13/02/20 - 14:52:48

Maria do Carmo defende política pública que vise a capacitação e o reconhecimento do professor

A senadora Maria do Carmo Alves (DEM) defendeu hoje (13) uma política pública que garanta constante capacitação para  professores, sobretudo, os que atuam nos ensinos fundamental e médio.  A defesa da parlamentar foi fundamentada a partir da leitura de uma pesquisa, elaborada pelo Instituto Península, denominada “Retratos da carreira docente”, no Brasil.

O resultado, divulgado no final do ano passado, mostra que uma média de sete em cada dez professores brasileiros concordam que sua formação é deficitária, considerando as complexidades que enfrentam em sala de aula. “O professor é o principal agente de transformação e o responsável pela formação de toda as profissões. É através dele que se delineia a história de uma Nação”, afirmou.

Partindo desse prisma, destacou Maria do Carmo, ser inconcebível que não haja uma política voltada à sua capacitação e aprimoramento visando melhor atender aos alunos, em qualquer esfera de ensino, mas, especialmente, do fundamental e médio, onde se constroi a base. “É preciso que se reconheça a importância desse profissional que, infelizmente, a cada dia tem que encarar desafios para os quais não estão preparados”.

Ela citou que, de acordo com os dados do levantamento, dos 1800 professores ouvidos em todas as regiões brasileiras, cerca de 65% consideram que a formação não os prepara para as complexas situações que encontram  diariamente nas escolas. Mesmo assim, observou Maria do Carmo, 57% deles não pretendem mudar de carreira, embora  entendam que lhes faltam reconhecimento.

“Como bem disse Heloísa Morel, diretora executiva do Instituto Península, a pesquisa revela que os profissionais do magistério, a despeito das dificuldades que enfrentam, querem fazer a diferença na sociedade, porém reconhecem que a capacitação que têm não é suficiente para a realidade que enfrentam, seja com os alunos regulares ou com os que têm deficiência de toda ordem”, observou a senadora, ao ratificar a necessidade de se implementar mecanismos que visem melhorar a formação.

Fonte e foto assessoria