23/04/20 - 07:15:54

Produtores de queijos começam a escoar a produção nas feiras livres

O queijo artesanal é uma importante atividade econômica sergipana. Com o retorno das feiras livres, os queijeiros voltaram a escoar a sua produção. Segundo a Associação Sertaneja de Queijeiros, só no Alto Sertão a média de produção é de 25 mil quilos de queijos por semana.

A presidente da Associação Sertaneja de Queijeiros, Maria Joseane Costa, explica que a associação tem 24 produtores de queijos que produzem para comercialização em feiras livres e vivem apenas desta atividade.

“Esses produtores vendem em feira livre. É muito importante a abertura dessas feiras e a tendência é melhorar também as aglomerações no supermercado. A feira é muito importante para o escoamento da produção. São os pequenos que vendem na feira”, afirma Joseane.

O feirante Tiago de Souza compra o queijo de produtores do município de Nossa da Glória para comercializar nas feiras. Ele conta que compra uma média de 150 quilos por semana.

“Muito complicado porque o nosso meio de vender é a feira livre. Estava parado sem as feiras. Eu pegava uns 150 quilos e agora no retorno peguei 50 quilos. A expectativa é que possa melhorar”, afirma.

Feiras livres

A Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Sergipe – Faese entregou a todos os prefeitos uma carta aberta pedindo a reabertura das feiras para que os produtos da cadeia leiteira possam ser escoados.

“Nossa primeira ação foi enviar um ofício aos prefeitos pedindo a abertura das feiras com todas as medidas de prevenção para evitar a propagação do vírus. Também enviamos o guia das feiras livres, produzido pela CNA, com todas as orientações necessárias para a realização das feiras com segurança”, ressalta Ivan.

Fonte e foto assessoria