10/09/20 - 15:20:15

PGM ingressa com Ação Civil contra vereador Cabo Amintas

A Procuradoria Geral do Município (PGM) entrou com uma Ação na 15ª Vara Cível de Aracaju contra o vereador Amintas Oliveira Batista, conhecido como ‘Cabo Amintas’, para que seja apresentado pelo parlamentar o vídeo que ele afirmou ter sobre envolvimento de servidores da Secretaria Municipal de Educação em suposta tentativa de extorsão.

A PGM explica que acionou a Justiça para elucidar os fatos e atestar a lisura dos atos e procedimentos praticados pelo Município.

“O maior interessado na elucidação dos fatos e na lisura de seus atos e procedimentos é o Município. Foi ajuizada auma ação de exibição de documento em face do vereador Cabo Amintas, para que ele seja compelido a apresentar em juízo e à Secretaria da Educação, o vídeo que afirmou ter sobre os servidores municipais em suposta tentativa de extorsão”, destaca a PGM.

Em entrevista a uma emissora de rádio, o vereador afirmou ter sido procurado por dois servidores da Secretaria da Educação, os quais teriam lhe dito terem provas de supostos atos de corrupção praticados pela secretária da Educação, Maria Cecília Tavares Leite, informações que repassariam em troca de dinheiro. Mas ao final das declarações, consideradas levianas pela PGM, não apresentou nenhuma prova.

Repúdio

A secretária Maria Cecília Tavares Leite recebeu com indignação a denúncia feita pelo vereador e afirma que a acusação, infundada, tem objetivos eleitorais. Ela destaca que a verdade prevalecerá. “Fui acusada de um ato lesivo e vou até o final para que o caso seja desvendado. O processo está aberto, não é sigiloso e qualquer cidadão pode acompanhar. Mais uma vez afirmo que jamais conversei com qualquer fornecedor, que não tenha sido no âmbito do espaço administrativo”, enfatiza a secretária.

“Desde quando assumi o cargo de secretária municipal da Educação, prezo pela lisura e transparência nas ações tomadas e exijo o mesmo de todos os que trabalham comigo. Estou profundamente indignada de ter o meu nome exposto dessa forma e quero deixar claro de que tomarei as medidas legais cabíveis para provar que estou sendo gravemente caluniada, difamada e falsamente acusada de um crime que não cometi”, garante Cecília Leite.