09/10/20 - 15:40:44

POLÍCIA PRENDE TRÊS SUSPEITOS DE HOMICÍDIO PRATICADO NA CINELÂNDIA

Equipes da 1ª Divisão do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e do Núcleo de Inteligência (NIDHPP/Dipol), com o apoio da Delegacia de Crimes Contra a Pessoa (DCCP), de Campina Grande (PB), deflagraram a Operação Atalaia. A ação policial resultou no cumprimento de três mandados de prisão, decorrentes de um homicídio na praia da Cinelândia, em janeiro deste ano. Os detalhes da investigação foram repassados nesta sexta-feira, 9.

Desde o fim de semana, as equipes policiais de Sergipe e da Paraíba, coordenadas pelos delegados Hildemar Rios e Suelane Guimarães, realizavam diligências na cidade de Campina Grande (PB). Na manhã da segunda-feira, 5, os policiais civis localizaram e prenderam Matheus Phelipe Souza Braga, conhecido como “Matheus Playboy”. Ele foi detido em um apartamento no bairro Cruzeiro, na cidade paraibana.

Ao mesmo tempo, outra equipe do DHPP, coordenada pela delegada Maria Pureza, deu cumprimento aos mandados de prisão preventiva de Gabriel Gonzaga Freire da Silva, o “Fubá”, e de Lucas Wendell Rodrigues Santos, o “Messi”. Ambos estavam custodiados no Complexo Penitenciário Dr. Manoel Carvalho Neto (Copemcan) pela prática de outras ações criminosas.

Os mandados de prisão cumpridos nessa segunda-feira, 5, foram expedidos pela 8ª Vara Criminal de Aracaju, após os investigados terem sido identificados como os autores do homicídio que vitimou Alisson Lyra do Carmo, o “Domelys”. A vítima foi morta com diversos disparos de arma de fogo, na madrugada de 27 de janeiro deste ano. O crime foi praticado na praia da Cinelândia, no bairro Atalaia, em Aracaju.

O detido na cidade de Campina Grande (PB) será recambiado para Sergipe, onde ficará à disposição da Justiça. A Polícia Civil destaca que informações e denúncias que possam levar à localização de suspeitos de ações criminosas podem ser repassadas pelo Disque-Denúncia (181). O sigilo é garantido.

Operação Atalaia

A palavra atalaia, que dá nome à operação, tem origem árabe e significa torre de observação, também designando um ponto alto de onde se vigia. A escolha do nome se deu em razão do crime ter sido praticado no bairro Atalaia, e ainda em razão de no local existirem câmeras de vigilância do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp).

Fonte: Polícia Civil/ SSP