23/04/20 - 07:49:23

Peixes fora d’água

Com esta pandemia do novo coronavírus, os políticos estão se sentido peixes fora d’água diante da dificuldade de se relacionarem com os eleitores. As mudanças de comportamento impostas pela doença atingiram em cheios os políticos, acostumados aos tapinhas nas costas, apertos de mãos, participação em competições esportivas e leilões comunitários, rodas de conversas nos bares da periferia e até visitas inesperadas ao eleitor justo na hora do almoço. Agora, com a relação quase exclusivamente online, muitos pré-candidatos estão no mato sem cachorro, pois parte da população ainda não transita pelo mundo virtual. A estes políticos desconectados da internet resta rezar muito para aparecer logo um remédio ou uma vacina contra o Covid-19. Do contrário, a vaca vai pro brejo e leva junto o sonho da eleição. Homem, vôte!

Ficou pra depois

Uma boa notícia para os consumidores: a Energisa adiou para 1º de julho próximo, o reajuste médio de 1,20% para as tarifas praticas em Sergipe. Pela autorização da Agência Nacional de Energia Elétrica, o aumento deveria ter entrado em vigor ontem (22). O adiamento foi adotado por conta da pandemia do Covid-19. A Energisa também está impedida de cortar a luz dos inadimplentes. Vixe!

Vetos derrubados

A primeira sessão virtual da Câmara de Aracaju discutiu cinco vetos do prefeito Edvaldo Nogueira (PDT), aprovando três e derrubando dois. Entre os rejeitados está o veto ao projeto do vereador Cabo Amintas (PSL) isentando do IPTU o imóvel pertencente a um portador de doença grave ou que tenha dependentes nesta condição. A próxima sessão virtual do Legislativo aracajuano está agendada para quarta-feira da semana que vem. Alguém sabe por que tanto tempo de uma plenária pra outra? Cruzes!

Banda vuô

Seis em cada 10 brasileiros (58%) admitem que nunca, ou somente às vezes, dedicam tempo a atividades de controle da vida financeira. A pesquisa feita pelo SPC também mostra que 17% dos consumidores, sempre ou frequentemente, precisam usar cartão de crédito, cheque especial ou até mesmo pedir dinheiro emprestado para conseguir pagar as contas do mês. O percentual aumenta para 24% entre os mais jovens. E você controla o que ganha? Ôxe!

Te cuida, Bolsonaro!

Constitucionalista de mão cheia, Carlos Ayres de Brito entende que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pode sofrer um processo de impeachment por seu comportamento sobre o coronavírus. O ministro aposentado do Supremo também afirma que Bolsonaro violou a Constituição ao participar de atos que pediram o fechamento do Congresso e do STF. No entender do jurista sergipano, o presidente comete ato passível de abertura de processo ao contrariar regras sanitárias. Aff Maria!

Concorrência suspeita

O Ministério Público de Sergipe recebeu denúncia sobre graves suspeitas de irregularidades na contratação pela Deso da empresa Novo Tempo Incorporadora. Vencedora da concorrência para executar obras de ampliação de rede de distribuição de água, a denunciada teria praticado um deságio de 35,19% no valor total da planilha, portanto, bem abaixo do permitido por lei. Segundo a empresa denunciante JMPC Projetos e Construções, mesmo assim, a Deso homologou a concorrência. O MPE já determinou que a denúncia seja distribuída à uma Promotoria do Patrimônio Público para a devida apuração. Crendeuspai!

Volta pra casa

E quem está de volta para Sergipe é o empresário lagartense Rodrigo Rocha, acusado de ter assassinato o empregado Alexandre Souza Santana com vários tiros na cabeça. Ele foi preso, domingo passado, no interior de São Paulo, onde estava escondido desde janeiro deste ano. Segundo a Secretaria da Segurança Pública, Rodrigo e os policiais que o prenderam devem chegar à tarde, num avião comercial. No final da década de 90, o empresário matou a tiros o vigilante José dos Santos, de 59 anos, fugindo em seguida para o Maranhão, só sendo preso 2001. Danôsse!

Cabide de empregos

O governo de Sergipe insiste em alegar não ter recursos para pagar em dia os salários dos servidores. Mas, enquanto reclama da falta de dinheiro, o Executivo mantém um grande número de apadrinhados, a maioria políticos do interior, em bem pagos cargos comissionados. É muito por causa dessa renca de come e dorme que o executivo não tem dinheiro para melhorar os salários de quem realmente trabalha no Estado. Só Jesus na causa!

Crime ambiental

O pelotão da Polícia Ambiental de Sergipe flagrou um grave crime contra a natureza no povoado Cajazeiras, em Santa Luzia do Itanhy. Sem qualquer autorização, o dono de uma propriedade construiu um enorme tanque às margens de um riacho para criar peixes. O infrator responderá por crime ambiental e terá que reparar os danos praticados ao meio ambiente. Bem feito!

Ruídos no aquário

Os quatro vereadores do PSC estão falando línguas diferentes. Ao menos é o que se conclui após a escolha do líder da bancada na Câmara de Aracaju. Primeiro, Thiaguinho Batalha comemorou pelas redes sociais a sua indicação para a liderança, numa mensagem que encerrava com um “Vamos, que vamos”. Não foi! Em seguida, o PSC tornou público o ofício indicando o vereador Fábio Meireles como o líder da bancada. Acabrunhado, Thiaguinho excluiu sua postagem do twitter. Marminino!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano O Nordeste, em 29 de dezembro de 1938.