18/08/20 - 09:07:06

Entrega voluntária de animais contribui para preservação da biodiversidade no estado

Equipes da Adema realizaram cinco ações em prol dos animais silvestres

Beleza, graciosidade, inteligência e longevidade são aspectos de destaque da ave Amazona Aestiva, tradicionalmente conhecida por Papagaio-verdadeiro. Na última quarta-feira (12) a espécie foi entregue voluntariamente na sede da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema). Segundo o voluntário, o animal foi encontrado próximo a sua residência na capital sergipana. Depois das primeiras análises, o gênero que vive em média entre 60 anos a 80 anos, foi levado ao Centro de Tratamento de Animais Silvestres (Cetas) para a avaliação por profissionais.

O diretor-presidente da Adema, Gilvan Dias, explicou sobre a importância das ações de entrega voluntária efetuada por parte da população. “Quando os cidadãos realizam a entrega de animais silvestres de maneira voluntária, reflete positivamente na preservação de espécies e contribui para manutenção da biodiversidade do estado, com a devolução aos seus respectivos habitats naturais. Um exemplo é o Papagaio-verdadeiro, espécie ameaçada de extinção em virtude do desmatamento e do tráfico ilegal. Além disso, as pessoas que realizam a entrega de animais voluntariamente ficam isentas de multas”, ressaltou.

Resgates

Uma Jiboia-Constritora foi resgatada no telhado de uma residência do bairro São Conrado. Após análises, observou-se que se tratava de uma serpente juvenil, com aproximadamente 50 cm e que estava em boas condições, tendo sido reinserida à área de reserva ambiental. Também foi apreendida uma jiboia cinzenta (Boa constrictor amarali), que se encontrava adentrando algumas salas do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), em Aracaju. A contenção do animal foi realizada pela equipe da Adema e entregue ao seu habitat natural.

Outra ocorrência se deu com um Sagui-de-tufo-branco (Callithrix jacchus), que foi atropelado em uma via pública. Após o comunicado, uma equipe da Adema foi até local para o recolhimento do primata e posterior encaminhamento ao Cetas para os devidos cuidados. Ainda no Cetas, foi realizada uma avaliação clínica em um filhote de Salamanta (Epicrates cenchria). A espécie devolvida por um cidadão à equipe da Adema, encontrava-se em boas condições e foi reinserida à natureza.

Qualquer cidadão que quiser devolver algum animal silvestre deve entrar em contato através do telefone: (79) 99191-5535. Também é possível acionar o sistema de plantão no resgate e capturas de animais silvestres, que atende às denúncias de criação ilegal em cativeiro desses animais, por meio dos telefones (79) 3198-719, plantão de resgate de fauna (79) 98819-7558 e (79) 3198-7150, ou ainda através dos emails: [email protected]; [email protected]; [email protected] das 7h às 13h.

Informações e foto Adema