30/09/20 - 14:06:35

PESQUISA ELEITORAL: EMPRESA CUMPRE DECISÃO JUDICIAL, MAS IRÁ CONTESTAR

Na última segunda-feira, 28, a pedido do Ministério Público Eleitoral (MPE), por meio da Promotoria Eleitoral da 15ª Zona, a Justiça Eleitoral determinou que a empresa Alô Sergipe deixe de divulgar em seu site uma pesquisa eleitoral supostamente irregular realizada no Município de Ilha das Flores.

Sobre a pesquisa de opinião pública divulgada no Portal Alô News em 27/08/2020, a empresa ALÔSERGIPE CONSULTORIA, ASSESSORIA, PUBLICIDADE E MARKETING EIRELI-ME, CNPJ 23.148.627/0001-90 vem a público esclarecer que:

  1. A referida pesquisa NÃO É FALSA, pois foi devidamente registrada no portal do TSE sob o n° SE-05378/2020em 14/08/2020, cujas entrevistas presenciais aconteceram no município de Ilha das Flores nos dias 19 e 20/08/2020;
  2. O art. 33 da Lei n°9.504/97 estabelece que as empresas que realizarem pesquisas de opinião pública relativas às eleições, para conhecimento público, são obrigadas, para cada pesquisa, a registrar, junto à Justiça Eleitoral, até cinco dias antes da divulgação, o que foi devidamente atendido, pois a pesquisa foi registrada em 14/08/2020 e a divulgação somente se deu em 27/08/2020, 13 dias após o registro;
  3. Todas as informações exigidas nos incisos I, II, III, IV, V, VI e VII do art. 33 da Lei n° 9.504/97 foram devidamente atendidas por ocasião do registro da pesquisa, conforme pode ser verificado na cópia do registro em anexo;
  4. Todos os questionários das entrevistas realizadas e o banco de dados da pesquisa estão devidamente preservados, tudo em atendimento ao que dispõe a Lei Eleitoral vigente.

Ressaltamos que a suposta decisão judicial ora divulgada, se verdadeira, será objeto de análise dos nossos advogados que impetrarão os competentes recursos legais, e que a tal decisão não estabeleceu a pesquisa como FALSA e sim como irregular, pois supostamente não atendeu aos requisitos do art. 33 da Lei n°9.504/97, com o que não concordamos.

Contestamos ainda que, a empresa foi citada por meio eletrônico e que a resposta solicitada foi dada, também, por meio eletrônico. Entretanto, segundo o chefe do cartório, respostas realizadas por esse meio não são válidas, por isso, amanhã a representante da empresa irá pessoalmente levar os documentos solicitados. Afirmamos que todas as leis eleitorais foram cumpridas, assim como todo o material solicitado que já foi enviado, será entregue presencialmente.

Por fim, resta-nos afirmar, com veemência, que a Pesquisa n° SE-05378/2020, registrada em 14/08/2020 (registro TSE), NÃO É FALSA, pois ela expressa as opiniões das 419 pessoas que foram entrevistadas no município de Ilha das Flores, nos dias 19 e 20/08/2020.

Fonte Alô News

Fo