19/10/20 - 13:27:01

SENADORA MARIA DO CARMO ALERTA PARA IMPORTÂNCIA DA MULTIVACINAÇÃO

Ao destacar que o Brasil tem o maior programa público de vacinação do mundo, a senadora Maria do Carmo Alves (DEM) apelou aos brasileiros que aproveitem a campanha de multivacinação para imunizar crianças e adolescentes contra cerca de 20 doenças. “Todos os anos são distribuídas uma média de 300 milhões de doses de vacina por todo o país, mas essa cobertura tem ficado a desejar, o que é muito preocupante porque doenças virais – como o sarampo, que havia sido erradicado – voltaram a figurar em nosso meio, trazendo danos à saúde da população”, alertou Maria.

A campanha, iniciada no último dia 5, segue até o próximo dia 30. Segundo o Ministério da Saúde, a meta é vacinar aproximadamente 95% da população contra vários males, dentre eles tuberculose, difteria, tétano, coqueluche, hepatite B, influenza tipo B, sarampo, caxumba, rubéola, HPV, além febre amarela, hepatite A, meningite e infecções generalizadas, causadas pela bactéria meningococo dos tipos A, C, W e Y.

De acordo com levantamento do Ministério da Saúde, o baixo índice de imunização já demonstra severas consequências, como a perda do certificado de erradicação do sarampo. “De janeiro até o início de agosto, segundo o MS, foram confirmados 7,7 mil casos de sarampo, doença que pode levar à morte. É um dado preocupante e que exige de cada um de nós a responsabilidade de manter o calendário vacinal em dia para evitarmos uma série de enfermidades, muitas com efeitos gravíssimos”, falou a senadora por Sergipe.

Maria do Carmo acredita que a crise sanitária gerada pela Covid-19, onde há toda uma orientação sobre a necessidade do isolamento e distanciamento social, tenha contribuído para que houvesse uma queda no processo de imunização, este ano. “Mas não podemos negligenciar. Precisamos manter todos os cuidados para evitar ser infectado ou infectar pessoas próximos com a Covid, mas não podemos descuidar da vacinação, que é imprescindível”, destacou a democrata.

Ela ressaltou que em meio à pandemia, que já dura cerca de sete meses, além do sarampo, outras doenças virais registram aumento. É o caso, por exemplo, influenza e da dengue. No caso da dengue, dados do MS revelam que, de dezembro de 2019 à primeira quinzena de março de 2020, o número de registros chegou a mais de 390 mil, com uma parcela considerável de mortes. “Em nosso país, a dengue é considerada um problema de saúde pública, em virtude da morbidade e mortalidade causadas por ela”, disse a senadora.

Maria citou informação de uma pesquisa realizada na Inglaterra, mostrando arriscada relação entre os vírus causadores da gripe e a Covid-19. “Está claro que a vacinação é um antídoto importantíssimo para combater diversas doenças. As vacinas são gratuitas e basta ir a uma unidade de saúde próxima”, apontou a parlamentar.

Fonte e foto assessoria