”.

Andréa Azevedo I

Filha do deputado Constituinte Guido Azevedo (in memoriam) e uma das organizadoras do 2º Simpósio 30 anos da Constituição de Sergipe, Andréa Azevedo, registrou a satisfação pelo êxito do evento, mas não escondeu a emoção pela oportunidade em fazer parte da história escrita por seu pai. “Tudo valeu a pena! Todo o esforço concentrado de todos os setores. Quando a gente vivencia o resultado fica aquela sensação de dever cumprido de todos os envolvidos, da Comissão Especial”.

Andréa Azevedo II

“As comemorações continuam com a exposição até o final do ano no hall da Alese, além de outras atividades na Escola do Legislativo. Muito bom poder reviver tantos momentos históricos, valorar a nossa Constituição Estadual e, para mim, foi uma satisfação pessoal. Vou além da Carta Magna. É meu pai! Me debruçar sobre este evento foi uma maneira de poder referenciá-lo, de prestar uma homenagem e externar esse amor que tenho para todos”, completou Andréa, bastante emocionada.

São Francisco I

O Partido Socialista Brasileiro (PSB) lançou, para a eleição suplementar da cidade de São Francisco, a chapa “Agora é Diferente” com Luan Cardozo (PSB), candidato a prefeito, e Sandro Andrade, candidato a vice-prefeito. Os candidatos apresentam uma proposta de resgate da autoestima dos cidadãos são-francisquenses. De acordo com Luan, que é enfermeiro, professor universitário e exerce o mandato de vereador, os moradores de São Francisco estão desmotivados e necessitam de uma nova gestão, com pessoas novas para administrar a cidade.

São Francisco II

“Nossa candidatura surgiu por conta da grande desmotivação que toma conta do nosso povo e agora, com o lançamento de nossa candidatura, surge um novo sentimento. Queremos resgatar a autoestima e a esperança dos moradores de São Francisco. O município precisa de pessoas novas para trabalharem pela nossa gente e apresentamos isso em nossa chapa. Nosso candidato a vice também é jovem, vem de uma família humilde, trabalhadora e honesta. Agora ele está tendo esta oportunidade de fazer parte da chapa majoritária e ao meu lado ajudar o desenvolvimento da cidade”, completa Luan.

São Francisco III

O MDB realizou a sua convenção partidária e homologou o nome do ex-prefeito Ailton Nascimento como candidato do partido a prefeito. A coligação “Nossa força vem do povo” terá como candidata a vice, a ex-vereadora Desirê Hora, mais conhecida como Dêda, filiada ao PT. Moradores, lideranças políticas, comunitárias e religiosas lotaram o Clube da Fundec, local da convenção.

São Francisco IV

Ailton Nascimento agradeceu aos filiados pela escolha e reafirmou aos presentes seu compromisso em trabalhar, mais uma vez, por São Francisco. “Temos consciência das dificuldades e dos desafios de uma gestão que terá pouco mais de um ano para conduzir o nosso município, mas se tem uma coisa que gosto de fazer é trabalhar. Não tenho receio de enfrentar cada problema, cada dificuldade, para trazer o progresso de volta a São Francisco”, disse o emedebista.

Gilmar Carvalho I

O desastre ambiental que atingiu Sergipe e os outros oito Estados do Nordeste tem preocupado o deputado estadual Gilmar Carvalho (PSC). Ele criticou a falta de cuidado da Petrobras com a contenção da substância que tem chegado à foz e pode atingir o rio São Francisco. De acordo com o deputado, a Petrobras prometeu as boias de contenção da substância ao governo do Estado, mas no dia seguinte teria informado que não possuía os equipamentos.

Gilmar Carvalho II

“Uma empresa que deve muito a esse estado tratando Sergipe de forma completamente irresponsável. Um dia desses, esteve o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Sales, aqui em Sergipe e foi ovacionado por autoridades e eu não sei por qual milagre não foi vaiado. Devia ter sido muito vaiado. Não por ele não ter trazido soluções, até porque ele não tem, mas ele não é afeito a nenhuma política de combate às crises ambientais, pelo contrário, ele já foi secretário em São Paulo e a população sabe o que ele fez e deixou de fazer”, registrou.

Força-tarefa

O deputado fez ainda um questionamento acerca das iniciativas propostas pelo ministro, a exemplo da formação de uma força-tarefa. “Aqui em Sergipe falou em formação de força-tarefa, o líder do governo sabe o que foi que essa força-tarefa já fez? O governo federal não está acordando para esta crise ambiental e os danos que ela ainda vai causar, maiores que os atuais”, disse.

Convocação
O parlamentar usou ainda a Questão de Ordem para propor a convocação do presidente da Adema, Gilvan Dias, para esclarecimentos. “Trazer o presidente da Adema, que fiz questão de dizer que não tem culpa, mas para falar do trabalho em relação a essas manchas de óleo e que seja estendido à direção do Ibama em Sergipe”, concluiu.

Natal Iluminado 2019

Foi assinado o convênio entre o Sistema Fecomércio/Sesc/Senac de Sergipe e a Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA) para a realização do Natal Iluminado 2019, programação que já faz parte do calendário de eventos da cidade, em alusão às comemorações de final de ano em Aracaju. O terceiro ano do evento terá sua maior cobertura em termos de projeto paisagístico-iluminativo, com mais de 1.5 milhão de pontos de luz que ornamentarão as praças Fausto Cardoso, Almirante Barroso e Olímpio Campos, no Centro Comercial de Aracaju.

Laércio Oliveira

O presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac, deputado Laércio Oliveira, destacou a importância do evento como o cartão postal especial de natal do povo aracajuano. “É um presente para Aracaju que o Sistema Fecomércio, Sesc e Senac promove. É uma realização na sua terceira edição, um desafio enorme que o Sistema Fecomércio Sesc e Senac abraçou juntamente com toda a diretoria. Eu estou muito feliz pela inovação, pelos avanços que nós promovemos no projeto, que não vai ser mais só na praça Fausto Cardoso. Vai avançar na praça Olímpio Campos”.

Programação

O Natal Iluminado 2019, promovido pelo Sistema Fecomércio/Sesc/Senac, PMA e entidades empresariais parceiras irá contar com 38 dias de iluminação nas praças, formando um ambiente propício para a diversão das famílias durantes as noites do final do ano de 2019 e início de 2020. Durante todo o período, haverá programação artística, cultural e de lazer, promovida pelo Sesc, programação educacional e empreendedora, que será desenvolvida pelo Senac e Sebrae.

Ponte Construtor João Alves

Aproveitando ainda o tema “Natal Iluminado”, seria interessante que o Sistema Fecomércio/Sesc/Senac buscasse uma parceria com o governo do Estado para ampliar o projeto inserindo a Ponte Construtor João Alves, que liga Aracaju a Barra dos Coqueiros, valorizando ali um grande cartão postal da nossa capital, projetada e edificada por um dos sergipanos mais ilustres…

Coração Valente

Nesta quarta-feira (16), às 16h, na Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe, o ex-jogador de futebol e atual Secretário Nacional do Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social, Washington “Coração Valente”, receberá o “Título de Cidadão Sergipano”, um reconhecimento pelos serviços que Washington prestou através de trabalhos sociais em nosso Estado. A iniciativa é o do Deputado Estadual Dilson de Agripino.

Gleidson no PSC

O ex-secretário de Planejamento de Nossa Senhora do Socorro, Gleidson Oliveira, assinou sua ficha de filiação no PSC e assumiu o compromisso de buscar o fortalecimento da legenda no município da Grande Aracaju. No ato sua ficha foi abonada pelo Governador do Rio de Janeiro, Wilson Wiltzel. Também estavam presentes o Secretário-Chefe da Casa Civil do RJ, o ex-deputado André Moura e o atual deputado federal e ex-prefeito de Socorro, Fábio Henrique (PDT).

Alô Laranjeiras!

O empresário Ninho Automóveis está sendo estimulado por seus familiares e amigos a disputar um mandato de vereador no município de Laranjeiras em 2020. As conversas estão avançando e, segundo informações, Ninho está determinado a construir um projeto, com planejamento definido, para vencer a eleição. Deve apoiar a pré-candidatura do ex-prefeito Juca Bala para a Prefeitura.

CRESS I

Desde a última sexta-feira (11), os Conselhos Regionais de Serviço Social (CRESS Sergipe) e Psicologia (CRP) iniciaram uma agenda intensa e conjunta de diálogos com parlamentares federais de Sergipe no sentido de sensibilizá-los para derrubar o veto presidencial do Projeto de Lei 3688/2000, que pretende inserir o Serviço Social e a Psicologia na rede básica de Educação.

CRESS II

“A adesão foi de 100% dos parlamentares visitados até o momento”, destacou a presidente do CRESS Sergipe, Joana Rita Monteiro Gama. Até o momento, as comissões formadas pelos conselhos foram recebidas pelos deputados Fábio Henrique, Laércio Oliveira e João Daniel e pelos senadores Alessandro Vieira e Rogério Carvalho. “A proposta é visitar todos os deputados federais e senadores para dialogar sobre a pauta. Nas próximas semanas as reuniões permanecerão acontecendo. As assessorias do CRESS e do CRP estão contatando e agendando novos encontros com os demais parlamentares”, destacou Joana.

Inclusão Social

Celebrado neste dia 11 de outubro, o “Dia Nacional da Pessoa com Deficiência Física” foi comemorado pelo Conselho Estadual dos Direitos da PcD e pela secretaria de Estado da Inclusão Social com um belo ensaio fotográfico. O Parque da Sementeira serviu de cenário para sete modelos, cuja beleza e alegria foram captadas pela lente da fotógrafa Pritty Reis. A data comemorativa busca conscientizar a população sobre a necessidade de promoção de ações que garantam a qualidade de vida e os direitos das cerca de 13 milhões pessoas com deficiência física existentes no Brasil – segundo o último Censo do IBGE (2010).

Netinho confirmado!

O cantor baiano e cidadão aracajuano por merecimento, Netinho, estará de volta a Aracaju para comandar, pela segunda vez consecutiva, o bloco “Por Amor ao Iate”. A folia acontece no sábado, 8 de fevereiro, a partir das 15h. O lançamento oficial do bloco acontece dia 7 dezembro, às 13h, no salão nobre do clube, com as bandas Cajurioca, Axé Vinil e Batifun. Prepare o fôlego, porque se o “esquenta” vai ser bom, imagine o bloco!

CRÍTICAS E SUGESTÕES

[email protected] e [email protected]