09/10/20 - 08:19:53

Festival de promessas

Por Adiberto de Souza

De hoje até o dia 12 de novembro próximo, o eleitor vai assistir um verdadeiro festival de promessas vazias feitas pelos candidatos a prefeito e vereador. Eles terão um generoso espaço diário no rádio e na televisão para prometer o céu e a terra aos eleitores. Vão acabar com a fome, desemprego, violência, congestionamentos, resolver o déficit habitacional, oferecer ônibus com ar refrigerado, salários justos aos servidores públicos, etcétera e tal. Ao cidadão que deseja eleger representantes comprometidos em buscar soluções para os inúmeros problemas das cidades, cabe identificar aqueles que apresentarão propostas concretas. É preciso avaliar cada proposta apresentada na internet, no rádio e na televisão, pois em sua maioria, os candidatos vão aproveitar o horário eleitoral gratuito para tentar, com palavras bonitas de gestos ensaiados, se apresentarem como salvadores da pátria. Abra o olho!

E agora, vai?

O governador Belivaldo Chagas (PSD) autorizou a realização de uma licitação visando a elaboração do projeto final e execução do Hospital do Câncer, em Aracaju. A previsão do governo é concluir o empreendimento em 900 dias, incluindo a elaboração do projeto básico e a execução da obra. Em 15 de março de 2017, o então governador Jackson Barreto (MDB) assinou a ordem de serviço para a construção desse mesmo Hospital do Câncer, que consumiu um saco de dinheiro e não passou da terraplenagem. Tomara que agora a unidade hospitalar não fique só em mais uma promessa. Santo Cristo!

Volta aos palanques

Durou pouco tempo a decisão judicial proibindo o líder político Manoel Sukita (Republicanos) de subir nos palanques da irmã e candidata a prefeita de Capela, Carla Sukita (Republicanos). O magistrado Edivaldo dos Santos se fundamentou na Constituição para derrubar a tutela provisória que impedia Sukita de exercer a sua liberdade de expressão. A decisão favorável ao ex-prefeito deixou seus adversários de cabelos em pé, pois o homem voltou aos palanques com gosto de gás. Misericórdia!

Vota contra

O senador Alexandro Vieira (Cidadania) é contra a aprovação do nome do desembargador Kassio Nunes Marques para o Supremo Tribunal Federal (STF). Nota do partido assinada por Vieira revela que a cada dia, a biografia do futuro ministro diminui. A Executiva do Cidadania considera que o nome do desembargador não reúne as condições necessárias para o cargo de Ministro do Supremo. Danôsse!

Um fantasma no TCE

O Tribunal de Contas de Sergipe acaba de instituir a figura do conselheiro fantasma. Em decisão unanime, o TCE anulou a posse de Clóvis Barbosa, mas manteve a validade de todas as decisões por ele tomadas nos 11 anos como conselheiro. A lógica diz que se a posse foi anulada, os atos do dito cujo também deveriam ser. Ora, se o homem nunca foi do TCE não pode ter seu jamegão nas decisões aprovadas pelos demais conselheiros. É por esta e outras que as línguas ferinas da terrinha batizaram aquele órgão de Tribunal faz de Contas. Home vôte!

Grana na mão

O governo de Sergipe conclui hoje, o pagamento dos salários de setembro último. Botam a mão na grana os servidores ativos, aposentados e pensionistas que recebem acima de R$ 3 mil, além de todos os comissionados. Ainda nesta sexta, será paga a 6ª parcela (do total de 9) do 13º salário de 2020 para os pensionistas e aposentados que recebem até R$ 6 mil. Também cai na conta bancária a 1ª parcela do 13º deste ano, referente a 50% do valor líquido aos pensionistas e aposentados que ganham mais de R$ 6 mil. Bom D+!

Lula vem mesmo?

Ainda não há data definida para que o ex-presidente Lula da Silva venha pedir votos para o candidato a prefeito Márcio Macedo (PT). Ontem, o prefeiturável petista garantiu que “Lula vem a Aracaju para conversar com o povo e nós vamos estar lado a lado”. Apesar dessa garantia do candidato, as más línguas têm espalhado pelas esquinas da cidade que não há certeza sobre a viagem do “Barba” à capital sergipana, pois ele está temendo viajar de avião por causa da Covid-19. Rapaz, será?

Dor da derrota

Aquele que se elegeu
Bota o som em toda altura
Abalando a estrutura
Daquele que não venceu.
E o infeliz que perdeu
Fica na decepção
Sofrendo do coração
Com cara de estressado.
E ainda fica quebrado
Quando acaba a apuração.

O cordel acima é do poeta nordestino Mundim do Vale.

Hoje tem Ibope

O Ibope divulga hoje, a primeira pesquisa sobre a disputa para a Prefeitura de Aracaju. Candidatos e simpatizantes só vão sossegar depois das 19 horas, quando os índices forem divulgados pela TV Sergipe. Para o prefeiturável que não aparecer bem agora, resta o consolo que esta é a primeira consulta de opinião feita pelo Ibope. As outras a serem elaboradas pelo mesmo instituto podem apresentar índices diferentes. Ah, bom!

Denúncia política

O prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) acredita que as denúncias de irregularidades no Hospital de Campanha têm caráter político-eleitoral. O caso está sendo investigado pela Polícia Federal, que garante já ter identificado irregularidades deste a montagem da unidade à constatação de serviços. Edvaldo ressalta, porém, que Aracaju lhe conhece e sabe que, em seus governos, a ética prevalece. Segundo ele, “a honestidade, a ética e a decência fazem parte da minha trajetória”. Então, tá!

Primeiro os meus!

E o deputado federal Valdevan Noventa (PL) confessou o motivo que o fez romper com o prefeito de Estância, Gilson Andrade (PSD). O parlamentar disse que virou oposição ao candidato à reeleição no momento em que este exonerou uma primeira e uma irmã dele da Prefeitura. A confissão feita por Valdevan em pleno comício, revela como o clientelismo ainda é forte no interior e que, para políticos como Noventa, o ditado popular “Mateus, primeiro os meus” ainda vale muito. Crendeuspai!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano O Nordeste, em 28 de maio de 1942.