03/09/20 - 01:04:23

Ganha quem revelar trabalho e projeto

Diógenes Brayner[email protected]

A próxima semana será de definições para formação de chapas. No momento apenas o Cidadania e a Democracia Cristã têm chapas fechadas. O restante ainda não escolheu o vice e está em diálogo para a indicação de nomes do bloco ou ainda para composições e escolha. Nada tão fácil e a tendência natural de alguns é ir às urnas até mesmo sem apoio de outra legenda. A estrutura para a formação de chapa está complicada, em razão da disputa às Câmaras Municipais, que independe de como sairão os majoritários.

O prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) ainda não tem o seu vice, mesmo que já conheça um dos dois que pode ser. A indicação será do PSD e está entre a delegada Katarina Feitoza e Jorginho Araújo. Como se trata de um partido que não tem perfil para se dividir, principalmente por interesse de grupos internos, a tendência é chegar a um consenso, embora não se possa abrir mão de conversas internas para que haja um entendimento, sem deixar qualquer tipo de mágoa. O partido – como os demais – tem projeto definido para 2022 e não abre mão da unidade para chegar lá sem divisões e ressentimentos.

A delegada Katarina Feitosa, que se inicia na política a partir deste ano, tem certa preferência das lideranças partidárias, porque seria uma mulher a integrar a chapa encabeçada por Edvaldo Nogueira. Além disso, ela tem um trabalho reconhecido na área que atua e no desempenho administrativo. Adquiriu a confiança de segmentos fortes do partido e dará um tom de austeridade e doçura à chapa, em um momento que delegadas e delegados começam a se interessar pela política. O seu nome vem crescendo junto à cúpula partidária, dentro do que sente em relação à vontade do eleitorado.

Jorginho Araújo também é um nome forte, não há dúvida. Indicado pelo bloco liderado pelo deputado federal Fábio Mitidieri, Jorginho é simpático a vereadores da base aliada que disputam à reeleição, em razão da convivência com eles e da atuação entre o legislativo municipal e o executivo. Entretanto, nesse momento, o nome da delegada está mais presente, exatamente porque se trata de uma mulher e a chapa majoritária precisa de um toque feminino para dar uma sintonia de diversidade e evitar até a pecha de preconceito. A indicação não pode demorar.

Os demais pré-candidatos sequer formaram composições. O DEM, o Podemos e o PTB dependem de uma decisão do Patriotas – que está ouvindo seus candidatos – para tentar apoio. Pode ser anunciada hoje ou amanhã, com tendência para opção pelo Democratas, que tem a delegada Georlize Teles como pré-candidata a prefeita. Se isso acontecer, os dois outros partidos terão que formar chapas puro sangue, o que passa a ser bem provável.

À esquerda, o Rede Sustentabilidade e o Partido dos Trabalhadores conversam sobre aliança. Os dois pré-candidatos, Henri Clay (Rede) e Marcio Macedo (PT) ainda não chegaram a um entendimento sobre o cabeça de chapa. Um quer o outro como vice e não cedem. Por análise simples, o PT teria mais condições eleitorais para ser cabeça de chapa, mas medindo votos das eleições de 2018 – o que vem sendo levado em consideração – a rede constata que o desempenho do seu candidato, Henri Clay, supera muito a Macedo, levando em consideração os votos de Aracaju.

É uma decisão que não vai demorar e as apostas indicam que Clay pode ser o vice.

Sendo menos analítico, a coisa ainda está embolada, quando já deveria estar tudo resolvido, porque se não fosse a pandemia já se estava a um mês do pleito. Mas, apesar da prorrogação para novembro, o tempo é curto em razão da absoluta indiferença do eleitor em relação à eleição. Sem rodeios, as próximas eleições podem ser ganhas por quem tiver mais trabalho a mostrar contra a pandemia e melhores propostas para a recuperação do cidadão na questão econômica e financeira. Com certeza, isso vai pesar muito para uma maioria significativa de famílias que teve problemas com o vírus e ainda sofre as suas conseqüências na alma, no corpo e no bolso.

A falta que Jason faz

A morte do vereador Jason Neto (PDT), pelo inusitado, mexeu muito com o momento político de Aracaju, principalmente neste momento em que ele trabalhava a reeleição.

*** Homem de rádio, Jason tinha chances reais de se manter no mandato, fortalecendo um bloco em que sua atuação era importante também na disputa majoritária.

*** Simples, Jason conquistou colegas, fez amigos e atraiu eleitores. Com certeza fará falta, já a partir de agora, na Câmara de Vereadores.

Vieira assume mandato

O sargento Vieira (Cidadania) é que assume a vaga deixada pelo vereador Jason Neto e já pode fazê-lo já partir de hoje.

Vieira é primeiro suplente e foi eleito pela PDT, mas com a “janela” trocou de partido. Fará oposição ao prefeito Edvaldo Nogueira. Ele é candidato à reeleição.

Helom para o Banese

Como diretor de Finanças, Controle e Relações com Investidores do Banese, Helom Oliveira da Silva assumiu interinamente a Presidência do banco com uma proposta para o futuro.

*** Helom impressionou o governador Belivaldo Chagas por suas propostas de avanço na estrutura do Banese, além de ter dado conta do comando do banco durante o período que está lá.

Danielle fala a Patriotas

O Patriotas ouviu ontem a pré-candidata a prefeita por Aracaju, Danielle Garcia (Cidadania), que expôs projetos e programas de Governo para Aracaju.

*** Danielle foi a última pré-candidata ouvida pelo Patriotas, que amanhã se reúne para tomar posição definitiva em relação a uma composição.

*** Até o momento não há perspectiva de aliança dos Patriotas para as eleições municipais, mesmo que a sua convenção esteja marcada para o dia 12 (sábado).

Perspectivas de apoio

A pré-candidata do DEM, Georlize Teles, demonstra preferência dos pré-candidatos a vereador do Patriotas, tanto pela sigla quanto por sua simpatia e projeto para a cidade.

*** Entretanto, há questão de estrutura para levar adiante a campanha de vereador e tempo de TV. Isso pode impactar. Mas as condições de composição são boas.

Rodrigo bem ouvido

O pré-candidato do PTB, Rodrigo Valadares, também expôs as razões pelas quais quer eleger-se prefeito de Aracaju. Inclusive com estrutura e tempo de televisão.

*** Mas deixou a impressão de imaturidade para administrar uma cidade como Aracaju, em razão de natural falta de experiência.

Podemos surpreende

O deputado estadual Zezinho Sobral (Podemos) surpreendeu com a sua fala aos filiados do Patriotas, na terça-feira, tanto pela segurança com que expôs projetos, quanto pela demonstração de maturidade.

*** Além disso, o Podemos tem condições para ajudar na campanha e tempo de TV.

Tem um detalhe

A candidata do Cidadania, Danielle Garcia, não tem dificuldade com os pré-candidatos a vereador do Patriotas. A questão mesmo é a rejeição ao senador Alessandro Vieira, que teve postura diferente com Jair Bolsonaro, depois de eleito.

*** Valadares Filho (PSB) está tentando acomodar a situação e conversou com o presidente do Podemos, Uezer Marquês.

*** Aliás, Valadares chegou a convidar Uezer para coordenar sua campanha política a vice de Danielle.

Potencial de Luciano

Pré-candidato a vereador, Marcos Aurélio disse ontem que conhece o esforço que o governador Belivaldo Chagas faz para, mesmo dentro de uma pandemia, ajustar as contas do Estado, ao final do mandato.

*** – O sucessor terá as condições necessárias para implantar projetos que beneficiem diretamente o cidadão sergipano, disse.

*** E acrescentou: “é nisso que aposto: o próximo governador terá que ter a capacidade de dialogar com todos os segmentos da sociedade, e o mais importante, terá que ter uma vida dedicada a fazer o bem”.

*** É em razão disso que Marcos acredita que o nome de Luciano Bispo aparece com um bom potencial para disputar a sucessão estadual de 2022, com apoio do bloco que hoje ele integra.

Sobre Estância

Circulou nas redes sociais de Estância: “Alguém já perguntou à professora Adriana Leite se ela aceitou ser vice de Gilson?”

*** O próprio Ivan Leite, marido de Adriana, foi quem respondeu: “Ela não quer!”

*** Adriana é a atual vice-prefeita de Gilson Andrade que tenta a reeleição.

*** Ivan Leite disse, também, que não teve nenhum encontro com Gilson: “a informação não procede”.

Sem decisão final

O ex-prefeito Ivan Leite disse que pode apoiar o pré-candidato a prefeito do Psol, Márcio Souza, mas sem nenhuma coligação formal.

*** Além disso, há um detalhe: o próprio Ivan Leite pretende disputar a Prefeitura. E mais: a vice Adriana Leite também deseja candidatar-se.

PSD quer a vice

O deputado federal Fábio Henrique (PSD) disse ontem que o seu partido está mais forte do que nunca em Sergipe e lançará mais de 60 candidatos majoritários e mais de 1000 candidatos a vereador.

*** Sobre Aracaju, Fábio diz que o PSD busca a indicação do vice-prefeito.

*** – Mesmo respeitando todos os aliados, entendemos que temos bons nomes, montamos a maior bancada de vereadores e temos a chapa mais competitiva da capital, disse e concluiu: “o PSD quer a vice”!

Telha pega fogo

As eleições municipais em Telha pegam fogo na pré-campanha: o ex-prefeito Eris de Melo agrediu o atual prefeito Flávio Dias.

*** Aconteceu no momento em que Dias visitava uma família que o convidou para declarar apoio à sua pré-candidatura à reeleição.

*** O problema é que o ex-prefeito Eris de Melo ficou irritado ao saber que sua irmã, Elia de Melo, declarou apoio a Flávio Dias.

Médico recebe alta

O médico Marco Antônio Gomes da Silva recebeu ontem alta no Hospital Primavera, em um momento de “Glória ao Senhor”. Aplaudido. Marco Antônio foi infectado pelo Covid.

*** Ele foi hospitalizado dia junho e esteve na UTI do dia 27 do mesmo mês até 07 de agosto e ontem voltou para casa usando uma camisa do Flamengo.

Uma boa conversa

Nota triste – Jason A morte repentina do vereador Jason Neto (PDT) mexeu com a política sergipana. Jason era radialista e conduziu o seu mandato com zelo e sem arestas.

Rodrigo Maia – A Câmara apresentou ontem sua proposta de reforma administrativa que vai modernizar sua estrutura, reestruturar as carreiras, cortar gastos e reduzir cargos.

Sobre Lava Jato – Tudo que o lulobolsonarismo desejava: Força-tarefa da Lava Jato em São Paulo pede demissão coletiva (segundo Veja)

Circula nas redes – Falta pouco para o Supremo Tribunal Federal (STF) que fomos nós que roubamos o Lula.

Lucas Mendes – O governo lançou a nota de R$ 200 com o Lobo Guará como homenagem póstuma, já que estão matando todos queimados.

Lindberg Farias – Governo quer cortar auxílio emergencial para o povo, enquanto dá bilhões pros banqueiros e mantém privilégio dos mais ricos!

Revista Crusoé – Polícia Federal quer mais 30 dias para investigar interferência de Bolsonaro na corporação.

Priscilla Weinstein – Estou printando até o silêncio desses parlamentares que se elegeram nas costas da lava jato. Vou lembrar a população da covardia deles quando tentarem a reeleição.