04/08/20 - 05:08:12

Na “mira da PF” e com oposição unida, Edvaldo já vê “reeleição” em risco! 

Eleição só se ganha após a apuração no dia do pleito! Ninguém vence por antecipação, e por mais que haja um sentimento de otimismo, é sempre bom esperar a manifestação popular nas urnas. Nenhuma pesquisa de intenção é mais eficiente que a urna! É ali que se decide quem vence! Em Aracaju, dentro desse ano eleitoral, em plena pandemia, alguns aliados do prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) e alguns “especialistas”, há alguns meses, já “cravavam” sua vitória nas urnas. Havia quem apostasse até na reeleição já no primeiro turno.

Os levantamentos para consumo interno e até os que foram devidamente registrados junto à Justiça Eleitoral e que se tornaram públicos, revelaram um cenário muito equilibrado, de disputa intensa, impossível de se apontar um favorito e com forte tendência de 2º turno. A eleição que seria um “passeio” mudou completamente de configuração e hoje não é mais exagero dizer que o projeto de reeleição de Edvaldo Nogueira está bastante comprometido. Além de não ser uma figura tão “carismática”, o prefeito (PASMEM) agora vai precisar de apoio político…

Uma das “marcas” da gestão atual da PMA é sim a arrogância! Aquele estilo de fazer política dentro de um entendimento de que “pode tudo”, de que “está acima de todos”, de que “é inatingível”! Eleito em 2016, Edvaldo “escolheu a dedo” aqueles que deveria privilegiar na prefeitura e jogou muita gente que lhe apoiou para “escanteio”! O tratamento foi tão desprezível que aliados como o Partido dos Trabalhadores, por exemplo, hoje está na oposição; o mesmo vale para o líder do governo e deputado estadual Zezinho Sobral (PODE).

Nada contra, mas para muita gente Edvaldo “apaixonou-se” pelo estilo de fazer política do deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) e do ex-deputado e líder político André Moura (PSC), e esqueceu-se dos demais. Hoje o partido Republicanos, dos ex-deputados Jony Marcos e Heleno Silva, também “ensaia” um projeto próprio na capital ou até uma composição com adversários do prefeito. Por mais que alguns setores da imprensa “tentem esconder” ou “forcem esconder”, está claro que a oposição ao prefeito cresceu assustadoramente. É uma nova configuração política…

Paulo Márcio (DC), Lúcio Flávio (Avante), Georlize Teles (DEM), Rodrigo Valadares (PTB), Marco Pinheiro (PP) e Almeida Lima (PRTB), cada um ao seu estilo, tentam construir projetos próprios; ainda não é oficial, mas após conquistar os apoios do deputado Gilmar Carvalho, do PL e do PSDB, a delegada Danielle Garcia (Cidadania) agora pode anunciar como pré-candidato a vice o ainda muito bem posicionado na capital e ex-deputado Valadares Filho (PSB). É a oposição “derrubando as vaidades” e se unindo e torno de um projeto para a cidade, de renovação administrativa.

Some a isto as investigações, ainda em andamento, pela Polícia Federal e Controladoria-Geral da União (CGU) sobre a polêmica construção do Hospital de Campanha da PMA, com recursos da União, e que resultou na Operação Serôdio, que já começou a apresentar alguns desdobramentos. Para este colunista, a depender do que ainda pode ocorrer, que o prefeito Edvaldo trate de colocar as “barbas de molho”! A eficiência nos gastos públicos vai ser uma das “máximas” da campanha que se aproxima. E a oposição estará fortalecida e com “muitos trunfos” para usar…

Veja essa!

Aliados do prefeito Edvaldo Nogueira, inclusive alguns setores da imprensa, tentaram “fantasiar” ao máximo e criar situações para desestabilizar os adversários da gestão municipal. A unidade que começa a se formar na oposição já tem resultado em algumas críticas direcionadas…

E essa!

A verdade é que Edvaldo tinha sim grandes chances de se reeleger com facilidade, há alguns meses, tanto que alguns líderes políticos chegaram a abrir uma disputa por sua vaga a vice. Muita gente apostando que, reeleito, ele só ficaria no cargo até 2022. Agora o cenário aparenta ser outro…

Agora o PSB…

Depois dos ataques feitos à Danielle Garcia pelas alianças com Gilmar Carvalho, o PL (leia Milton Andrade) e o PSDB (leia Eduardo Amorim), agora o “sistema” deve se voltar contra o PSB (leia Valadares Filho). Só com um único detalhe: os três apoiadores estão sem mandatos eletivos, mas são “fichas limpas”! Isso não decide eleição, mas faz diferença, sobretudo de onde vêm as críticas…

Georlize e Emília

Confirmada a aliança com o PSB, setores da oposição defendem abertamente um entendimento amplo com o DEM, da pré-candidata e também delegada Georlize Teles, e com o Patriota, da vereadora de Aracaju e sempre muito bem avaliada na disputa pela PMA, Emília Corrêa.

PT faz falta!

Quando perdeu o apoio do Partido dos Trabalhadores, Edvaldo Nogueira “jogou fora” algo que poderia fazer a diferença em sua campanha este ano: a militância! É bem verdade que o prefeito tem apoios importantes, tem a estrutura administrativa (cargos comissionados) e tem um respaldo próprio de setores da sociedade. Mas vendo o cenário hoje, deve ter se arrependido de ter trocado “Lula por Ciro Gomes”…

Falando nisso

Em Maceió (AL) a informação é que a disputa municipal, entre os três principais pré-candidatos, ninguém quer fazer qualquer alusão ao PT e ao ex-presidente Lula. O Nordeste começa a formar uma nova configuração política e vai “mudando de cor”! “Mudança” que está deixando uma turma “vermelha de raiva”…

Bomba!

Anotem esse nome: ÍCARO! Não é o “Sonho de ÍCARO” do cantor Biafra, até porque esse “não tem nada de anjo”! Fiel escudeiro da Sra. Carla, aquela que “faz e desfaz” a mando da “secretária de Saúde de Aracaju de fato”, que, por sua vez, é esposa do secretário da Fazenda do Município!

Exclusiva!

Só para não esquecer que essa “movimentação” na Saúde também conta com o apoio do fiscal que é esposo da responsável pelos contratos do município, ou seja, a mulher contrata a empresa e o marido fiscaliza! Uma verdadeira “manobra” que tem como “primeira ministra” a Secretária de Saúde!

 Laços de família

Este colunista vem “ajudando” os órgãos fiscalizadores “ligando alguns pontos” da PMA, provando que são fortes os “laços familiares” na gestão municipal. Tem esposo mandado em uma secretaria e a esposa “camuflada” mandando em outra; tem marido fiscalizando o que a mulher contrata; e tem irmão mandando de um lado e o outro fornecendo seus serviços para a gestão. O bom é que fica tudo em casa….

Katarina Feitosa I

Em entrevista ao CINFORM, a delegada de Polícia, Katarina Feitosa (PSD), externou que pretende sim pleitear a vaga de vice-prefeita na chapa encabeçada por Edvaldo. “Sou delegada de polícia há 19 anos e uma profissional compromissada com o serviço público e com projetos que melhoram a vida do povo e tenho certeza que essas características pessoais e profissionais, foram levadas em conta pelo meu agrupamento político para me indicar para esta importante missão, assim, o meu histórico como gestora pública me habilita a responder positivamente a sua pergunta: sim, estou muito preparada!”.

Katarina Feitosa II

A delegada se revelou uma mulher inquieta, profissional que ama o que faz e cobra de meus colaboradores empenho e dedicação. “Não nasci para ser coadjuvante ou fazer figuração. Sou de colocar a mão na massa e lutar por meus ideais. Conquistei espaços na vida sempre com uma postura proativa. Ficar escondida ou a distância não condiz com minha personalidade. Respeito todos indistintamente, mas quem conhece Katarina Feitosa sabe que minha história é repleta de intensidade, lutas e conquistas. Sou assim na polícia e continuarei sendo na política ou em qualquer outra atividade”.

Katarina Feitosa III

“É muito cedo para detalhar projetos, mas posso assegurar que como vice-prefeita, se esta for a vontade dos aracajuanos, participarei de tudo o que diz respeito ao desenvolvimento e crescimento da cidade. Uma associação entre as áreas de Assistência Social, Desenvolvimento Urbano e Segurança Pública, sobretudo, nos locais periféricos da cidade, é benéfico e necessário. Minha raiz é a segurança pública, portanto, sempre terei um olhar carinhoso para esse segmento, mas uma das minhas motivações para entrar na política foi justamente querer avançar para outras áreas. Só a política permite isso”, completou a delegada ao CINFORM, postulando a vaga de vice de Edvaldo.

Olha a feira!

Vem aí mais um “escândalo” da PMA! Depois de contratar quase R$ 100.000.000,00, com uma empresa que na época da licitação tinha menos de três meses de fundada; são incansáveis os descumprimentos legais e contratuais, permitidos pelo “conivente” município!

 Cadê o MPE?

Já se passaram 8 meses da assinatura dos contratos e nada das feiras livres de Aracaju estarem regularizadas em sua totalidade! No tocante das garantias contratuais, conforme previsão no edital, não se sabe nada a respeito sobre a aquisição dos equipamentos previstos contratualmente! Este colunista aproveita e cobra da PMA as notas fiscais comprobatórias em nome da empresa, conforme exigido nos próprios contratos!

Acorda Maria Bonita…

Depois das “visitas” dos “homens de preto” na Emsurb (por conta da coleta do lixo) e na Saúde (Hospital de Campanha), há quem diga que algo “muito maior” virá a tona no “PROJETO FEIRAS LIVRES” da Prefeitura de Aracaju! Em breve, este colunista trará novas (e antigas) “peças” para que os órgãos fiscalizadores e a própria sociedade consigam montar este “quebra-cabeças”…

Walter Franco x Belivaldo I

A “troca de farpas” entre o empresário Walter Franco (TV Atalaia) e o governador Belivaldo Chagas (PSD) despertou várias reflexões deste colunista. Primeiro pela insatisfação do empresário que, de uma hora para outra, resolveu expor um pedido “nada convencional” do governador. Ainda mais depois da “resposta” do “galeguinho” deixando no ar o “por que será?”…

Walter Franco x Belivaldo II

Ficou nítido que algo incomoda ao empresário como a tantos outros que estão tendo dificuldade com esse momento de crise em que vivemos. Agora também chamou a atenção o fato de o governador não ter se intimidado com a cobrança e foi “pra cima”, justificando que não tem compromisso com esses tipos de reivindicações! Cenas dos próximos capítulos prometem ser “quentíssimas” pelo o que conhecemos do temperamento de ambos! Quem viver, verá!

Vamos abrir a “caixa preta”?

Na resposta que deu a Walter Franco, Belivaldo deu a entender que se tratava de uma cobrança de um empresário do ramo da comunicação que, teoricamente, não estava recebendo as faturas do Governo do Estado. Belivaldo disse que não trata desse assunto (gastos com Comunicação). Este colunista aproveita e sugere, como “quem não deve, não teme”, que tal abrir essa “caixa preta”? Não que tenha nada errado, mas a sociedade precisa entender as razões das cobranças até para concluir quem está certo e errado nesta polêmica…

Ibrain Monteiro I

O deputado estadual Ibrain Monteiro (PSC) aprovou uma indicação muito importante na Alese e que está em perfeita sintonia com o momento difícil que atravessamos: pediu ao governo do Estado que promova a contratação de jovens aprendizes, no sentido que eles sejam inseridos no mercado de trabalho. Além da saúde, outro drama que muitos atravessam neste momento é o desemprego.

Ibrain Monteiro II

Ibrain ainda aprovou outra indicação ao governo do Estado no sentido de se promover, nos processos licitatórios necessários, a aquisição de aparelhos de monitoramento de temperatura, objetivando a distribuição para todas as bases policiais do interior do Estado. “Eles estão na linha de frente, exercem atividades consideradas como essenciais e acabam ficando mais expostos ao contato com o vírus”, defende.

Elber Batalha I

O vereador Elber Batalha (PSB) relembrou um fato ocorrido em 2017, onde o primeiro secretário de Saúde da gestão de Edvaldo Nogueira, o médico André Sotero, pediu demissão do cargo alegando ingerência do prefeito nas finanças da saúde do município de Aracaju através de nomeações políticas na diretoria financeira da Secretaria de Saúde (SMS).

Elber Batalha II

“Com bases nessas denúncias, representei a Prefeitura no Ministério Público Estadual (MPE), à época, por nepotismo pela nomeação de Mônica Passos como diretora financeira da SMS, sendo que ela é esposa de Jefferson Passos, secretário da fazenda. Até hoje Edvaldo vem recorrendo da decisão da justiça para não tirá-la do cargo e a mantém como diretora da SMS”, lembrou.

Elber Batalha III

O parlamentar também traçou um paralelo entre a Operação Serôdio, que investiga irregularidades na construção do Hospital de Campanha de Aracaju e a família Passos. “Curiosamente a empresa que ganhou a licitação para a construção do Hospital de Campanha e que hoje está sendo investigada pela Polícia Federal, Ministério Público e Controlaroria Geral da União, pertence a Téo Santana, primo de Mônica e Jefferson Passos”.

Cadê tu, macho?

“Além dessas ligações familiares bastante inapropriadas na Prefeitura de Aracaju, essa semana um amigo, assessor direto de Edvaldo Nogueira e chefe das licitações foi afastado de suas funções pela justiça na operação do Hospital de Campanha. Tudo isso acontecendo e o prefeito de Aracaju continua sumido. Cadê você, Edvaldo Nogueira? Você deve explicações ao povo de Aracaju!”, cobrou Elber Batalha.

Laércio Oliveira I

O deputado federal Laércio Oliveira entregou um caminhão basculante para a Cooperativa de Reciclagem Reviravolta do município de Nossa Senhora do Socorro no valor de R$ 233 mil. Os recursos da emenda foram da Codevasf e serão utilizados para o trabalho ambiental realizado pela Reviravolta.

Laércio Oliveira II

“Quando a gente saiu o lixão, a gente não imaginava chegar nesse patamar. Eu não tenho nem palavras para dizer o que a gente está sentindo hoje. Não tenho nem palavras para agradecer ao deputado Laércio que esteve com a gente desde o começo”, afirmou a presidente da Reviravolta, Silvânia Santos.

Reciclagem

Silvânia falou ainda sobre a importância o trabalho desenvolvido pelos cooperados. “O nosso trabalho mais difícil é o de porta a porta, fazendo “pega” (sic) do material, as pessoas acham que a gente tem salário, que recebemos da Prefeitura, mas na verdade a gente vive do que reciclamos, vivemos do nosso trabalho, somos agentes de reciclagem e não o pessoal da Torre, muitos não entendem isso. Com orgulho e felicidade recebemos essa caçamba que vai ajudar muito todos os agentes de reciclagem, pontuou.

Mangabeiras I

Decisão da Justiça Federal determinou a paralisação imediata das atividades de implantação e suspensão de qualquer ordem de execução de obras referente ao novo Projeto Habitacional Irmã Dulce dos Pobres. A Prefeitura de Aracaju havia anunciado a construção do complexo habitacional, com mais de mil casas, no Bairro 17 de Março, na Ocupação das Mangabeiras. Em 20 de julho, as famílias que moram no local começaram a ser retiradas da área.

Mangabeiras II

No pedido acatado pela Justiça, o Ministério Público Federal (MPF) expôs que o andamento das obras contraria decisão judicial já existente. O MPF também aponta a ausência de licenciamento ambiental, de estudo de impacto de vizinhança, de demonstração de ligação em rede de drenagem e esgotamento sanitário previamente existente para o projeto habitacional. “O projeto também pode ocasionar o desaparecimento de remanescentes dos campos de mangaba e da atividade extrativista da comunidade tradicional”, explica a procuradora da República Lívia Tinôco.

Problemas ambientais

Na decisão, a Justiça ordena que não pode ser feita qualquer alteração da área, como realização de terraplenagem, remoção de vegetação ou impermeabilização do solo. Para a Justiça Federal, antes de a obra ser iniciada a Prefeitura precisa demonstrar a existência de infraestrutura urbana necessária para evitar a criação ou agravar diversos problemas ambientais constatados durante o processo.

Documentos necessários

Além da paralisação das obras, a decisão ainda obriga a prefeitura a continuar realizando vigilância da área para evitar novas ocupações e apresentar, no prazo de 10 dias, documentos que dão suporte ao início das obras, como tratamento sanitário, drenagem, licença de instalação do empreendimento e de avaliação de viabilidade técnica, entre outros.

Alô Dores!

Este colunista continua sendo “alimentado” de informações que podem resultar em denúncias fortíssimas em relação à administração de Dores! A última é “quentíssima” e deixou esse colunista abismado com a coragem do gestor atual do município! Trata-se do atual secretário de Finanças que, conforme portaria, foi nomeado no início do ano passado!

Muita coragem

Mas eis que o “super secretário” é o mesmo que aprontou, “deitou e rolou” em outro município sergipano que não fica tão distante de Dores! Inclusive, com direito a participação em uma das maiores operações policiais já realizadas no nosso Estado! Pelo visto, coragem é o que não falta ao prefeito de Dores…

Alô Muribeca!

A coluna recebeu a informação que existem três força políticas disputando a prefeitura de Muribeca este ano. Mas com uma “coincidência”, no mínimo, inusitada: os pré-candidatos a vice-prefeito de duas chapas são irmãos e, até onde se tem conhecimento, moram na mesma casa! A depender da “terceira via”, há uma sinalização que, pelo menos uma família, vai vencer esta eleição de qualquer jeito, ou não?

“Capela véia doida”!

A coluna vem recebendo algumas imagens que circulam nas redes sociais de apoiadores da prefeita de Capela, Silvany Mamlak, que, no mínimo, despertam abusos eleitorais. Há algum tempo as postagens estão explorando o número do partido de Silvany, que deve disputar a reeleição. Talvez os “apoiadores” não perceberam que a campanha eleitoral mudou de data. Com a palavra a procuradora Eunice Dantas…

Alô galeguinho!

Há algum tempo esse jornalista vem intrigado com uma situação: todos nós sabemos que esse governo tem como característica “ir pra cima” de todas as denúncias, bem como, não tem compromisso com o mal feito, como também, é repetitivo em informar que vivemos um momento de crise e não se permitirá o mau uso dos recursos públicos!

Alô Seduc!

Eis aí uma questão que não conseguimos absorver até hoje: as inúmeras dispensas de licitação, contratadas pela Seduc, pelo preço máximo permissível, quando as mesmas empresas contempladas com as citadas “Dispensas de Licitação”, ganham contratos no mesmo órgão com desconto de 35%, quando a licitação é aberta para todos que desejarem participar! Será que o governador não tem conhecimento disso?

Olho neles!

Esses recursos podiam ser utilizados para atender reivindicações de funcionários públicos, prestadores de serviços e outros, desde que estivessem dentro da legalidade e dos parâmetros estabelecidos e divulgados pelo governo. Como já informado por esta coluna, essa “aflição” com a Seduc está à beira do fim! Órgãos competentes já iniciaram os procedimentos de verificação dos supostos desmandos! Quem “pecou”, com certeza pagará…

MP quer respostas!

E não é apenas este colunista quem está ansioso por uma manifestação do governo do Estado sobre os preços praticados nas licitações e dispensas realizadas pela SEDUC. Setores do Ministério Público aguardam, com muita expectativa, por explicações nas diferenças de preços praticados pelas mesmas empresas, quando há uma dispensa e quando a licitação é aberta. Até para que não pairem dúvidas…

Aparecida ferve!

Clima de pré-campanha em Nossa Senhora Aparecida já esquenta os bastidores da política e o primeiro caso de divergências já chegou ao conhecimento das autoridades policiais. É que o pré-candidato Clarinaldo Andrade (MDB) prestou uma notícia crime, no último dia 28, contra Roberto Vasconcelos, um ex-aliado, grande articulador nas últimas campanhas da atual prefeita Vera Souza, mas que neste pleito rompeu com o grupo que estava há cerca de 20 anos.

Polêmica
A motivação para que Clarinaldo procurasse a delegacia a fim de intimar Roberto ainda é desconhecido, mas nas redes sociais existem diversas versões que poderão ser esclarecidas com o prosseguimento das apurações. Umas das teses mais comentadas no município é de que Clarinaldo não gostou de Roberto ter relembrado uma entrevista concedida por ele em programa matutino de uma rádio localizada no município de Frei Paulo, em que o apresentador questionou os motivos de sua exoneração do cargo de secretário de obras de Aparecida.

Alô Arauá!

Seguem a todo vapor as investigações já citadas aqui neste espaço com relação ao município de Arauá! Novas informações chegam que, além dos dois secretários que foram delatados, aparecem agora também membros da comissão de licitação envolvidos no processo! Esse desfecho promete…

CRÍTICAS E SUGESTÕES

[email protected] e [email protected]