25/08/20 - 14:54:46

CNA levanta custos da produção de milho no estado de Sergipe

Produtores de milho participaram do painel online do Projeto Campo Futuro na última segunda-feira, 24. O objetivo foi levantar o custo da produção de milho em Sergipe com a participação dos produtores, bancos e técnicos.

O painel foi conduzido pelo assessor técnico da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil – CNA, Thiago Rodrigues, e pelo técnico do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada – Cepea, Renato Ribeiro. O levantamento retratou a realidade do médio e pequeno produtor sergipano.

“Basicamente dois cenários foram apresentados. O primeiro retratando o médio produtor, com o perfil de uma propriedade de 120 hectares, e um segundo modelo de uma propriedade mais familiar, que em média cultivou 15 hectares para esta safra que será colhida em outubro e novembro”, explica Thiago.

Dados preliminares obtidos no painel mostram que houve um aumento no custo de produção de 39% em relação ao levantamento realizando em 2019. Segundo o assessor técnico da CNA, Thiago Rodrigues, apesar dos custos o cenário do preço que será pago pelo milho está bem maior do que o ano passado.

“Os grandes vilões foram os preços de fertilizantes e defensivos. O valor duplicou em relação à última safra. Por outro lado, um ponto que chamou atenção foi os bons preços praticados ou que os produtores têm expectativas que sejam praticados para este milho que será colhido. O preço pode chegar até R$ 50 a saca oferecendo ao produtor uma boa possibilidade de remuneração em cima do custo que ele tem hoje”, explica Thiago.

O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Sergipe, Ivan Sobral, destaca a importância do produtor realizar o levantamento da sua produção. “O painel do Campo Futuro acontece anualmente em Sergipe e ajuda o produtor a conhecer todos os seus custos. Muitos não sabem quanto custa a sua produção e o painel vem auxiliar o produtor a fazer este levantamento ”, afirma Ivan.

O produtor do município de Frei Paulo, Anderson Souza, participou do levantamento e enfatizou a importância dos produtores conhecerem os custos da sua produção.

“É importante conhecer os custos e ver onde pode melhorar. Aumentar uma adubação ou diminuir em outra coisa que está gastando demais. O produtor em média sabe fazer a parte do preparo do solo do plantio, mas na parte administrativa precisa melhorar muito”, afirma Anderson.

Campo Futuro

O Campo Futuro é um projeto realizado pelo Sistema CNA/Senar em parceria com sindicatos de produtores rurais, universidades e centros de pesquisa para levantamento do custo de produção que geram informação para a administração de custos, de riscos de preços e gerenciamento da produção.

Foto assessoria

Por Adriana Freitas