24/09/20 - 12:33:40

Prefeitura de Aracaju divulga campanha nacional de multivacinação

A vacina está entre as medidas mais eficazes na prevenção de várias doenças que ameaçam a saúde. Entretanto, mesmo com as campanhas nacionais realizadas anualmente, bem como as estratégias desenvolvidas pelos municípios, desde 2016 o Brasil registra uma baixa nas coberturas vacinais. Com o intuito de mudar esse cenário na capital, a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal da Saúde, alerta a população sobre a importância de atualizar a caderneta de vacinação e reforça a oferta do serviço em 40 salas dispostas nas Unidades Básicas de Saúde.

“A realidade de estarmos com coberturas vacinais baixas não é de agora, e também não é uma particularidade do município de Aracaju. Isso ocorre em todo território brasileiro desde 2016, só que este ano tivemos ainda a ocorrência da pandemia da covid-19, que fez com que pais e responsáveis não procurassem a unidade básica de saúde para vacinar seus filhos nas datas previstas. Com a estabilização dos casos da covid, a gente percebe,  pouco a pouco, os pais retornando ao serviço de vacinação”, afirmou a coordenadora do Programa de Imunização da SMS, Ilziney Simões.

A coordenadora explica que desde o nascimento a criança já inicia o processo de imunização, que inicialmente acontece mensalmente, recebendo uma média de quatro doses a cada mês. “Existem as doses subsequentes dessas vacinas, e ao todo, essa criança vai se vacinando até os quatros anos. E depois ela retorna, na adolescência, para tomar outras vacinas que são previstas”, explicou Ilziney.

Para incentivar essa regularidade nas doses, acontecerá no mês de outubro a Campanha Nacional de Multivacinação para atualização da caderneta da criança e do adolescente. Além dessa estratégia, a Prefeitura também aderiu à campanha contra a poliomielite, voltada para crianças de um a quatro anos, onze meses e 29 dias.

“E também estará acontecendo a campanha contra o sarampo, que já vem acontecendo no Brasil. Aqui em Sergipe nós não estávamos ainda executando, mas vamos realizar agora no mês de outubro, voltada para as pessoas de 20 a 49 anos”, antecipou a coordenadora.

Estrutura

A Secretaria Municipal da Saúde oferta 44 salas de vacinação, dispostas nas Unidades Básicas de Saúde. Porém, por conta da pandemia, quatro dessas UBS restringiram o atendimento para casos de síndromes gripais. No momento, 40 unidades básicas estão com as salas de vacinação funcionando de forma rotineira, das 7h30 às 16h30, exceto nas unidades que estão com horário de atendimento estendido, onde nessas a sala de vacina funciona até as 18h30.

“A melhor maneira de se prevenir contra doenças é por meio das vacinas, é graças ao Programa Nacional de Imunizações, durante todos esses anos, que muitas doenças estão controladas e precisamos que os pais mantenham a situação vacinal dos seus filhos em dia, para que essas doenças não venham aparecer e se agravar, juntamente com a pandemia. Basta levar o cartão de vacinação, a caderneta da criança, pois a equipe está preparada para avaliar quais vacinas serão feitas naquele momento”, alertou a coordenadora do Programa de Imunização da SMS, Ilziney Simões.

Foto assessoria

Secretaria Municipal da Saúde de Aracaju/SE