27/11/19 - 16:49:38

Papai Noel dos Correios bate recorde de cartas recebidas em Sergipe

Para muitas crianças, ganhar um presente no Natal – por mais simples que seja – é somente um sonho, um desejo que seus pais não poderiam realizar. É por isso que, nessa época do ano, meninos e meninas depositam toda a sua esperança nas cartinhas enviadas à campanha Papai Noel dos Correios, que em 2019 completa 30 anos de existência. Em Sergipe, até o momento, 16 mil cartas já foram lidas e cadastradas no sistema de controle de adoções.

De acordo com a coordenação estadual da campanha, o número de cartinhas recebidas superou as expectativas. “A abertura da campanha em Sergipe aconteceu no dia 14 de novembro, e já batemos todos os recordes. No ano passado, até o final da campanha, cadastramos 13 mil cartinhas para adoção. Em 2017, foram 10 mil”, conta o coordenador Valter Rubens de Souza.

No entanto, segundo ele, as adoções estão abaixo do esperado. “Temos menos de 3 mil cartinhas adotadas. No ano passado esse número chegou a 8 mil. Esperamos que um número maior de pessoas e instituições nos procurem para tirar mais sonhos do papel. Tem pedidos de todos os tipos, inclusive coisas bem simples, como massinha de modelar, pulseira, chinelo, pião, ioiô, caderno, lápis de cor. Tenho certeza que muita gente tem condições de apadrinhar uma cartinha”, afirma Valter. O prazo para adoção termina no dia 16 de dezembro.

Como adotar

Após escolher uma ou mais cartinhas, os padrinhos precisam apenas comprar o presente solicitado pela criança e entregá-lo em uma das agências que funcionam como pontos de adoção: AC Central, AC Rua Acre, AC DIA, AC João Alves (Shopping Prêmio), AC Shopping Riomar, AC Aeroporto, AC N. Sra. da Glória, AC Tobias Barreto, AC São Domingos, AC Propriá, AC Estância, AC Itabaiana, AC Lagarto, AC Barra dos Coqueiros e AC Ribeirópolis. Os Correios providenciam a entrega do presente às crianças até o Natal.

No caso de instituições parceiras, basta solicitar a quantidade de cartinhas desejada à coordenação da campanha através do telefone 2107-6104 e depois disponibilizá-las para os servidores que quiserem adotar um ou mais pedidos. É uma maneira de facilitar a vida dos padrinhos, levando as cartas até seu local de trabalho. Os Correios fazem a coleta das doações e entregam cada objeto para seu destinatário. São parceiros da campanha em Sergipe o Tribunal de Contas, Sebrae, Junta Comercial, Unimed, Banese, Ministério Público Federal, TV Sergipe, entre outros.

30 anos

Em 2019, a maior ação de responsabilidade social dos Correios completa 30 anos de existência. Ao longo dessas três décadas, a campanha conseguiu atender ao pedido de mais de 6 milhões de cartinhas – algumas delas com histórias emocionantes. O Papai Noel dos Correios nasceu por iniciativa de empregados que, durante a rotina de trabalho, no final do ano, recebiam cartinhas escritas por crianças e destinadas ao Bom Velhinho, mas sem endereço. Sensibilizados, alguns deles resolveram adotar as cartinhas e enviar os primeiros presentes. Com o passar do tempo, a ação foi ganhando maior proporção e acabou se transformando em um projeto corporativo dos Correios.

Acompanhe as histórias, os personagens e os principais momentos do Papai Noel dos Correios 2019 no blog da campanha  http://blog.correios.com.br/papainoeldoscorreios/ e nas redes sociais oficiais da empresa @Correiosbr; @correios; correiosoficial.

Assessoria de Imprensa