19/09/20 - 08:26:14

Governo de Sergipe perfura novo poço em Boquim e revitaliza antigo

Ações da Cohidro promovem aumento no abastecimento de água para 400 moradores dos povoado Pista Cinco e Pista Seis

Cerca de 400 moradores residentes em dois povoados do município de Boquim, no sul-sergipano, terão mais oferta de água. No povoado Pista Cinco, está sendo realizada a perfuração de um novo poço para a comunidade rural. Já no povoado Pista Seis, através do investimento de R$ 16 mil, o antigo poço comunitário recebeu revitalização, limpeza e instalação de novos reservatório e cata-vento com geração de energia eólica para a captação da água destinada à população local. As ações são realizadas por equipes da Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe – Cohidro, vinculada à Secretaria de Estado da Agricultura – Seagri. Em prevenção ao coronavírus, a companhia ampliou também a fiscalização das equipes com relação ao uso obrigatório de equipamentos de proteção individual (EPIs).

No povoado Pista Cinco, o trabalho sequenciado de duas equipes promoverão a perfuração e a instalação do novo poço, como explica o diretor de Infraestrutura Hídrica e Mecanização Agrícola da Cohidro, Carlos Alberto. “Neste momento, uma equipe da Geperf [Gerência de Perfuração da Cohidro] atua em nossa perfuratriz (PF12) para concluir o poço do Pista Cinco. Nossos geólogos calculam que tenhamos água depois dos 80 metros perfurados, o que deve ocorrer nesta ou na próxima semana. Com a perfuração concluída, entrará em ação a equipe da limpeza e teste de vazão, também da Geperf, para deixar o poço apto à instalação”, explica o diretor.

Fornecendo parte do seu terreno para que as máquinas da Cohidro possam realizar a perfuração do novo poço, o morador do Pista Cinco e funcionário público, Gileno Francisco, destaca a importância do poço para a comunidade. “Tomei a iniciativa de fornecer o meu terreno porque será bom tanto para mim quanto para a população. No verão, nós sofremos com a falta d’água. Agora, com esse poço, com certeza vai melhorar”, considera o morador. A perfuração no terreno de Gileno recebeu a vistoria do diretor administrativo da Cohidro, Jean Nascimento, que destaca que a companhia intensificou a fiscalização sobre o uso de EPIs e medidas de segurança. “Já tínhamos a preocupação com nossos colaboradores sobre o risco na operação de máquinas pesadas e escavações. Agora, temos também com o coronavírus. O cuidado é redobrado: EPIs obrigatórios e distanciamento”, esclarece o diretor.

Já no povoado Pista Seis, a recuperação do poço iniciou na limpeza e teste de vazão feita por equipe da Geperf, a partir de um investimento de R$ 3 mil. Em seguida, contou com a instalação de uma tecnologia de energia alternativa para a captação da água subterrânea, como conta o presidente da Cohidro, Paulo Sobral. “Para contornar a baixa produção alcançada pelo antigo poço (528 litros/hora), optamos pela instalação do cata-vento para bombear água sem parar, do subsolo até o novo reservatório, que abastece os chafarizes para os moradores. Este serviço foi executado pela equipe de instalação da Dipoços [Divisão de Instalação e Recuperação de Poços], a partir de um investimento total de R$ 13 mil, sendo que parte dos recursos destinados para aquisição dos equipamentos instalados (R$ 1.497,97) é proveniente da cooperação técnica de crédito orçamentário, firmada entre Cohidro e a Secretaria de Estado da Inclusão e Assistência Social – Seias”, complementa o diretor-presidente.

Movido a energia eólica, o sistema de abastecimento do Pista Seis não acarretará custo com energia elétrica aos moradores. A novidade foi aprovada pelos residentes do povoado, como o trabalhador rural Luberval Almeida, que utiliza a água do sistema de abastecimento em sua casa. “Todo mundo vem buscar aqui. Eu venho pegar água na carroça ou na ‘galinhota’. Com essa água, dá para beber, cozinhar, fazer muitas coisas. Antes, passávamos de 8 a 15 dias sem água. Graças a Deus, agora melhorou e está tudo funcionando”, comemorou. Já Geraldo Pinto, morador do povoado há 4 anos, destacou o resultado da revitalização para a comunidade. “Esse poço é o que está dando o suporte para a gente. Antes, quando não tinha água, tínhamos que ir buscar lá na praça do (povoado) Treze, em Lagarto. Agora, melhorou muito. Usamos a água para beber e ela é muito boa!”, disse o morador.

Fonte e foto assessoria