12/05/20 - 05:57:59

Deputado Ibrain Monteiro desponta como o verdadeiro herdeiro dos Bole-Bole

Um novo capítulo na velha disputa entre os grupos políticos Bole-Bole e Saramandaia

A tradicional disputa política dividida entre dois grupos, Saramandaia e Bole-Bole, que acontece desde 1972, liderados pelas famílias na cidade de Lagarto, interior Sergipano, este ano ganhou um novo capitulo. Apesar de ser uma disputa bem antiga, que divide toda cidade nesses dois grupos políticos, nesta eleição existe um ar de novidade circulando pelos comentários entre os moradores do município, e isto se deve ao pré-candidato à prefeitura de Lagarto que representa os Bole-Bole.

O nome que tem causado muitos burburinhos na cidade é Ibraim Monteiro, filho do ex-prefeito de Lagarto Walmir Monteiro, ou seja, herdeiro político do grupo que se consagrou com uma administração social voltada à população carente de Lagarto. Seu modo de pensar e a visão futurista que pretende implementar na cidade tem feito os eleitores sonharem com uma nova era para Lagarto. A modernização de vários setores dos serviços públicos, conquista de novos investidores para cidade, uma grande atualização no urbanismo da cidade, além é claro da luta por outro fator preponderante para o desenvolvimento do município, a geração de emprego e renda, são os assuntos que o deputado estadual Ibrain Monteiro tem se preocupado dia após dia.

Em contato com a reportagem, o pré-candidato disse ter a meta de trazer para a cidade o DIL (Distrito Industrial de Lagarto), que trará novas indústrias e empregos para a população. Outra preocupação do pré-candidato é com a estrutura física do município, que não acompanhou o crescimento desordenado da cidade, tornando-se hoje um verdadeiro martírio e um caos para quem tenta andar pelo centro da cidade, com suas ruas estreitas e sem vagas para estacionamento.

O jovem Ibraim tem notáveis habilidades de liderança, uma oratória que prende a atenção, comunicação e inteligência para dialogar, foi secretário de esportes durante a gestão de Walmir, por isso é apreciado pelos jovens, ele cria empatia e conhece profundamente as necessidades dessa faixa etária no município. Ibraim Monteiro foi um vereador atuante, o que lhe rendeu o comando da presidência desta casa durante o seu mandato, inclusive conquistando diversos aliados por sua postura comprometida com o bem-estar da população.

Como Deputado Estadual, Ibrain Monteiro é conhecido pela população como o deputado mais municipalista que Lagarto já produziu até hoje, por trazer recursos e diversas melhorias para a cidade. O parlamentar parece sempre estar atualizado e sintonizado com o que está acontecendo em sua volta e usa isso a seu favor, suas ideias como deputado lançando indicações, projetos e requerimento para o bem-estar da população demonstram bem isso; com sua linguagem clara, sem muitos enfeites, mas dono de um talento que prende realmente a atenção de todos, mostram uma visão à frente do seu tempo, buscando soluções modernas para velhos problemas do povo lagartense.

Nos últimos tempos tem sido o político que mais conquista a confiança dos moradores da cidade. E se engana profundamente quem pensa que ele é querido apenas pelos jovens, ele é elogiado e visto como o futuro de Lagarto por todas as faixas etárias e classes sociais, principalmente para os que não aguentam a velha política, gestores do passado e até mesmo a atual que realizam ações sem planejamento, sem uma estrutura estratégica que traga de fato benefícios para cidade.

O que se escuta pelas ruas da cidade, é que a prefeita Hilda Ribeiro está patrocinando uma verdadeira farra com o dinheiro público, como por exemplo a contratação de vinte e quatro professores num momento de pandemia, onde não existe sequer uma previsão de retorno das atividades escolares, ou mesmo a licitação que a própria quis realizar gastando mais de 6 milhões de reais com contratação de maquinário. Enquanto isso, a saúde é deixada de lado num momento crucial, onde vidas estão sendo ceifadas por conta do coronavírus; sem falar do comércio totalmente fechado e sem recursos por conta do isolamento social, medida preventiva para conter o avanço do Covid-19.

Recentemente houve o episódio da compra de álcool em gel realizada pela prefeitura municipal que além de lesar os cofres públicos, deu uma facada no peito da economia local. A prefeita autorizou a compra em outra cidade por um preço duas vezes maior, ferindo de morte as empresas locais, que tinham em seu estoque o produto pela metade do preço. Enquanto isso, a população perde o sono sem saber como irá pagar suas contas e colocar comida na mesa, sem nenhum auxilio da atual prefeitura, que parece estar focada apenas na sua reeleição, e nada fazendo de bom para o crescimento sustentável do município.

Fonte e foto assessoria