27/04/20 - 07:49:55

Política não interessa

O mundo não será mais o mesmo após a passagem desse terrível coronavírus. Um bom exemplo disso é a política partidária. Embora estejamos num ano eleitoral, é cada vez menor o interesse do cidadão comum pela pré-campanha em andamento. Prova maior foi a recente pesquisa feita em Aracaju para medir a popularidade e a rejeição dos prefeituráveis. Tirando os próprios interessados e seus círculos de apoiadores, quase ninguém perdeu tempo para avaliar os índices apurados. Quem fez isso agiu certo, pois os números desta consulta popular estarão imprestáveis depois da passagem dessa praga. Ademais, é provável que até a forma de fazer política sofra mudança radical depois desse solavanco sanitário. Diante das mudanças que teremos pela frente, é bom que os políticos comecem a pensar além da pandemia, pois quem achar que tudo será como dantes ficará no passado. Quem viver, verá!

Dia D

O governador Belivaldo Chagas (PSD) e o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) anunciam, hoje, se flexibilizam o isolamento social em Sergipe e em Aracaju. Nem precisa dizer que a classe empresarial está torcendo para que ambos relaxem a quarentena, tão necessária para conter a propagação do coronavírus. Diferente dos patrões, a maioria da população torce que Chagas e Nogueira mantenham tudo como está, pois temem que se flexibilizarem o isolamento estado e município percam o controle da pandemia. Aguardemos, portanto!

Ódio na internet

Cerca de 63% das denúncias contra crimes cibernéticos estão relacionadas a discurso de ódio. O racismo corresponde a quase um terço dos conteúdos denunciados. Além disso, 69% das vítimas que procuram ajuda por bullying, perseguição e ameaças são mulheres. Segundo a Ong SaferNet, as páginas de pornografia infantil denunciadas somam 20.975. Só Jesus na causa!

Mediocridade

E o senador Rogério Carvalho (PT) está muito preocupado com a propagação do coronavírus. Médico por formação, o petista alerta que o próximo epicentro da pandemia será no Brasil. Também lamenta que em alguns estados já não existam mais leitos de UTI. “Esta é a maior preocupação de hoje no Brasil e não a disputa medíocre pelo poder entre Moro e Bolsonaro, que são farinha do mesmo saco”, fustiga. Crendeuspai!

Festa virtual

Tradicionalmente marcado por atos públicos, o 1° de maio deste ano será diferente. Devido pandemia do coronavírus, as centrais sindicais de Sergipe decidiram lembrar a data pelas redes sociais. As entidades vão discutir as bandeiras de luta com a classe trabalhadora através de uma Live Cultural. O destaque deste ano será a solidariedade, tão necessária em tempos do Covid-19 e de afronta aos direitos dos trabalhadores por parte do governo federal. Misericórdia!

Saída lamentada

O jurista e ex-presidente do Supremo Tribunal Federal, Carlos Ayres Britto, bateu ponto, ontem, na rede CNN. Entrevistado ao vivo, pela manhã e à tarde, ele falou sobre a saída de Sérgio Moro do Ministério da Justiça. “Eu não via com bons olhos a sua saída do Judiciário, mas, agora, com sua saída do governo, eu lamento. Não por ele, mas pelo país”, frisou Britto, preocupado que essa crise política respingue no problemão sanitário causado pelo coronavírus. Ah, bom!

Falastrão engaiolado

A Polícia botou as mãos no sujeito que andava ameaçando de morte o governador Belivaldo Chagas (PSD). O dito cujo postou mensagem nas redes sociais exigindo a retomada das visitas nos presídios de Sergipe sob pena de o governador pagar o pato. Após alguns dias de investigação, a Polícia Militar chegou ao safado, que estava em poder de uma pistola, muita munição e alguns pinos de cocaína. É provável que seja recolhido a uma penitenciária do estado e ficar sem direito a visita por um bom tempo. Bem feito!

Contrachoque

E os aposentados do governo estadual estão tomando o maior choque ao abrirem os contracheques deste mês. É que terá início agora em abril, o exagerado desconto 14% para bancar a previdência. E a pancada não será pequena, para desespero de quem está há quase 10 anos sem direito a um centavo de reajuste salarial. Tem velhinho que vai perder mais de R$ 1 mil, dinheiro que fará muita falta a quem gasta parte do que ganha com remédios. Lastimável!

Contra fake News

O festival de fake news contra o ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro, tem sido muito criticado pelos políticos. Entre estes está o senador Alessandro Vieira (Cidadania). Segundo ele, “os canalhas repetem a mesma receita: são incapazes de enfrentar a verdade e atacam com mentiras produzidas em série, escondidos em perfis falsos. Não vai funcionar. Hipócritas que citavam João 8:32 para enganar o povo, vão descobrir a força da verdade”. Misericórdia!

Propagação do mal

Somente ontem, Aracaju registrou 16 casos de coronavírus, o maior número em apenas um dia. Trata-se de uma criança de um ano de idade; três homens, de 21, 33 e 51 anos, e 12 mulheres, de 25, 25, 27, 31, 31, 33, 35, 36, 37, 42, 47, 50 anos. A evidente propagação da pandemia está assustando muita gente. O prefeito da capital, Edvaldo Nogueira (PDT), alerta que “ainda se fazem necessárias as medidas de distanciamento social”. Aff Maria!

A mão que afaga…

E um bebinho recorreu ao poeta paraibano Augusto dos Anjos para comentar o rompimento político entre o presidente Bolsonaro e o ex-ministro Sérgio Moro: “O beijo, amigo, é a véspera do escarro!”. Homem, vôte!

Recorte de jornal

Publicado no jornal Estado de Sergipe, em 31 de dezembro de 1918.