29/08/20 - 07:28:56

Ocorrências envolvendo árvores na rede elétrica aumentam em 2020

Árvores próximas à rede elétrica podem causar interferências no fornecimento de energia. Com o aumento do volume de chuvas aqui em Sergipe, houve também uma elevação no percentual de ocorrências envolvendo árvores em contato com fios da rede de distribuição. Segundo o meteorologista do Centro de Análises e Previsão do Tempo e Clima, Meteorologia e Mudanças Climáticas (CMT) de Sergipe, Overland Amaral, de janeiro a julho de 2020, em todo o Estado os índices de pluviometria superaram os registros do ano anterior. “O maior deles no litoral, com 47% acima do volume registrado em 2019, seguido de Agreste e Semi-árido com 18% e 15% respectivamente. Caracterizando um total de 27% do volume de chuvas acima do registrado no período chuvoso do ano de 2019”, explica.

Dados da Energisa Sergipe apontam que, dentro da área de concessão da empresa, este ano houve uma elevação de 20%, também em comparação a 2019, no registro de ocorrências relacionadas a interrupções de energia causadas por árvores na rede, como consequência do aumento das chuvas, por vezes acompanhadas de ventos fortes.

Mesmo com o impacto das condições climáticas, causando chuvas e ventanias, uma maneira de tentar evitar esse tipo de ocorrência é realizando regularmente a poda dos galhos, enquanto eles ainda não estão próximos à rede. Efetuar a poda de árvore é responsabilidade da Prefeitura de cada município, se estiver em ambientes públicos, e do proprietário, caso esteja em terreno privado. Porém, como ação preventiva e também corretiva, a Energisa possui um cronograma para a realização desta atividade em situações que exista o risco iminente de acidentes e danos, como por exemplo, galhos encostando na fiação ou árvores ameaçando cair sobre a rede elétrica, visando evitar interrupções no fornecimento de energia elétrica.

Para a execução da tarefa, que muitas vezes é realizada com a rede energizada, a empresa possui profissionais capacitados, com ferramentais, EPI/EPC adequados e que seguem procedimentos específicos. O Gerente de Construção e Manutenção da Energisa Sergipe, Wilton Leal, explica que este ano, o número de podas preventivas realizadas subiu 18%, em relação aos primeiros seis meses de 2019. “Nossos profissionais realizam inspeções identificando as árvores próximas à rede, a partir disso é elaborada a programação das equipes de campo e a execução. Outro caminho para esse mapeamento é através de ligações dos clientes, sinalizando vegetações em espaço particular ou público, que deveriam ter sido podadas antes de atingir a rede”, relata.

Wilton alerta também que é preciso evitar o plantio de árvores próximas à rede elétrica, observando a espécie da planta utilizada e analisando se os locais são adequados ao seu correto desenvolvimento. Além de ser necessário também ficar atento à manutenção e poda regular.  “O primeiro passo é não plantar árvores que possam crescer na altura da rede elétrica, embaixo de redes previamente instaladas. Se a comunidade entender que cresceu demais e está próxima à rede, não deverá de forma alguma executar a poda, porque nesse momento a execução precisa ser realizada pela Energisa, para garantir a segurança e evitar descargas elétricas”, conclui.

Serviço

Por isso, se você identificar alguma árvore em contato com a rede elétrica, informe imediatamente à Energisa por meio dos canais de atendimento, o call center 0800 079 0196 ou por meio do WhatasApp 079 98101-0715.

Fonte: Energisa