14/09/20 - 06:01:44

UFS, Governo e empresários levam ao povoado Serra da Guia alimentos e exames

“Só podemos vencer todas as dificuldades que estamos passando através da boa vontade e da solidariedade das sergipanas e sergipanos”, disse Eliane Aquino.

Na química, é chamada de mistura a combinação formada por algumas substâncias. A sabedoria popular unida à ciência e a uma gestão pública compromissada é uma mistura potente, capaz de fornecer ferramentas para a existência e resistência dos povos, sobretudo das comunidades tradicionais. Na manhã deste sábado, 12, dando prosseguimento ao trabalho desenvolvido junto às comunidades quilombolas de Sergipe e com o objetivo de traçar um panorama da atuação do novo coronavírus em localidades vulneráveis, o Governo do Estado, por meio de uma parceria com a Universidade Federal de Sergipe (UFS), levou até o povoado Serra da Guia, em Poço Redondo, o pacote de serviços “Força Tarefa COVID-19”, que consiste na realização de testes em busca do vírus em fase ativa ou através de anticorpos, além da aferição de pressão e glicemia.

Como parte do projeto, para além as ações de saúde e objetivando garantir a segurança alimentar da população menos favorecida, a Secretaria de Estado da Inclusão Social e da Assistência (SEIAS), por meio do programa Solidarize-SE, que conta com o apoio da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Sergipe (Codise), distribuiu 200 kits com gêneros alimentícios diversos, oriundos de doações das empresas Fasouto, Grupo Maratá, Megga Atacadista e Nota 10, por meio do  Sindicato dos Atacadistas de Sergipe (Sindicase). A SEIAS ainda fez a solicitação para que a secretaria da Inclusão Social do Município realizasse, durante o evento, a atualização de dados cadastrais da população no Cadastro Único.

“A união de parceiros desta monta para trazer saúde e segurança alimentar às comunidades tradicionais causa um impacto muito positivo, sobretudo neste momento onde as desigualdades sociais estão ainda mais evidenciadas. Então eu só tenho a agradecer a todos os entes que fazem parte deste time, desde a equipe da universidade, passando pelos atores do governo do Estado e a todos os empresários engajados nessa causa. Só podemos vencer todas as dificuldades que estamos passando através da boa vontade e da solidariedade das sergipanas e sergipanos”, pontuou a vice-governadora Eliane Aquino, que propôs a distribuição dos alimentos nas comunidades.

De acordo com professor da UFS Lysandro Borges, que coordena a Força Tarefa COVID-19, o resultado dos testes realizados nas seis comunidades quilombolas visitadas segue em paralelo com o atual panorama do coronavírus no estado de Sergipe. “Estamos percebendo que uma parte considerável da população das comunidades tradicionais já adquiriu anticorpos relativos ao SARS-COV-2, ao passo que ainda temos algumas pessoas com o vírus ativo e outras que testaram negativo. Ao final da nossa jornada enviaremos relatórios aos municípios por onde passamos para que estes possam embasar futuras ações de saúde direcionadas para cada população”, explicou.

Com mais de cinco mil partos registrados, a parteira nacionalmente reconhecida e matriarca da comunidade Serra da Guia, Josefa Maria da Silva Santos, mais conhecida como Zefa da Guia, recebeu com alegria as equipes de trabalho. “Hoje é um dia muito importante, onde os saberes populares e científicos unem as mãos para dizer não ao coronavírus. Só temos a agradecer pela consciência de cada um que veio de tão longe até aqui para cuidar da população de Serra da Guia. Cantamos e vivemos!  Nossa carne é fraca, mas o espírito é forte, e só os fortes de espírito têm a atitude tamanha de vir até aqui nos fazer o bem. Que Deus abençoe a todos”.

Foto: Danillo França

Da assessoria