09/07/20 - 13:03:20

Forró Caju em Casa conquista Troféu Sanfona de Ouro na categoria Melhor Ideia

Desenvolvido como instrumento de fomento à cultura e apoio aos artistas aracajuanos durante a pandemia do novo coronavírus, o Forró Caju em Casa foi exibido em formato de transmissões online, no canal da Prefeitura de Aracaju, no Youtube. Por seu formato criativo e inovador, concebido pela Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju), o projeto Forró Caju em Casa foi agraciado com o Troféu Sanfona de Oura, categoria Melhor Ideia.

Completando 32 edições este ano, o Sanfona de Ouro, criado pelo produtor cultural Jorge Lins, homenageia cantores, bandas, empresários, produtores, jornalistas culturais, eventos e  outras categorias que dizem respeito à produção de festejos juninos em Sergipe. Em 32 anos de premiação, mais de 700 nomes, em diversas categorias, já foram premiados.

“O recebimento do Prêmio Sanfona de Ouro pelo projeto Forró Caju em Casa é para nós o reconhecimento de uma ideia criativa, que se revelou um acerto, um sucesso de público e crítica porque promoveu o fomento das cadeias produtivas da música em Aracaju. Ao mesmo tempo, deixa uma contribuição riquíssima no registro de nossa produção musical. Receber esse prêmio nos orgulha e atesta o acerto de nossas decisões no campo da política cultural”, declara o presidente da Funcaju, Luciano Correia.

“O Sanfona de Ouro hoje é uma conquista do artista sergipano. Os artistas fazem questão de ostentar em suas paredes os prêmios que ganham do Sanfona de Ouro, colocam em seus currículos. Já premiamos mais de 700 artistas, empresários, jornalistas da área cultural, e instituições”, afirma o criador e coordenador geral do evento, Jorge Lins.

De acordo com o criador do evento, a realização da 32ª edição do prêmio foi inspirada no Forró Caju em Casa, que adotou as transmissões online, na internet, como uma forma de realizar a tradicional festa junina mesmo em meio à pandemia. Esse ano, a premiação será realizada neste sábado, dia 11, às 19h30, numa live com a participação de mais de 20 artistas sergipanos, transmitida pelo Facebook, Instagram, Youtube e TV Alese.

Referência

“O Forró Caju em casa foi uma sacada maravilhosa. Inclusive, o Sanfona de Ouro se inspirou nisso, porque não íamos fazer o prêmio esse ano, mas começaram a surgir as lives e depois o Forró Caju adotou esse formato, então decidimos fazer também. Esse ano é uma experiência inteiramente nova. O Sanfona de Ouro sempre foi presencial. Já foi em teatro, circo, casa noturna, bar, mas nunca online. Pretendemos atrair um grande público para assistir a esse prêmio”, diz Jorge Lins.

Há cerca de qautro anos, a premiação de festejos juninos em Sergipe faz sua curadoria por meio de indicações. Os participantes são indicados e uma coordenação verifica todos os requisitos necessários, selecionando os que estão aptos a serem indicados. Segundo Jorge Lins, esse ano foram mais de 39 mil indicações. As indicações não são como votos, o número delas não determina o ganhador, mas influencia a comissão no final

“Serão 50 premiados. O Forró Caju foi eleito como a melhor ideia que surgiu nesse festejo junino. Um evento bem gravado, com programação genuinamente sergipana. Sempre achei o Forró Caju algo que qualifica e dá cara aos festejos juninos em Aracaju”, elogia o coordenador geral do Sanfona de Ouro.

Foto André Moreira