06/08/20 - 00:41:49

Essa vice está mal explicada

Diógenes Brayner [email protected]

Foi um dia de festa para o bloco liderado em Aracaju pela pré-candidata à prefeita Danielle Garcia (Cidadania), com o anuncio da inclusão do PSB para fortalecer a disputa pela Prefeitura de Aracaju. Mais comemorado ainda foi o anúncio do ex-deputado Federal Valadares Filho a vice-prefeito. Poucos acreditavam na formação dessa chapa, mas ela foi exposta inclusive sob o slogan “Novo Tempo” (#novotempo), onde se coloca como competitiva e que vai surpreender nas urnas em novembro, mesmo com uma eleição atípica em razão da pandemia.

O grupo está em êxtase. Formado pelo Cidadania, PSDB, PL e agora o PSB, tendo como candidato a vice um nome como o de Valadares Filho, que já participou com sucesso de pleitos à própria Prefeitura da Capital e ao Governo do Estado, parece ganhar fôlego suficiente para uma polarização com o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT), que tenta a reeleição. Algumas observações surgem em relação a essa composição, como o fato de um PSB ser um partido de centro-esquerda e engatar com um partido de direita, que apoiou Jair Bolsonaro a presidente e carrega embaixo do braço o ex-ministro da Justiça, Sergio Moro.

Com essa mudança radical do partido, é que se entende o slogan decantado pelo deputado Valadares Filho, de “Novo Tempo”.

Claro que a candidatura dele foi bem analisada, avaliada e aprovada pelo partido. Mas não foi bem vista por políticos que têm proximidade com ele, inclusive que lhe seguiram e o têm como liderança consolidada. Provavelmente já não pensam mais assim, como é o caso de um jovem advogado criminalista que, estupefato com a informação, deixou escapar: “absurda essa coligação”, disse e continuou: “se ainda fosse vice da vereadora Emília Correa (Patriotas), tudo bem, mas de Danielle Garcia que nunca foi política”?

Uma das pessoas mais próximas ao deputado, boquiaberto, deixou escapar a expressão: “sinceramente, agora fudeu”! E emendou: “quê ele não saiba disso”.

Dois presidentes de partidos, que também montam chapas para disputar a Prefeitura de Aracaju, concordaram que a formação dessa nova chapa, facilitou para o prefeito Edvaldo Nogueira. A dedução é que se antes Edvaldo tinha dois nomes bem citados para disputar as eleições, com a junção reduziu-se a um, mesmo assim sem experiência e com pouca verve para convencer o eleitor a depositar-lhe o voto, porque tem como único histórico a atividade policial.

O ilustre político, que já esteve à frente do Governo, mas hoje não pensa em retornar à política, disse que para o ex-deputado federal Valadares Filho (PSB) “foi péssimo”! E Acrescentou: “ele jogou fora o seu capital eleitoral e se apequenou”. Admitiu que o eleitorado do ex-deputado pode “ir se desmilinguindo e optar por votar em outro nome que não tenha se distanciado de suas posições político ideológicas”. Além disso, “nos debates, um dos fortes canhões já está fora, o que reduz o ‘fogo intenso’ que nestes momentos principalmente os candidatos à reeleição enfrentam”.

Um deputado federal chegou a dizer que “foi desespero por dificuldade de formar um bloco forte, e uma fraqueza em não impor sua experiência eleitoral e liderança para ser o cabeça de chapa e a Danielle a vice. Por que a delegada não reconheceu sua fragilidade eleitoral e optou por ser vice”? Perguntou e deduziu: “isso tudo está muito mal explicado”.

Alessandro confia

O senador Alessandro Vieira (Cidadania) diz que confia no trabalho que está realizando, confia no compromisso das pessoas que hoje abraçam este projeto.

*** – Confio, principalmente, nos nomes escolhidos pelo grupo para liderar o resgate de Aracaju, a delegada Danielle Garcia e o ex-deputado federal Valadares Filho.

Engoliu a seco

A informação que circula dentro do bloco liderado pelo próprio Alessandro é que essa chapa não seria do seu gosto, mas a engoliu por força da maioria.

*** Alessandro defendia chapa puro sangue e queria como vice o ex-vereador Dr. Êmerson.

Pode naufragar

O deputado estadual Capitão Samuel (PSC) fala sobre a chapa Danielle a prefeita e Valadares Filho a vice: “sob a coordenação do ‘senador Mordaça’ [Alessandro Vieira]’ a campanha pode naufragar”.

*** – Além disso, ainda pode acabar com a vida pública de Valadares Filho (PSB). Escuto isso nas redes sociais e nas ruas, disse.

Rodrigo e Jony

Capitão Samuel diz que espera que surja outra candidatura com força. “Rodrigo Valadares e Jony Marcos podem se fortalecer muito conseguido o apoio dos Bolsonaros. Um ou outro.”

*** Tudo pode acontecer, mas o prefeito Edvaldo Nogueira continua favorito, admite.

Isso foi péssimo

Um outro deputado estadual, que poderia votar em Valadares a prefeito, disse em off: “acho que foi muito ruim para ele [Valadares], que em outras eleições a prefeito e a governador, que disputou, esteve próximo a vencer”.

*** – O cara sai para ser vice de uma pessoa que nunca foi candidata a nada na vida? Isso é péssimo, considerou.

*** Concluiu dizendo que “Valadares Filho se entregou e perdeu a liderança. Não terá êxito caso dispute a Câmara Federal em 2022”.

Um passo à frente

Um outro deputado estadual, aliado ao Governo, também usando o direito ao off, admitiu que foi “um grande passo à frente e com chance viva de vitória, a chapa de Danielle com Valadares Filho”.

*** O parlamentar aconselhou: “não se confunda nessas próximas eleições”.

Vereadores e diálogo

Vereadores ligados ao prefeito Edvaldo Nogueira se queixaram ontem de que ele não está mais conversando “conosco e precisa retornar o diálogo”.

*** Esses vereadores acham que Edvaldo deve voltar a tratar de política, sem esquecer a Covid-19, que já amenizou em razão do seu trabalho de combate à pandemia.

*** Um deles disse que agora Edvaldo tem que se debruçar sobre a política…

Chapa fica forte

Um dos vereadores admitiu que uma chapa com Danielle e Valadares é forte, mesmo que o ex-deputado passasse a ser o candidato a vice.

*** – Mas isso não quer dizer nada, porque Edvaldo Nogueira tem um grupo grande que o apoia…

Só muda o discurso

O deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) acha que a oposição está se unindo para tentar se fortalecer. Até aí, nada demais! “O que muda é o discurso de ‘nova política’, de renovação… Afinal, de novidade aí não tem nada”.

*** – Edvaldo continua forte como sempre. Todo mundo sabe que a marca dele é a sua capacidade de gestão e isso em nada foi alterado. Edvaldo é o melhor prefeito dos últimos 30 anos avaliou.

Sem o calor das ruas

Sobre as próximas eleições, Fábio Mitidieri acha que “serão frias, sem o calor das ruas e as redes sociais vão ser muito importantes, mas nada substitui o velho e bom corpo a corpo”.

*** – Nós do PSD estamos prontos pra debater com a sociedade e apresentar nossos nomes às Prefeituras e Câmaras Municipais, disse.

Chama o Patriotas

Ontem o pré-candidato a vice-prefeito Valadares Filho conversou com o presidente estadual do Patriotas, Uezer Márquez, e pediu que o seu partido integrasse a aliança do PSB e Cidadania.

*** Uezer explicou que a preferência do partido era votar nele a prefeito, mas com essa mudança vai consultar os filiados para ouvir a posição com esse novo quadro. Resposta só na próxima semana.

Sobre Canindé

Erasmo Marinho Filho (Marinho de Canindé), do PSB, explicou ontem que é pré-candidato a prefeito de Canindé do São Francisco e está em conversa com o PT, através do deputado João Daniel, para uma aliança entre os dois partidos.

*** O PT tem como candidato Weldo Mariano e os dois devem formar a chapa, mas o vice sairá de uma pesquisa para avaliar quem tem melhor condição de disputar a Prefeitura ou ser o vice.

Georlize decidida

Delegada Georlize Teles (DEM) está empolgada. Disse ontem que é “candidatíssima” à Prefeitura de Aracaju, mas conversa com outros partidos para composição.

*** Georlize disse que é preciso consolidar seu grupo para disputar o mandato e que vai formar uma chapa competitiva.

Jony está na disputa

O ex-deputado federal Jony Marcos (Republicanos) decidiu ser candidato a prefeito de Aracaju e começa a trabalhar para valer conversando com outros partidos para aliança.

*** Baseia-se na possibilidade de ter apoio dos bolsonaristas, em razão das ligações do seu partido com pessoas diretamente ligadas ao presidente.

Uma boa conversa

Conversa com Damares – O presidente do Avante, Clovis Silveira, conversa hoje online com a ministra Damares Alves sobre o lançamento do publicitário Lúcio Flávio a prefeito de Aracaju.

Pode ser lançado – Dependendo do que seja dito em termos de segurança para o lançamento da candidatura, Lúcio Flávio pode ser anunciado ainda esta semana.

Ozônio no ânus – Ministro da Saúde recebeu ontem os defensores do uso de ozônio pelo ânus para tratar Covid-19.

Capitão Samuel – STF rasga o artigo 11 da Lei de Segurança Nacional, que penaliza com prisão quem tenta desmembrar o território nacional.

Arquiva impeachment – Rodrigo Maia garante uma boa noite de sono a Bolsonaro Vai arquivar mais de 50 pedidos de abertura de processo de impeachment contra ele.

Com o arquivos – Com o arquivamento dos pedidos de impeachment, Bolsonaro voltará a ser o que era em termos de autoritarismo e estupidez.

Voltar as aulas – Para quem acha que tudo bem voltar às aulas 585 crianças e adolescentes já faleceram em decorrência do novo coronavírus no país.

O Antagonista – As acusações sem provas de Augusto Aras contra a Lava Jato viraram piada nos corredores do Ministério Público.

Metrópoles –  O ministro Alexandre de Moraes, do STF, garante a Aécio Neves acesso a delações em investigações.