20/12/19 - 07:26:51

Clóvis revela filiação de Fábio Meireles ao PSC e descarta controle de Secretaria

Durante a realização do programa Inove Notícias com apresentação do radialista Kleber Alves na rádio Liberdade 100, 3 Fm [horário das 17 às 19h] ocorreu entrevista com o líder da executiva municipal do PSC em Aracaju, Clóvis Silveira.

De imediato, foi abordada a entrevista concedida pelo deputado estadual Capitão Samuel ao programa, quando revelou que não foi consultado sobre o apoio ao alcaide aracajuano e que sentia-se livre para apoiar qualquer candidatura. Além do capitão frisar a saída do partido do deputado federal Valdevan 90 e do colega de parlamento Gilmar Carvalho.

“Todos tem o livre hábito de sair ou ficar. Essa história de Valdevan 90 é coisa velha. O caso de Gilmar é coisa do passado desde o momento em que ele entrou com ação no TRE requerendo a saída do partido”, destacou Clóvis. Ainda, em relação ao Cancão, o dirigente disse que Gilmar deixou o PSC livre. Lembrando que chegou na agremiação em Abril com a finalidade de apoiar a pré-candidatura dele. “Não existe nada contra Gilmar”.

Bastante didático, Clóvis revelou os três motivos que provocaram a decisão de apoiar o prefeito Edvaldo Nogueira.

1º Motivo: a pré-candidatura de Gilmar falhou;

2º Motivo: Tentamos a formatura de outra candidatura com outros grandes partidos e não conseguimos agregar;

3º Motivo: O PSC tem um quadro de 36 candidatos a vereador muito importante, um dos maiores de Aracaju. Só, apenas, Fábio Meireles que já está filiado ao partido com mandato. Sendo necessário apoiar um nome, sendo mais prático o do atual gestor.

“Principalmente pela relação de amizade entre o prefeito e André Moura que são muito amigos. Aracaju mudou a cara graças ao trabalho de Edvaldo e o apoio de André”, enfatizou.

O experiente articulista Clóvis fez questão de ressaltar que apenas após o ingresso de Gilmar na justiça que o partido começou a trabalhar pelo plano B.

Cargos

Clóvis negou atrelamento à reeleição com a participação na administração. “Nossa conversa foi em termos de apoio político, não o de participação nesta gestão. Isso foi discutido para uma próxima gestão”, citou.

Já em relação a formulação de convite para assumir a Secretaria da Juventude e Esportes, Clóvis foi contundente. “Não foi feito nenhum acordo”!

Nossa Senhora do Socorro

Na maior cidade do interior sergipano, Clóvis disse que o partido deverá ter um candidato, que é o Coronel Mendes.

São Cristóvão

Na 4ª cidade mais antiga do país, Clóvis que desenvolve articulações em todo o estado, falou existir a possibilidade do Capitão Samuel ser o candidato, “estamos discutindo isso”.

Sobre a pré-candidatura da ex-vereadora Gedalva Umbaubá, Clóvis revelou que estão desejando fazer um acordo com a oposição, através da intermediação do filho da ex-parlamentar que preside o partido no município.

“Estamos aguardando esse desenrolar para saber qual o caminho”, detalhou.

Barra dos Coqueiros

Na cidade situada na Grande Aracaju, Clóvis colocou a existência de três nomes com possibilidade de ser o candidato da sigla, porém com alguns impasses:

“Reinaldo Moura, o ex-prefeito Gilson e um outro nome que não lembro-me”.

Propriá

No município do Baixo São Francisco, “teremos com certeza o médico Paulo”.

Demais localidade

Atualmente, o partido tem 18 prefeitos em todo o estado, com a maioria indo à reeleição. Somado a mais cinco prefeitos que se filiarão ao partido em Janeiro. “Deveremos ter de 40 a 45 pré-candidatos a prefeito”, ressaltou. Já sobre o ato oficial de apoio ao prefeito Edvaldo Nogueira, Clóvis disse que já poderia ocorrer na próxima sexta-feira, 20. Mas, devido ao período do final de ano, festas e viagens, tem a impressão que ficará para o mês de Janeiro.

“Tudo será decidido amanhã”, concluiu.

Foto Inove Noticias

Por: Elder Santos