28/09/20 - 16:57:01

COLIGAÇÃO EDVALDO ORIENTA CANDIDATOS A CUMPRIREM PROTOCOLO SANITÁRIO

Diante da pandemia de covid-19, a coordenação de campanha do prefeito e candidato à reeleição, Edvaldo Nogueira (PDT), está orientando os candidatos da coligação ‘Pela Vida. Pela Cidade.’ a adotarem as medidas dispostas na Portaria Nº 243/2020, a partir da qual a Secretaria de Estado da Saúde estabeleceu o Protocolo Sanitário de Regulação para as Atividades Eleitorais.

Coordenador da campanha de Edvaldo, o presidente do diretório do PDT de Aracaju, Evandro Galdino, destaca que as normas de biossegurança recomendadas pelas autoridades sanitárias e pelo Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE/SE) “serão rigorosamente cumpridas em todos os atos político-eleitorais da coligação”, formada por dez partidos.

Evandro ressalta que, apesar da trajetória de queda dos índices de novos casos de covid-19 e de óbitos decorrentes da doença, em Aracaju, o momento exige “extremo cuidado e medidas preventivas para não colocar em risco a saúde da população e dos candidatos”, frisa.

O coordenador ressalta ainda que, desde a fase de pré-campanha, o agrupamento tem buscado respeitar as normas de segurança sanitária para evitar o contágio pelo novo coronavírus, como o uso de máscaras, distribuição de álcool em gel e distanciamento social.

O Protocolo Sanitário publicado pelo governo estadual recomenda aos candidatos, partidos e coligações que optem por meios alternativos na realização de eventos e, quando forem presenciais, que seja respeitado o distanciamento de dois metros.

Além disso, o documento recomenda o uso de máscaras e a disponibilização de álcool a 70% para higienização dos participantes, colaboradores e candidatos. E destaca a vedação da realização de eventos de massa, como comícios e passeatas.

“Vamos adotar essas recomendações em todos os nossos atos, até o último dia de campanha. E vamos cumprir com o devido rigor as normas sanitárias necessárias para que possamos dialogar com a população em segurança, fazendo o enfrentamento da doença, como o prefeito tem feito desde antes do primeiro caso de covid-19, na capital”, salienta Evandro.

Por Valter Lima