08/07/20 - 13:20:28

Aracaju apresenta um dos melhores resultados enfrentamento ao coronavírus

“Aracaju apresenta um dos melhores resultados do país no enfrentamento ao coronavírus”, diz ministro da Saúde

O ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou, nesta quarta-feira, 8, que Aracaju é uma das cidades que apresenta o melhor resultado do país no enfrentamento ao coronavírus. A declaração foi dada em videoconferência promovida pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP), da qual participaram gestores municipais de todas as regiões do Brasil, entre eles o prefeito Edvaldo Nogueira, que representou o Nordeste. Na pauta da reunião, a liberação de recursos e de medicamentos e apoio do Ministério da Saúde na contratação de profissionais.

“Quero parabenizar Aracaju porque é a cidade que apresenta o melhor resultado do país na região Centro/Norte. E é o melhor resultado do trabalho que temos por causa da dedicação total daqueles que estão envolvidos no enfrentamento, especialmente os profissionais da Saúde. Aracaju está entre as cidades do país para a qual também enviamos recursos para o Estado, e acredito que essa composição de recursos, considerando a realidade atual da demanda de covid-19, fará com que vocês cumpram bem a missão”, afirmou o ministro.

O prefeito Edvaldo Nogueira se disse muito satisfeito com o reconhecimento do governo federal. “Fiquei muito feliz com o elogio que ele fez a nossa capital, de que Aracaju é uma das cidades com melhor desempenho no Nordeste. É uma alegria muito grande e sei que isso é fruto do trabalho das nossas equipes, dos profissionais da Saúde e também da sociedade, porque tomamos medidas corretas e fizemos tudo o que estava ao nosso alcance para que evitássemos o caos na Saúde em virtude da pandemia”, afirmou.

Pautas

Um dos pontos principais da audiência foi a forma de partilha dos recursos estabelecidos pela Portaria 1666/2020 (que destina R$ 13,8 bilhões a Estados e municípios). Pela portaria, Aracaju receberá menos recursos do que outras cidades do Estado e do país proporcionalmente. A distorção também foi apontada por outros gestores municipais.

O prefeito Edvaldo Nogueira expôs que o valor destinado à capital sergipana está “muito abaixo da média per capita e populacional”. Ele solicitou ao ministro a abertura de um canal de diálogo sobre o tema. Pazuello concordou em discutir o assunto. “Apontamos a necessidade de trabalharmos mais ainda em conjunto, com o Ministério da Saúde aportando mais recursos, notadamente em Aracaju que houve uma distorção dos recursos recebidos”, explicou.

Também foram pauta do encontro o acesso a medicamentos auxiliares para intubação, contratação de pessoal na saúde, início do pagamento das Unidades de Saúde credenciadas, e acesso direto, do Ministério para as cidades, de medicamentos e insumos.

“Discutimos a necessidade do ministério intervir sobre medicamentos para as pessoas que estão em estado mais grave, principalmente os medicamentos para os pacientes que estão entubados em leitos de UTI, que já há uma escassez grande de remédios para esse tipo de tratamento. Abordamos ainda a possibilidade de o Ministério da Saúde nos ajudar na contratação de profissionais da área. A falta de mão de obra tem sido uma grande dificuldade para a abertura de novos leitos de enfermaria e de UTI, então pedimos que o Ministério encontre uma solução nacional, baixando uma portaria que permita a utilização de toda a mão de obra do mercado para prestar um serviço cada vez melhor àqueles que precisam”, detalhou Edvaldo.

Participaram da reunião os prefeitos Jonas Donizette (Campinas/SP), Luciano Rezende (Vitória/ES), Gean Loureiro (Florianópolis/SC), Marcos Trad (Campo Grande/MS), entre outros. “Foi uma reunião muito produtiva, participaram várias cidades, e saímos convictos de que Ministério Saúde, governos estaduais e municipais trabalharão juntos para vencer o coronavírus”, avaliou o prefeito de Aracaju.

AAN

Foto: Ana Lícia Menezes/PMA