29/10/20 - 09:51:58

“As impressões digitais de Déda estão presentes na cidade”, revela Márcio Macêdo

Petista disse que, independente do que falem, seguirá honrando a história e legado do ex-governador e do presidente Lula em tudo que fizer

Na manhã desta quinta-feira, 29, o candidato a prefeito de Aracaju, Márcio Macêdo (PT), conversou com os radialistas, André Barros e Priscila Andrade, na rádio Nova Brasil FM. Durante entrevista, o petista comentou sobre o cenário político da capital, falou como tem sido a recepção da população e destacou a importância dos nomes de Marcelo Déda e Lula em sua caminhada.

Questionado sobre como tem sido suas agendas de campanha em relação ao apoio das pessoas, Márcio afirmou que “nós estamos empenhados”. Contudo, revelou que, por conta da pandemia, e por entender a necessidade de se cumprir os protocolos determinados pelas autoridades de saúde, a diferença em relação aos outros pleitos tem sido notória. “O momento é muito delicado, muito difícil. Estamos fazendo uma eleição em meio a uma pandemia. Isso é diferente de tudo que já fizemos antes. Sem contar que, essa situação, acaba beneficiando quem está no poder, quem tem a máquina na mão. Mas todos nós estamos empenhados”, disse.

“Mas, mesmo assim, a temperatura da minha campanha está quente, está bonita. A militância tomou conta das ruas. O povo está cada vez mais animado e receptivo. Estou muito confiante na ida ao segundo turno. Eu vejo o povo gritando ‘volta, PT’, com um sentimento de saudade de uma cidade que cuidava de verdade do seu povo. O povo sabe como o PT governa, e os aracajuanos sabem como a cidade evoluiu. Eu não escolho adversário para o segundo turno. Eu estou confiante, preparado e firme para essa missão”, complementou.

Márcio também respondeu a um comentário sobre seus programas eleitorais, no qual, segundo os radialistas, fazem referência aos outros nomes que disputam as eleições deste ano. Sobre isso, ele resumiu informando que “critica o que tem de ser criticado”. “Nós procuramos fazer tudo com qualidade, com responsabilidade. O povo sabe quem prometeu e não cumpriu, o povo sabe quem contratou os músicos para o Forró Caju e não pagou. Meu programa fala e mostra a verdade. Critico o que deve ser criticado. Estamos fazendo programas criativos, usando teatro, para mostrar a real situação de nossa cidade. E o povo sabe quem é quem”, sintetizou.

Além disso, o petista reforçou que, independente do que falem a seu respeito, seguirá honrando a história e legado do ex-governador Marcelo Déda e, também, do presidente Lula. “Eu tive uma relação real com Déda. Eu posso falar no legado dela, porque ajudei a construir o sucesso de Déda. Fizemos parte disso. As impressões digitais de Déda estão presentes na cidade, na vida das pessoas. Não tenho o menor problema de mostrar quem está comigo. Muito pelo contrário. Tenho muito orgulho. Muito mesmo”, declarou.

“Já disse isso por diversas vezes e repito: não escondo meus aliados. Edvaldo esconde André Moura, Temer. Danielle esconde os Valadares e o Delegado Alessandro. Rodrigo diz que não é dos Valadares e esconde Roberto Jeferson. Essa é a diferença. Eu fiz parte da gestão Déda, da gestão Lula. Eu fiz parte de uma gestão que mudou Aracaju, que cuidou do povo. Eu não preciso estar me escondendo de nada. Como não irei falar de Déda em minha campanha? Eu tenho consciência de tudo o que Déda e Lula fizeram e seguirei trilhando esse caminho. E vou fazer ainda mais. Vou preparar Aracaju para o futuro”, acrescentou.

Ainda durante a entrevista, Márcio alertou sobre a necessidade de a população analisar bem os discursos e posicionamentos de alguns candidatos que, repentinamente, mudaram postura. “O povo sabe que está na hora da mudança e quer a mudança. Essa mesmice que está aí não atende mais as necessidades da cidade. Temos uma trajetória ética e séria, com administração competente, que reforça nossa caminhada. Chegou a hora mudança? Chegou. Mas é preciso ter mudança com responsabilidade, com coerência histórica. É preciso mudar, sim, mas com verdade. E isso nós temos”, orientou.

Visita a Lula

Na última quarta-feira, 28, Márcio esteve em São Paulo para conversar com o presidente Lula. A viagem também foi motivada pelo aniversário do ex-presidente, comemorado no dia 27, que tem uma relação de amizade de longa data com o postulante a prefeito de Aracaju. Na oportunidade, eles também conversaram sobre a disputa eleitoral deste ano e debateram sobre a vinda do líder petista à capital sergipana.

“Fui dar um abraço no presidente Lula. Ele é meu amigo. Construímos uma relação muito bonita ao longo desses anos. Lula me ensina muito, o tempo todo. Conversamos sobre muitos assuntos, inclusive, sobre sua vinda à Aracaju, que ainda está sendo ajustada. Ele tem 75 anos e, devido a sua representatividade nacionalmente, precisamos ter alguns cuidados por conta da pandemia, pois entendemos que é preciso respeitar as normas e sabemos que a presença dele indica multidão e precisamos ser cautelosos”, revelou.

“Ele ama o nosso estado e fala de Aracaju com muito amor. Fala em Déda com saudade e se emociona. Ele está feliz com nossa caminhada e me disse que somos a possibilidade do resgate da felicidade de Aracaju”, concluiu.

Fonte e foto assessoria