09/10/20 - 12:27:03

PREFEITO FLÁVIO DIAS PEDE DIREITO DE RESPOSTA A PORTAL DE NOTÍCIAS

O prefeito de Telha, Flávio Dias (PSD), foi surpreendido nesta quinta-feira (08) por uma publicação feita no portal de notícias FaxAju. O site publicou matéria falando na decisão judicial proferida pela Justiça Eleitoral, na qual o irmão de Flávio, Frei João Paulo, que é padre, teria cometido abuso de propaganda eleitoral ofensiva aos candidatos a prefeito de Telha e Propriá, e também irmãos, José João Nascimento e Luciano Nascimento, ambos do Democratas (DEM).

O que chama atenção na matéria, que está sem assinatura, são as informações exacerbadas sobre a campanha do candidato “Zé João”, como o da carreata feita pela coligação, classificando-a como “a maior” já vista no município. Outro fato, que destoa da verdade e também é relatado, faz insinuações a um crime que aconteceu no dia 04 de outubro, onde um jovem foi vítima de homicídio, devido a desavenças pessoais. A matéria diz que o crime aconteceu durante o evento “Adesivaço55”, mas tanto a polícia militar, como depoimentos de familiares afirmam que o jovem rapaz morreu após o término do ato político, em um local onde não aconteceu o evento.

A matéria, de viés tendencioso, ainda faz uma alusão a suposta entrega de bebidas e tira-gostos pela coligação do prefeito Flávio Dias durante o evento, que tinha como pretensão a instalação de adesivos em carros e ciclomotores de apoiadores.  Lamentando sobre tais informações infundadas estejam sendo publicadas, o candidato voltou a ratificar que não conduziu nada que fosse de encontro a Lei Eleitoral.

Com relação ao irmão, Flávio diz que o processo ainda não foi encerrado e que cabe recurso, e que os advogados da família já providenciaram a defesa, no qual foi apresentada nesta quinta-feira (08), junto ao Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe. “Espero que a população de Telha não se iluda com estes fatos inverídicos que andam sendo despejados em sites e redes sociais. Espero que o FaxAju, em respeito ao seu histórico, se retrate e publique o que realmente vem acontecendo em nosso Município. Caso seja preciso, iremos entrar com uma representação judicial solicitando o pedido de resposta”, assegurou o gestor.

Ascom Coligação Juntos Somos Mais Fortes: PSD,PT, MDB e PDT